Pequeno 'super-homem' bate recorde de Michael Phelps na natação

Redação - O Estado de S.Paulo

Aos dez anos, Clark Kent superou marca do maior campeão olímpico da história, registrada há 23 anos

Michael Phelps se aposentou em 2016, depois de disputar as Olimpíadas do Rio

Michael Phelps se aposentou em 2016, depois de disputar as Olimpíadas do Rio Foto: Patrick B. Kraemer/EFE

Um garoto de dez anos conquistou uma marca histórica em um torneio de natação nos Estados Unidos. Ao vencer a prova dos 100 metros estilo borboleta de sua categoria no Far West International Championship, com o tempo de 1min9s38, Clark Kent Apuada - isso mesmo, xará do super-homem - bateu um recorde que pertencia, desde 1995, a ninguém menos, do que Michael Phelps.

Quando venceu a prova, também aos dez anos, Phelps fez o tempo de 1min10s48. De lá para cá, evidentemente, ele melhorou sua performance, tanto que detém, ainda hoje, o recorde global da prova, de 49s82, obtido no Mundial de Esportes Aquáticos de Roma, em 2009.

Contudo, a marca do torneio infanto-juvenil permaneceu intacta todos esses anos, até o feito de Clark, realizado no último domingo, 29. "Esse garoto é diferente de qualquer jovem que já trabalhei", disse a treinadora do nadador, Dia Riana, à rede americana CNN. "Ele sempre se destacou".

Apelidado de super-homem, por causa de seu nome, o nadador acredita que a determinação é seu grande poder. "Sonhe alto, sempre foque nos seus sonhos e divirta-se", declarou.

Ele conta que o apoio das pessoas próximas é muito importante em sua carreira. "Eu amo nadar porque meus treinadores e meus pais estão sempre ao meu lado para me ajudar".

Michael Phelps é considerado por muitos o melhor nadador e um dos melhores esportistas da história. Ele é o maior campeão olímpico da era moderna, com 28 medalhas, sendo 23 de ouro, três de prata e duas de bronze. Ele se aposentou em 2016, após disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.