Áudio antigo mostra Trump dizendo que gostaria de ter dormido com a princesa Diana

Redação - O Estado de S.Paulo

‘Ela era louca, mas isso é um detalhe sem importância’, disse o presidente dos Estados Unidos sobre Lady Di

Diana teria ficado assustada com assédio de Trump após sua separação, diz amiga da princesa

Diana teria ficado assustada com assédio de Trump após sua separação, diz amiga da princesa Foto: Lucas Jackson/ Reuters | David Osborn/ Reuters

Áudios antigos de Donald Trump mostram o atual presidente dos Estados Unidos dizendo que se lamentava por não ter feito sexo com a princesa Diana. O comentário foi feito durante o programa de rádio norte-americano The Howard Stern Show, em 1997, meses após a morte da princesa, e novamente no ano 2000.

O portal Huffington Post resgatou os áudios dos discursos do magnata em vídeo publicado nas redes sociais. É possível ouvir o apresentador Howard Stern questionar: “Você transaria com ela?”, ao que Trump responde categoricamente: “Sem hesitar. As pessoas não se dão conta de como ela era linda”.

O magnata chega a comparar Diana com uma modelo, alegando que ela era muito bela. “Ela era louca, mas isso é um detalhe sem importância”, acrescentou.

Além disso, o vídeo relembra que, em 2015, Selina Scott, uma amiga da princesa, confessou ao jornal britânico The Sunday Times que Trump assediou a princesa após ela se separar de príncipe Charles, “bombardeando-a com flores” e que ela se sentia assustada.

“Conforme as rosas e orquídeas foram se acumulando em seu apartamento, aumentava sua preocupação sobre o que fazer. Parecia que Trump a estava perseguindo”, contou Selina Scott.

Lady Di e Trump se encontraram diversas vezes após isso como, por exemplo, em um evento de caridade em Nova York em 1995.

Confira a postagem: