Greta Thunberg e Malala Yousafzai se encontram em Oxford, no Reino Unido

Redação - O Estado de S.Paulo

Ativistas ficaram conhecidas pela luta contra as mudanças climáticas e pelo direito das mulheres à educação, respectivamente

A paquistanesa Malala Yousafzai (direita) e a sueca Greta Thunberg (esquerda).

A paquistanesa Malala Yousafzai (direita) e a sueca Greta Thunberg (esquerda). Foto: Intagram / @malala

A ativista climática Greta Thunberg, de 17 anos, se encontrou com Malala Yousafzai, de 22, na Universidade de Oxford, no Reino Unido, na terça-feira, 25.

Malala estuda na instituição britânica e ficou conhecida após ser baleada na cabeça pelo grupo extremista Talibã, no Paquistão, por fazer campanha para que meninas pudessem ir à escola. Ela foi laureada em 2014 com o Prêmio Nobel da Paz pela sua luta contra a supressão das crianças e jovens e pelo direito de todos à educação, tornando-se a pessoa mais jovem a receber o título.

Já Greta ganhou notoriedade em 2018, quando, aos 15 anos, decidiu boicotar a aula às sextas-feiras para protestar diante do Parlamento da Suécia. A jovem foi nomeada para o Prêmio Nobel da Paz em 2019 e 2020.

As duas ativistas conversaram sobre mudanças climáticas e protestos na Lady Margaret Hall, faculdade de Oxford onde Malala cursa Filosofia, Política e Economia. Elas posaram para foto e Malala publicou o registro em seu perfil no Instagram, agradecendo pelo encontro.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Thank you, @gretathunberg. ❤️

Uma publicação compartilhada por Malala (@malala) em

Com informações da Reuters