No Brasil, coreano faz sucesso com Instagram para mostrar desenhos aos netos

Redação - O Estado de S.Paulo

Aos 75 anos, Chan publica cenas do País para seus netos, que vivem na Coreia e EUA

Desenhos feitos por avô ilustram a cidade de São Paulo.

Desenhos feitos por avô ilustram a cidade de São Paulo. Foto: Instagram / @drawings_for_my_grandchildren

Chan, de 75 anos, é um imigrante da Coreia que criou uma conta no Instagram para compartilhar com seus três netos sobre a vida no Brasil, onde mora atualmente, além de outros desenhos.

As publicações são, em sua maioria, feitas com a técnica de aquarela, que retratam situações cotidianas da cidade de São Paulo, onde ele mora. De acordo com seu site, possui três netos: Arthur e Allan, de 13 e 12 anos, respectivamente, que vivem na Coreia, e Astro, 3, que vive em Nova York.

“O que deveria ser apenas aos meus netos, acabou se espalhando e crescendo mais do que imaginávamos. [...] Muito obrigado pelo interesse e carinho”, escreveu na página.

 

The World Cup has started. Arthur, Allan, Brazil should now be dropping fire crackers and the whole neighborhoods must be dressed in green and yellow, stocking up beers and glued to the TV transmitting games in Russia. Grandpa can see children in every empty alley or street, kicking ball barefoot, removing their slippers and placing them as goal posts. The DNA of football flows in every Brazilian child. In our second year of immigration, at the 1982 World Cup, I fell in love with the brilliant Brazilian football, so different from the European football. How much I miss Socrates, Zico and Falcon of that time... #WorldCup #Brazil #Football 월드컵이 시작되었다. 알뚤, 알란! 브라질은 지금쯤 빵빵 폭죽 터뜨리며 온 동네 사람, 노랑초록의 셔츠로 맥주병 쌓아놓고, 티비 속 러시아 여러 경기장으로 달려갈 거야. 할아버지는 어느 골목이든 공터만 있으면 슬리퍼 벗어 골대 삼고 맨발로 공차는 아이들이 눈에 선하구나. 축구가 DNA에 흐르는 브라질 어린이들. 이민 다음 해, 나는 82년 월드컵을 보며 유럽 축구와는 다른 현란한 브라질 축구에 푸욱 빠졌었어. 그때의 소크라치스, 지코, 화우껑...선수들이 그립구나 !#월드컵 #꼬빠 #브라질축구 A Copa do Mundo começou. Arthur, Allan! O Brasil deve estar agora só soltando rojões e a vizinhança toda deve estar vestida de verde e amarelo, estocando cervejas e percorrendo os estádios de toda a Rússia pela tv. O vovô consegue ver crianças em cada beco ou rua vazia, chutando bola descalças, demarcando o gol com seus chinelos. É que o DNA do futebol flui em cada criança brasileira. No nosso segundo ano de imigração, na Copa do Mundo de 82, me apaixonei pelo brilhante futebol brasileiro tão diferente do futebol europeu. Que saudades do Sócrates, Zico e Falcão daquela época... #copadomundo #Brasil #futebol #rumoaohexa

Uma publicação compartilhada por Grandpa Chan (@drawings_for_my_grandchildren) em

 

 

They are the containers coming from Santos to São Paulo. It's noon on a Thursday. Grandpa and grandma went to spend one day in Guaruja and we were on our way back. The day was clear, the weather was warm and the traffic was calm. It's been a long time since I looked calmly at the mountains from near and far, so I began to sleep. And it was then that the tunnels began to appear. With every tunnel we passed, grandpa discovered that most of the cars were freight trucks or containers. It was good to see the Brazil that works diligently. #santos #watercolor #brazil #conteiner São os contêiners que estão vindo do Santos a SP. É meio dia de uma quinta-feira. O vovô e a vovó foi passar um dia no Guarujá e estávamos no caminho de volta. O dia estava claro, fazia calor e o trânsito estava tranquilo. Fazia tempo que não olhava calmamente as montanhas de perto e de longe, então passei a ficar com sono. E foi nessa hora que os túneis começaram a aparecer. A cada tunel que passávamos o vovô foi descobrindo que a maioria dos carros eram caminhões de carga ou contêiners. Era bom de se ver... o Brasil que trabalha, o Brasil trabalhador. #conteiners #santos #guaruja #transitotranquilo #tuneis #brasilquetrabalha 산또스에서 쌍빠울로 올라오는 컨테이너들이다. 목요일 낮 열두 시. 할아버지와 할머니는 과루자에 가서 하루 지내고 돌아오는 중이었다. 날씨는 맑고 더웠고 길은 막히지 않았어. 오랜만에 한가한 마음으로 멀고 가까운 산들을 바라보고 있으려니 솔솔 잠이 찾아오는거야. 그럴 즈음 굴들이 나타나기 시작했어. 계속하여 굴로 들어가며 할아버지가 발견한 것은 거의 모든 차들이 짐차와 컨테이너라는 것이었어. 일하는 브라질, 부지런한 브라질. 참 보기가 좋더라. #산토스에서올라오는길 #컨테이너들 #과루자해안 #브라보브라질 #힘내라브라질

Uma publicação compartilhada por Grandpa Chan (@drawings_for_my_grandchildren) em

 

 

Boys, what was the most surprising thing you saw in Korea when you arrived here? For grandpa, everything is surprising. From now on, I’ll try to draw everything I see and feel from my new experiences. Today I’m drawing about the moving experience. I was surprised they sent the arrival time through the mobile phone and arrived on time without any delay. And the most surprising thing was that the movers delivered everything through a truck with a ladder to our new apartment on a high floor. They did it so quickly and it was so convenient, I was dumbfounded. Does your grandpa sound like a country hick? #watercolor #movers #koreanexperience Qual foi a coisa que mais impressionou vocês quando chegaram na Coreia? O vovô tem achado tudo muito incrível. De agora em diante vou tentar desenhar tudo de diferente que ver e lembrar. Acho que este deve ser a quinta coisa entre eles. Uma das coisas mais surpreendentes foi na hora de receber alguma entrega. Eles ligam para o celular da gente, confirmam o endereço e o horário e chegam pontualmente na hora combinada. E o melhor de tudo é o serviço de mudança. Mesmo em prédios bem altos, eles têm um sistema de "caminhão escada" para enviar a mudança para cima e para baixo por fora do prédio... fiquei impressionado com tamanha rapidez e praticidade. Seu avô está parecendo um cara da roça? #adaptação 너희는 한국에 왔을 때 무엇이 가장 신기하고 놀라웠었니? 할아버지는 모든 게 놀랍다. 이제부터 생각나는 대로 본 대로 그려볼 텐데 오늘은 그 다섯 번째쯤 되는 것? 물건들 배달할 때 셀폰으로 주소 도착시간 확인 시키고 실제로 어김없이 딱딱 이루어지는 것이 놀랍더라. 그 중에서도 최고는 이삿짐 센터의 일, 아무리 높은 아파트도 밖에서 사다리로 짐을 올려보내고 내려보내고….얼마나 빠르고 편한지 신기하더라. 할아버지가 촌놈같으니? #한국생활적응기 #이삿짐나르기 #사다리

Uma publicação compartilhada por Grandpa Chan (@drawings_for_my_grandchildren) em

 

 

When grandpa saw a street garlic vendor near home, I was so happy I followed him for a while. As the man walked energetically, he screamed: "Look at the garlic!" In that moment, I remembered the early days of our immigration. While we were driving and crossing the canal near the Central Market, I saw a garlic vendor on the street. There were mountains of garlic. Wow! These garlics which were braided and hung in bundles, looked just like the ones in Korea. Brazilians also eat garlic! I thought this one fact alone would make our immigrant life easier. You guys can't imagine how many sad stories there were around the world because of the saying "garlic stinking Koreans." You guys know Brazilians even add garlic in their rice, right? Ah, you used to eat Brazilian rice all the time! #watercolor #garlic #immigrants #korea #brazil #grandpamemories Vi um vendedor de alhos perto do apartamento onde moro. Fiquei tão contente em vê-lo que fui seguindo atrás dele por um tempão. Quando passava em frente a um bar falou bem alto: "Olha o alho!" Com isso acabei lembrando de quando acabara de chegar no Brasil. Havia um mercado de alho ali perto da marginal perto do mercado central que acabei descobrindo quando passava de carro. Alhos de montão. Uau! As cabeças de alho ali penduradas... que susto levei quando vi que estavam trançadas iguais como na Coreia. Brasileiros que comem alho! Só por esse simples fato pensei que a vida de imigrante seria tranquila. Vocês nem devem imaginar que passado triste se esconde atrás da expressão 'Coreanos que fedem a alho!' Vocês sabem que os brasileiros colocam alho até no arroz, não é mesmo? Vocês também costumavam comer.. #vendedordealho #olhaoalho #vidadeimigrante #memoriadovovo 우리 아파트 근처에서 마늘 장수를 봤을 때 할아버지는 정말 반가워 한참 뒤따라 갔지. 그 아저씨는 바르를 지날 때 번쩍 들어 외쳤어. "마늘 보세요." 나는 순간 이민 초기가 떠올랐어. 차를 타고 중앙시장 근처 개천가를 지나다 우연히 보게 된 것이 마늘시장이었어. 산더미 같은 마늘들. 와! 주렁주렁 매달린 마늘 꾸러미, 그런데 마늘 꿰어 놓은 모양이 한국에서 보던 것과 꼭같은 것에 더 놀랐어. 마늘을 먹는 브라질 사람들! 그 사실 하나만으로도 이민생활이 편할 거라고 생각했지. ‘마늘 냄새 나는 한국인’ 소리에 얼마나 슬픈 과거가 있었는지 너희는 모를게다. 브라질사람들은 밥을 지을 때도 마늘을 넣는다는 것 잘 알지? 참, 늘 그런 밥 먹었지? #마늘장수 #브라질마늘시장 #마늘냄새와슬픈역사 #이민초기 #브라질밥 #할아버지의추억

Uma publicação compartilhada por Grandpa Chan (@drawings_for_my_grandchildren) em

 

 

On Sunday afternoon, grandpa took the subway and went to the Paulista Avenue. While walking down the wide streets of Paulista, I savored a new kind of happiness. The sun was warm and people were walking slowly. Some were eating while others were talking to their dogs. It made me walk slowly too, and I thought slow was good. Can you see me walking slowly in this drawing? #watercolor #avenidapaulista #slow O vovô foi passear, no domingo à tarde, indo para a Av. Paulista de metrô. Experimentei um novo tipo de felicidade ao andar pela larga faixa de pedestre da Paulista. Muitas pessoas estavam caminhando. Todos pareciam sorrir. O sol estava quentinho e as pessoas caminhavam lentamente por ora comendo algo ou conversando com seus cachorrinhos. Também passei a andar lentamente. E este sou eu de costas, eu que comecei a pensar que é bom ser lento. #avpaulsta #domingotarde #lentamento 할아버지는 일요일 오후, 지하철을 타고 빠울리스따에 나갔다. 빠울리스따 대로의 넓은 인도를 걸으며 새로운 행복을 맛보았지. 많은 사람들이 걷고 있었어. 모두들 환한 얼굴이었어. 햇볕은 따뜻하고 사람들은 천천히 걸으며 먹기도 하고 강아지와 말을 하기도 했어. 나도 천천히 걷게 되더라. 느린 게 좋다고 생각한 할아버지 뒷모습이다. #빠울리스따 #천천히걷기 #어느일요일오후 #느림

Uma publicação compartilhada por Grandpa Chan (@drawings_for_my_grandchildren) em