Lado A, Lado B: especialistas e youtubers debatem sobre as dores e alegrias de ser jovem

Roberta Cardoso - Especial para O Estado

Consumo de álcool, discurso de ódio na internet, empreendedorismo e relacionamentos foram temas do bate-papo com os Pedro e Juliano

Os gêmeos Pedro e Juliano (nas extremidades), a youtuber Jout Jout e o psiquiatra Daniel Martins de Barros.

Os gêmeos Pedro e Juliano (nas extremidades), a youtuber Jout Jout e o psiquiatra Daniel Martins de Barros. Foto: Hélvio Romero / Estadão

O auditório do Museu de Arte Moderna (MAM) serviu de palco para os gêmeos Pedro e Juliano receberem os convidados do bate-papo Lado A, Lado B. O evento, realizado nesta segunda-feira (16), promoveu uma série de debates sobre as dores e alegrias de ser jovem. Junto com especialistas, os irmãos discutiram temas como intolerância digital, consumo de álcool, sexo e relacionamentos e carreira e empreendedorismo.

No primeiro módulo, Pedro e Juliano receberam Daniel Martins de Barros, psiquiatra do Hospital das Clínicas, blogueiro do E+ e colunista do Estado, e a youtuber Jout Jout. O bate-papo abordou questões relacionadas a namoro, sexo e relacionamentos.

O segundo painel do dia, ‘Viu essa história?’, contou com a presença do youtuber Luba, que fala sobre comportamento em seu canal na internet, e com Viviane Rozolen, porta-voz da equipe de Trust & Safety do Google Brasil. Eles falaram sobre internet, redes sociais e os problemas que surgem com ela: cyberbullying, haters e fake News. Ambos alertaram para os cuidados a serem tomados antes de propagar alguma informação sem conferir a sua veracidade e também medidas para evitar qualquer tipo de constrangimento na rede. “É sempre bom ficar em dúvida, olhar um outro veículo (de comunicação)”, diz Luba. “Existem alguns canais, como a Safernet, que ajudam o internauta a denunciar algum tipo de problema”, acrescenta Rozolen.

O consultor de carreiras Ricardo Basaglia, diretor-executivo da Page Talent, junto com Cauã Taborda, gerente de comunicação do YouTube no Brasil, abordaram temas relacionados a carreira e ao empreendedorismo. Ser dono do próprio negócio, criar uma startup de sucesso e até mesmo optar por fazer um curso no exterior foram temas que os especialistas discutiram com os gêmeos. “Se você pensar só em ganhar dinheiro, vai esbarrar em frustrações”, alertou Taborda.

Os gêmeos Pedro e Juliano recebem convidados para discutir quatro temas do universo jovem. O evento foi realizado no auditório do MAM, Museu de Arte Moderna, no Parque do Ibirapuera. 

Os gêmeos Pedro e Juliano recebem convidados para discutir quatro temas do universo jovem. O evento foi realizado no auditório do MAM, Museu de Arte Moderna, no Parque do Ibirapuera.  Foto: Hélvio Romero / Estadão

A médica pediatra Bettina Grajcer, sócia-diretora da Lynx Projetos Sociais e Ambientais e o pediatra Maurício de Souza Lima, doutor pelo Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina da USP falaram sobre os efeitos do uso precoce do álcool e como se pode fazer um uso consciente de bebidas alcoólicas. Os especialistas reafirmam que beber antes dos 18 anos não só pode potencializar os efeitos negativos do álcool, como a dependência, quanto pode prejudicar as relações sociais do adolescente. "Quem bebe está mais sujeito a cometer um fato que talvez não quisesse", disse Lima. Já a Betinna aconselhou a plateia e Pedro e Juliano em como lidar com os amigos quando você não quer beber. "Não vale mentir e dizer que está tomando antibiótico. Não, tenha atitude, diga 'eu não vou beber porque eu tenho treino amanhã, ou eu estou a fim de pegar uma gatinha e não quero que ela me veja assim'", brincou a médica.

A cobertura completa do Bate-Papo Lado A, Lado B vai ser publicada no dia 20, em uma edição especial sobre os temas abordados nos quatro módulos do evento.