Alexandre Nero conta que parou de usar drogas após se tornar pai

Redação - O Estado de S. Paulo

'Tive uma mudança drástica depois dos meus filhos, fui tentar ser uma pessoa melhor', afirma o ator

Alexandre Neto disse que tentou se tornar 'uma pessoa melhor' após o nascimento de seus filhos, Noá e Inã.

Alexandre Neto disse que tentou se tornar 'uma pessoa melhor' após o nascimento de seus filhos, Noá e Inã. Foto: João Miguel Jr/Globo

Em entrevista ao jornal O Globo, divulgada na segunda-feira, 14, o ator Alexandre Nero abriu o coração ao falar sobre a paternidade. Pai de Noá, de 6 anos, e Inã, de 3, o artista contou que mudou seu estilo de vida após o nascimento dos filhos e precisou abrir mão de hábitos que tinha há anos – entre eles, o uso de drogas lícitas e ilícitas.

"Parei com todas as drogas lícitas ou ilícitas, faço exercício, cuido da alimentação, passei a fazer análise seriamente. Era um cara muito explosivo, não tinha paciência com criança, comecei a ler sobre pedagogia. A estabilidade profissional e financeira é o lado bom. A parte física é a pior. Comecei a malhar para segurar meu filho no colo, agachar para brincar no chão. Eu não conseguia", declarou o ator.

Por ter perdido os pais ainda adolescente, Alexandre disse que precisa se controlar para que o medo da morte não o paralise. "Criei um trauma que projeto nos meus filhos. Tenho sentimento de morte o tempo inteiro. Antes, era tipo 'f***'. Agora não posso morrer", afirmou.

O ator contou que esse foi o sentimento responsável pelo choro no clipe da canção A Partícula, que será lançada no dia 18 de março. A música foi composta em parceria com João Cavalcanti e é dedicada aos seus filhos, Noá e Inã. 

A Partícula faz parte do novo álbum do ator, Quarto, suítes, alguns cômodos e outros nem tanto, que tem previsão para ser lançado em abril deste ano.