Ator de 'Indiana Jones' e 'Os Goonies' volta às telas de cinema após 20 anos sem atuar

Rafael Nascimento - Especial para o Estadão

Ke Huy Quan revelou que se afastou da carreira de ator porque as oportunidades diminuíram

O ator Ke Huy Quan, mais conhecido por seus trabalhos em 'Indiana Jones' (1984) e 'Os Goonies' (1985), retorna às telas de cinema após 20 anos, no filme 'Everything Everywhere All at Once'.

O ator Ke Huy Quan, mais conhecido por seus trabalhos em 'Indiana Jones' (1984) e 'Os Goonies' (1985), retorna às telas de cinema após 20 anos, no filme 'Everything Everywhere All at Once'. Foto: A24/YouTube

O ator Ke Huy Quan, mais conhecido por seus trabalhos em Indiana Jones (1984), como Short Round, e em Os Goonies (1985), como Dado, voltou às telas de cinema após um longo hiato, mais precisamente 20 anos.

O retorno do artista ocorrre no longa Everything Everywhere All at Once, que ainda não estreou no Brasil, e também ainda não tem título em português.

Em entrevista à revista People, o ator natural do Vietnã, contou o motivo de ter estado tanto tempo longe da carreira cinematográfica. Segundo Quan, após Os Goonies, as oportunidades de trabalho diminuíram.

"Pensei que teria uma carreira incrível. Foi duro. Eu esperava o telefone tocar, e raramente acontecia", disse ele, que também revelou que a decisão de parar de atuar foi "muito dura"

Após o afastamento dos holofotes, o ator se formou em cinema na Universidade da Califórnia, e se tornou assistente de direção e coordenador de dublês. A vontade de atuar resurgiu após a comédia romântica Podres de Ricos (2018), na qual Michelle Yeoh, que protagoniza Everything Everywhere All at Once, também participa.

Ver um elenco totalmente asiático, falando inglês em um filme norte-americano, reascendeu a vontade em Quan de atuar.

"Eu estava feliz trabalhando atrás das câmeras, mas tive Síndrome de FOMO (Fear of Missing Out). Queria estar lá na frente com meus colegas asiáticos!", contou o ator. O vietnamita deu vida a três versões de um mesmo personagem no longa deste ano.

"Quando li o script, pensei que eles tivessem feito os personagens pensando em mim. Eles são eu. Eu compreendi cada um deles. Não acho que teria conseguido interpretar Waymond 10 ou 15 anos atrás. Olhando para minha vida, todos os altos e baixos, eu alcancei lugares profundos dentro de mim para dar vida a esses três personagens diferentes", enfatizou o ator.