Menina cria projeto para reduzir devolução de cachorros adotados

Redação - O Estado de S.Paulo

Aiden Horwitz montou um questionário que liga as características da moradia do adotante com as necessidades e características de cada raça

Cada animal tem um tipo de família e moradia ideal

Cada animal tem um tipo de família e moradia ideal Foto: Pixabay/@Schwoaze

Aiden Horwitz, uma garota americana de Austin, no Texas, nos Estados Unidos, criou um site para reduzir as devoluções de cachorros adotados a seus abrigos. O site Dog Do or Dog Don’t traz um questionário que permite aos adotantes saber se realmente têm condições de cuidar de um animal.

“Descobri que uma das principais razões para os cães serem levados para abrigos é que as pessoas adotam as raças erradas para elas ou para sua família. Por meio da pesquisa, as pessoas se surpreendem com os tipos de cães que mais combinam com elas”, contou Aiden ao site ABC News.

O questionário tem 13 perguntas simples como, por exemplo, o tamanho da casa da pessoa interessada em adotar, o tempo que ela fica em casa, quantidade de filhos, tolerância a latidos, entre outras.

O projeto surgiu a partir de um programa da escola da menina que incentiva os alunos a desenvolverem projetos em suas áreas de interesse. Aiden teve a ideia porque também já passou pela experiência de ter que abrir mão de um cãozinho adotado.

Ela ganhou seu primeiro cachorro aos cinco anos de idade, mas foi obrigada a dá-lo para a família de um amigo porque sua mãe era alérgica a ele. “Foi terrível entregá-lo para outra família, mas eu também não queria devolvê-lo para o abrigo”, falou.

Ela escolheu os abrigos Austin Pets Alive e Bastrop Animal Rescue para fazer o seu trabalho, mas outras instituições, até mesmo de fora da cidade, já entraram em contato com ela para questionar a possibilidade da expansão do projeto.

 

VEJA TAMBÉM: Provas de que os cachorros são os animais mais fofos do mundo