Torre de Lego de 36 metros é construída para homenagear garoto que morreu em 2014

Agência Ansa - ANSA

As peças foram doadas pela população de Tel Aviv, em Israel, em lembrança a Omer Sayag, que morreu de câncer aos 8 anos

A torre foi construída na praça Rabin, em Tel Aviv

A torre foi construída na praça Rabin, em Tel Aviv Foto: EFE/ Abir Sultan

TEL AVIV (ANSA) - A prefeitura de Tel Aviv, em Israel, anunciou nesta quarta-feira, 27, que os moradores da cidade construíram uma torre de 36 metros de altura apenas com peças de Lego. A estrutura foi montada com cerca de um milhão de peças doadas pela população, que tem o objetivo de bater um recorde mundial que seja registrado pelo Guinness Book.   

A campanha pela inscrição da torre no Guinness foi lançada há pouco mais de um ano pelos educadores de Omer Sayag, um menino que morreu de câncer aos oito anos em 2014, e que construía torres de Lego quando estava doente.   

A torre foi construída em mais de 15 dias em frente ao edifício da prefeitura e permanecerá sendo exibida durante quatro dias na praça Rabin.   

O recorde precedente da torre de Lego mais alta, segundo o Guinness, data de 2015, quando a filial italiana da empresa Lego construiu uma de 35,05 metros de altura durante a Exposição Universal de Milão. (ANSA)

VEJA TAMBÉM: Os recordes mais bizarros do mundo

YouTube / @Guinness World Records
Ver Galeria 18

18 imagens