Pai com câncer terminal procura família para adotar seu filho

- O Estado de S.Paulo

Nick Rose sofria de câncer de pulmão e o tratamento não deu resultados

Nick Rose e seu filho Logan.

Nick Rose e seu filho Logan. Foto: Reprodução

O inglês Nick Rose sofria de câncer de pulmão e nos ossos e, após lutar por nove meses contra a doença, não teve cura e morreu. Antes disso, porém, ele fez de tudo para deixar seu filho de quatro anos de idade, Logan, numa situação confortável.

Ele era uma pai solteiro e procurou por uma família adotiva para Logan. "O Nick era um pai excelente. A mãe do Logan o abandonou logo depois do nascimento do menino e ele fazia tudo para agradar o filho. Manteve-se forte como nunca após saber do câncer, e foi muito corajoso durante todo o processo. No final, só queria garantir que o filho tivesse uma família adotiva quando ele morresse", disse uma amiga de Nick ao site Daily Mirror.

Nick conseguiu uma família adotiva e, depois que morreu, no dia 3 de janeiro, Logan foi entregue aos novos pais. Os amigos de Nick, no entanto, estão com dificuldades para pagar o funeral e, por isso, começaram uma campanha de arrecadação de dinheiro num site. Os interessados podem doar neste link.