Suspeita de roubo de carro alegou ser Beyoncé e não parou para a polícia porque não teve vontade

Agência - AP

A polícia informou que Surena Henry disse ao policial que achou as chaves do veículo e o levou para um passeio de alegria

Cantora Beyoncé

Cantora Beyoncé Foto: Mike Blake/Reuters

Uma mulher do Novo México está sendo processada depois que a polícia a acusou de ter roubado um carro e alegar que era a cantora pop Beyoncé Knowles.

Surena Henry foi presa na manhã de sábado em Las Cruces, Novo México, quando um policial a viu em um veículo tinha sido roubado recentemente, informa o Las Cruces Sun-News.

De acordo com documentos do tribunal, Henry, de 48 anos, ignorou as ordens do policial de estacionar e depois estacionou em frente a sua casa.

Documentos dizem que Henry disse ao oficial que ela era Beyoncé.

Surena Henry, de 48 anos 

Surena Henry, de 48 anos  Foto: Doña Ana County Detention Center

A polícia também informou que Henry disse ao policial que encontrou as chaves do veículo e decidiu levá-lo para um passeio de alegria. Ela também disse à polícia que não parou de dirigir quando viu as luzes de emergência porque não estava com vontade.

Henry é acusada de pegar ilegalmente um veículo, ocultar a identidade e resistir ou obstruir uma prisão.

Não se sabia se ela tinha um advogado.