Por 500 mil euros, italiano faz panetone mais caro do mundo

Agência ANSA - ANSA

Somente duas unidades do pão natalino foram produzidas pelo chef Dario Hartvig

O chef italiano Dario Hartvig produziu o panetone mais caro do mundo, revestido em ouro e que custa aproximadamente R$ 1,9 milhão. Na foto, o panetone produzido em 2016

O chef italiano Dario Hartvig produziu o panetone mais caro do mundo, revestido em ouro e que custa aproximadamente R$ 1,9 milhão. Na foto, o panetone produzido em 2016 Foto: Facebook/PASTICCERIA-DEL-BORGO

SÃO PAULO (ANSA) - Produzido no Piemonte, norte da Itália, o panetone mais caro do mundo custa 500 mil euros (R$ 1,9 milhão, segundo a cotação atual). Somente duas unidades foram fabricadas e elas serão destinadas a um oligarca russo e a um milionário indiano. Ambos os doces são revestidos com ouro.

Dario Hartvig é o responsável pela fabricação da iguaria, na Pasticceria del Borgo, em Carmagnola, que já atua há bastante tempo no setor de luxo, alcançando facilmente o mercado internacional. O comprador russo, por exemplo, adquire o panetone desde 2013, quando custava 80 mil euros (R$ 310 mil). Já o doce natalino que embarcará para a Índia é um presente de casamento. O doce pesa 5 quilos e será decorado com diamantes da marca Crieri, da cidade de Valenza.

A massa do panetone leva açúcar, farinha, manteiga, ovos, açafrão, chocolate de cacau equatoriano, além de flocos de ouro alimentar. Na cobertura, uma folha de ouro 22 quilates e decoração com brilhantes. A Pasticceria del Borgo oferece também uma versão mais ‘simples’, de um um quilo — com folha de ouro alimentício e decoração em cristais — por 800 euros (R$ 3 mil). (ANSA)

VEJA TAMBÉM: Estes panettones diferentões vão salvar o Natal dos que odeiam uva passa.