Gato 'rouba' dinheiro de quem passa na rua nos EUA

redação - O Estado de S.Paulo

Felino atrai pessoas para brincar com ele através da brecha de uma porta e quem usa dinheiro perde

Gato ganha o próprio dinheiro na cidade de Tulsa, em Oklahoma, EUA.

Gato ganha o próprio dinheiro na cidade de Tulsa, em Oklahoma, EUA. Foto: Facebook/CASHnipKitty

Seu gato te dá muito carinho e você deve amar isso. Agora imagina que ele providencia dinheiro, todos os dias, para você. É o que faz Sir Whines-A-Lot, um felino da cidade de Tulsa, no Estado norte-americano de Oklahoma.

Ele foi adotado pela equipe de um escritório de marketing da cidade e proporcionava uma pausa de trabalho agradável aos funcionários.

Um dia, o fundador da empresa, Stuart McDaniel, notou uma quantidade de dinheiro perto da porta onde o gato costumava tomar sol e observar as pessoas passando na rua.

"Isso continuou acontecendo, mas não sabíamos o porquê. Então, decidimos testar uma teoria", disse McDaniel ao site The Dodo. "Nós tentamos deslizar dinheiro através da brecha da porta, e o gato saltou e o agarrou".

McDaniel supôs que Sir Whines-A-Lot estava atraindo quem passava enquanto estava longe de todos, fazendo com que as pessoas interagissem com ele através da brecha.

"Eu acho que a primeira pessoa não pretendia perder o dinheiro", disse. "Ela provavelmente colocou a nota ali para mexer com ele. Quando você segura uma nota ali, ele vai bater de brincadeira, a princípio, mas depois ele vai morder e arrancar da sua mão. Ele faz isso tão rápido que você nem percebe o que aconteceu", conta.

Veja o gatinho em ação:

Com o tempo, o gato virou uma atração. "Tornou-se um jogo. Custa um dólar para brincar, porque o gato vai pegar o seu dinheiro", garante McDaniel.

Até agora, Sir Whines-A-Lot já arrecadou mais de US$ 100, mas o dinheiro não fica para ele comprar ração ou enlatados de sardinha. McDaniel resolveu doar para uma instituição de caridade que ajuda pessoas desabrigadas. A doação é feita sob o pseudônimo de CASHnip Kitty. Enquanto o gatinho quiser fazer isso, ele fará, diz McDaniel. E, assim, estará ajudando outras pessoas.