Seminário em homenagem a Nelson Mandela discute racismo e direitos humanos

Redação - O Estado de S.Paulo

Evento, que será gratuito, acontecerá no Teatro Tuca, em São Paulo

Nelson Mandela em foto de 1990.

Nelson Mandela em foto de 1990. Foto: Trevor Samson / AFP

Por mais de dez horas, o Teatro Tuca recebe o seminário Educação para os Direitos Humanos e Superação do Racismo nesta segunda-feira, 26, em São Paulo. O evento, que será gratuito, faz parte da celebração do centenário de Nelson Mandela e é organizado pelo South African Tourism, escritório de turismo da África do Sul no Brasil, em parceria com a PUC de São Paulo e a prefeitura.

Em 2018, o líder sul-africano completaria 100 anos. Para propagar a mensagem de liberdade e igualdade entre os seres humanos e contra o racismo, uma série de workshops e rodas de conversas acontecerão das 8h30 às 18h. 

A primeira a falar será Shanaaz Ebrahim, cônsul econômica da República da África do Sul no Brasil, no painel A África do Sul pós-apartheid e o legado de Direitos Humanos de Nelson Mandela para o Mundo.

O segundo seminário será sobre a influência dos ensinamentos do líder africano na vida dos brasileiros e será mediado pela professora Lucineia Rosa dos Santos, pesquisadora da PUC-SP. A última apresentação será da filósofa e escritora Djamila Ribeiro, com o tema O lugar de fala dos Direitos Humanos.

Depois de todas as apresentações, haverá momento para perguntas e discussão com o público. Além disso, duas escolas que venceram o primeiro e o terceiro lugar no Prêmio Paulo Freire 2018 vão compartilhar suas experiências com os participantes do evento: a EMEI Nelson Mandela e a EMEF Sebastião Francisco - O Negro. 

Serviço:

Data: 26 de novembro de 2018 

Horário: das 8h30 às 17h30

Local: Tuca, Teatro da PUC-SP (Rua Monte Alegre, 1024, Perdizes, São Paulo)

 

Programação completa:

8h30 - Credenciamento com café, no saguão

9h - Abertura do evento

9h30 - A África do Sul pós-apartheid e o legado de Direitos Humanos de Nelson Mandela para Mundo. Palestrante: Shanaaz Ebrahim, contribuinte da Lei de Afirmação Pós-Apartheid, atual cônsul econômica da República da África do Sul no Brasil.

10h30 - Diálogo da palestrante com o público - Coordenador: Alípio Casali (PUC-SP)

10h45 - Intervalo

11h15 - Direitos Humanos e o Legado de Nelson Mandela no Brasil. Palestrante: profa. dra. Lucineia Rosa dos Santos, pesquisadora sobre Direitos Humanos da Faculdade de Direito da PUC-SP

12h15 - Diálogo da palestrante com o público - Coordenador: Alípio Casali (PUC-SP)

12h30 - Intervalo para Almoço

13h30 - As Ações de Celebração do Centenário de Nelson Mandela no Brasil. Apresentação de Tati Isler, representante da South African Tourism no Brasil.

14h - O lugar de fala dos Direitos Humanos. Palestrante: Djamila Ribeiro, filósofa e escritora, mestre em Filosofia Política e ex-secretária Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo.

15h - Diálogo da palestrante com o público - Coordenadora da Mesa: Vera Lúcia Benedito (SME/NEER)

15h30 - Intervalo

16h - Relato de Experiências:

1. EMEI Nelson Mandela (DRE/FB) - 1º. Lugar Prêmio Paulo Freire 2018. (Diretora: Cibele Racy)

2. EMEF Sebastião Francisco - O Negro (DRE/IT) - 3º. Lugar Prêmio Paulo Freire 2018 (Diretora: Priscila Arce)

16h45 - Diálogo com o público - Coordenadora da Mesa de Experiências: Mariângela do Nascimento Akepeu (SME/NEER)

17h30 - Apresentação cultural

18h - Encerramento