Príncipe saudita compra passagens de avião para 80 falcões

- O Estado de S.Paulo

Segundo um usuário do Reddit, cada pássaro ganhou seu próprio assento; prática é comum no Oriente Médio

  

   Foto: Reprodução/Reddit - lensoo

Se você fica incomodado com a presença de um bebê no avião, imagine dividir o voo com 80 falcões. Sim, 80 pássaros enormes, cada um 'sentadinho' em sua própria poltrona. Foi o que aconteceu, segundo um usuário do fórum Reddit.  Ele informou no post que os animais são de um príncipe saudita.

A cena pode parecer bem bizarra para quem não está acostumado a voar no Oriente Médio. No entanto, é bastante comum levar falcões em aviões por lá. Inclusive, o site do Ministério de Mudanças Climáticas e Meio Ambiente dos Emirados Árabes Unidos tem uma página dedicada ao passo a passo da retirada do passaporte dos animais. O documento é válido por três anos e o falcão precisa ter uma tornozeleira de identificação.

Até os sites das companhias aéreas da região têm seções dedicadas ao assunto. A Qatar Airways, por exemplo, permite que o passageiro leve um falcão a bordo na classe econômica, limitado ao máximo de seis falcões por aeronave. O preço vai de US$ 115 a US$ 630 por animal, dependendo da origem e do destino do voo. A Ethiad Airways também permite que o passageiro carregue um falcão consigo ou o despache como bagagem (opção também permitida pela Qatar, com custo adicional).

A companhia informou ao Business Insider que, pelo uniforme e as características da aeronave, a foto provavelmente foi tirada em um voo da própria Ethiad. O site também informou que os animais devem ser colocados sobre panos, cada um em seu assento.