'Sim, tudo por uma foto', diz influenciadora após ser mordida por tubarão

Redação - O Estado de S.Paulo

Ana Bruna Avila, que mora em Florianópolis, foi atacada enquanto nadava com os animais na Ilha Exuma, nas Bahamas

Influenciadora digital Ana Bruna Avila publicou foto do momento em que foi mordida por um tubarão

Influenciadora digital Ana Bruna Avila publicou foto do momento em que foi mordida por um tubarão Foto: Reprodução Instagram/ anabruna

A influenciadora digital Ana Bruna Avila, que mora em Florianópolis, contou para os seus seguidores nesta quarta, 29, que iria o "sonho de sua vida" durante  sua viagem para Bahamas. "Eu vou deitar ali com os tubarões vocês vão ver", disse em um story publicado no Instagram. Porém, mais tarde ela voltou a usar a rede social para compartilhar que nem tudo saiu como o esperado: ela foi mordida por um dos animais com quem ela sonhava nadar.  

"Devem ter botado um olho gordo desgraçado na minha viagem. O tubarão que eu estava nadando agora, eu vou mostrar as fotos maravilhosas que eu tirei, me mordeu e arrancou um pedaço do meu braço. Quem aí estiver torcendo para minha viagem ficar uma merda, eu não vou me abalar porque um tubarão mordeu meu braço", disse com lágrimas nos olhos.

Ana Bruna fez inúmeras publicações para responder questionamentos e críticas sobre o ocorrido. "Gente, para quem quiser saber se eu estou bem, eu estou muito bem. Meu cabelo que não está muito bem, mas de resto eu estou bem, já fizeram um curativo aqui", afirmou complementando que mais tarde iria ao médico.

 

Mais tarde, ela resolveu falar sobre a motivação para nadar com os tubarões na Ilha Exuma: "Sempre quis nadar com os tubarões, mas não para ele me morder, para sentir aquela coisa. Eu adoro adrenalina e aí eu fui nadar com os tubarões onde todas as modelos que eu sigo nadam e elas fazem fotos perfeitas é no meio do oceano eles estão nadando no ambiente deles, sim pode acontecer de eles morderem, como aconteceu comigo, mas eu não fui lá para eles me morderem".

"Sim, tudo por uma foto. Eu queria muito uma foto ali, eu gosto muito de animais marinhos e eu queria muito ficar perto dos tubarões. Inclusive, eu vou tatuar um tubarão no meu braço e se reclamar eu vou tatuar dois", confessou. 

Ela também explicou as condições no momento do acidente. "Eu deitei assim [gesticula com os braços esticados]. Até então eu passava a mão neles e eles estavam de boas comigo, eles até fechavam o olhinho assim quando eu passava a mão. Daí eu deitei e não sei se eu estiquei demais o braço e pode ter tocado na boca dele. Ele abocanhou meu braço, eu tirei rápido, a primeira coisa que eu pesei foi: 'sangue, tubarão, eu vou morrer agora'. Eu comecei a nadar a me debater e eles já saíram graças a deus e eu subi de volta."

Ana relatou que disseram para ela que até então nunca um tubarão tinha mordido um turista no local. Segundo a influenciadora, ela foi atacada pois usava uma pulseira prateada e dourada e os animais confundiram o acessório com comida.

A influenciadora afirmou que entre os comentários negativos, alguns internautas até desejam a sua morte. "Você acha que é melhor porque você está atacando uma pessoa? Se você quer falar algo construtivo, não humilhe a outra pessoa. Quem nunca errou na vida?", rebateu. 

Apesar da polêmica, a jovem ressalta que não está incomodada com a rejeição. "Eu não estou nem um pouco ofendida com nenhum tipo de comentário. Estou muito feliz sempre. Sério, já tem seis meses que eu sou a mulher mais feliz do mundo, então parem de apedrejar seja lá quem seja, só faz mal para vocês", concluiu.

Veja como eram as blogueiras de moda e beleza antes de alcançar milhões de seguidores

Reprodução YouTube e Instagram
Ver Galeria 10

10 imagens