Bruno Gagliasso comenta, no Twitter, caso de racismo contra Titi

- O Estado de S.Paulo

'É crime e contra uma criança', escreveu na rede social

  

   Foto: Reprodução/Instagram

O ator Bruno Gagliasso fez dois posts no Twitter na tarde desta quarta-feira, 16, comentando o racismo sofrido pela filha dele e de Giovanna Ewbank, Titi, de dois anos. "Minha filha tem algo que esses caras não têm: amor. Em relação ao preconceito, a gente tem que ser intolerante", escreveu.

Ele já havia comentado o caso no programa do Faustão do último domingo, 20, e acrescentou, na rede social: "É crime e contra uma criança. O mais importante é que ache [o culpado] e prenda se tiver que prender". Bruno foi à delegacia na manhã desta quarta para prestar queixa.

O internauta autor das frases racistas ainda não foi identificado. "Vocês tinham que adotar uma menina de olhos azuis isso sim iria combinar e não aquela pretinha parece uma macaquinha #lugardepretoénaafrica!!!”, comentou em um selfie da atriz Giovana Ewbank. O casal de atores adotou Titi no Maláui, na África.