Funcionária de escola nos EUA cria closet com doações para ajudar alunos de baixa renda

Redação - O Estado de S.Paulo

Na sala, há desde roupas e materiais escolares até itens de higiene pessoal

Funcionária de escola disponibiliza itens diversos para alunos de baixa renda.

Funcionária de escola disponibiliza itens diversos para alunos de baixa renda. Foto: Foto: Facebook/carolyn.mzjuicy

A americana Carolyn Collins, de 54 anos, trabalha na escola Tucker, na Geórgia, e há cinco anos tomou para si a missão de ajudar alunos com uma condição econômica baixa, dando-lhes roupas, material escolar e comida.

Em entrevista ao Good Morning America, da ABC, ela contou que criou um "armário para doações de emergência" após conhecer dois alunos que eram moradores de rua. "Eu dei a eles um pouquinho de tudo porque eles ganharam meu coração", disse Carolyn, que contou ter dado roupas, sapatos e um caderno.

"Começou com algumas bugigangas, assim como produtos de higiene e outros itens que os alunos precisavam. Agora, ela tem tudo o que qualquer aluno pode precisar", disse o diretor Eric Parker. Tudo que está na sala (que era um armário pequeno e virou um closet) vem de doações de pessoas que moram próximo a escola ou de igrejas.

São 1.8000 alunos, de 14 a 18 anos, na escola Tucker, e muitos vêm de famílias de baixa renda, e ao menos 15 se classificam como sem-teto, segundo o diretor. "Ela é uma moça muito cuidados e que doa muito de si", disse Parker sobre Carolyn.

"Eu me sinto muito bem só de ver um sorriso no rosto deles. Eu quero continuar ajudando pelo tempo que puder", falou Carolyn.