Mulher denuncia ataques machistas em jogos online

Redação - O Estado de S.Paulo

No momento em que descobriram que Annemunition era mulher começaram as ofensas machistas e homofóbicas

A jogadora de videogames Annemunition denunciou ofensas machistas que foram direcionadas a ela durante partida de Rainbow Six Siege

A jogadora de videogames Annemunition denunciou ofensas machistas que foram direcionadas a ela durante partida de Rainbow Six Siege Foto: Instagram/@annemunitionVerificado

A streamer (jogadora) profissional Annemunition, que possui mais de 300 mil seguidores na Twitch, usou seu Twitter para mostrar um vídeo do que acontece quando ela entra com sua conta pessoal em uma partida online do jogo de ação Rainbow Six Siege. No momento em que os outros jogadores descobrem que ela é mulher, começa a ser ofendida pelos participantes da partida.

Nos rounds em que ela ia bem, os ataques iam desde ofensas homofóbicas até insinuações de que ela estaria usando trapaça para ir bem. Já nos rounds em que ela não ia tão bem, os outros jogadores perguntavam para ela se ela estava no jogo certo. "Isso aqui não é League of Legends onde você pode mostrar seus peitos em um stream para se dar bem, é necessário talento real", disse um dos jogadores. "Espero que você se mate", disse outro competidor.

Após a partida, a streamer compilou os piores momentos e postou no seu Twitter para mostrar o que ela e outras mulheres que jogam videogame precisam aguentar em uma partida online. "'Por que você não usa o chat de voz?' 'Por que eu não acho uma namorada que goste de videogames?' 'Por que você dá mute (mudo) em pessoas que perguntam se você é menina?' Vai saber", tuitou Annemunition.

"Como vocês viram no vídeo, só bastou eles saberem que eu sou mulher para começar a baixaria", disse a streamer em entrevista para o site Kotaku. "Eu sei que todo mundo, de todos os gêneros e históricos, pode ser alvo desse tipo de coisa online, mas eu sinto que as pessoas não entendem como isso é ruim para mulheres ou pessoas que são consideradas 'diferentes' pelos outros jogadores", continuou.

Um dos participantes na partida entrou em contato com ela após a publicação do vídeo para pedir desculpas pelo que falou durante o jogo e a streamer disse que essa foi a razão por ter feito o vídeo. "Eu não quero necessariamente sair crucificando as pessoas porque eu sinto que, na maioria das vezes, há como elas entenderem que fizeram besteira e tomar cuidado para evitar isso no futuro", comentou Annemunition.

Veja abaixo o vídeo, que já conta com quase dez mil retuítes e mais de 28 mil curtidas.