Garoto lê 'Harry Potter' até gato cego se acostumar a pessoas

Redação - O Estado de S.Paulo

Animal é conhecido como Stevie Wonder em abrigo de animais

Bichano temia qualquer pessoa que se aproximasse (imagem ilustrativa)

Bichano temia qualquer pessoa que se aproximasse (imagem ilustrativa) Foto: Pixabay/@TeamK

Um jovem de 19 anos leu os livros Harry Potter para um gatinho cego de um abrigo para animais até que ele se acostumasse a pessoas. Price McIntyre conta que o abrigo analisa as personalidades dos felinos e os divide por casas de Hogwarts.

“O centro de proteção animal tem decorações de Hogwarts em todo lugar e eu pensei: ‘Ok, se eu tivesse que escolher um livro para ler para o Stevie, seria Harry Potter’”, falou Price ao site The Dodo.

Stevie Wonder, o gatinho, chegou ao abrigo de animais de Richmond, nos Estados Unidos, após ser resgatado das ruas da cidade. Ele se escondia na presença de pessoas e mal conseguia se alimentar.

“A primeira vez que o vi, ele não estava nem um pouco interessado em interagir comigo. Eu continuei lhe visitando até que ele começou a ficar mais simpático. Isso durou algumas semanas”, contou Price.

O menino se encontrava diariamente e lia algumas páginas para o felino cego. Eles se aproximaram cada vez mais e, ao fim, ele já estava se aconchegando ao lado de Price para ouvir a história do menino bruxo.

Tabitha Treloar, diretora de comunicação do abrigo, disse que o garoto ajudou Stevie a não temer outras pessoas: “O Price fez maravilhas por Stevie e o ajudou a ser mais extrovertido. Eles formaram uma relação especial”.

O carinho de Price ajudou o animal a se adaptar à área de convívio com os outros gatos. “Ele aprendeu a se localizar por todo o espaço. Ele pula nas plataformas, sabe onde está o potinho de ração e a caixa de areia. Ele está muito confortável”, falou Tabitha.