Exposição ‘Corpos Livres’ discute gordofobia e aceitação em SP

Redação - O Estado de S.Paulo

Evento mostra fotos de mulheres que se autointitulam ‘gordas’; veja

Aceitação do corpo será pautado em fotografias.

Aceitação do corpo será pautado em fotografias. Foto: Instagram / @wolfenson

O Instituto Tomie Ohtake estreia nesta quinta-feira, 4, às 19h, em sua sede, a exposição Corpos Livres, em parceria com o Instagram. A mostra apresenta oito mulheres que lutam pelo fim da gordofobia e se aceitam do jeito que são.

"Elas apontam o caminho para autoaceitação e inspiram milhões de pessoas a abraçarem a diversidade de formas, corpos e visões de mundo", escreveu a equipe do Instituto em seu perfil na rede social.

Segundo o fotógrafo Bob Wolfenson, que ajudou a montar o conteúdo, as mulheres que compõem a iniciativa se definem como "gordas, sem eufemismos para tal".

A exposição Corpos Livres é gratuita e estará aberta ao público até domingo, 7, na Avenida Brigadeiro Faria Lima, 201, próxima a estação Faria Lima do Metrô.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

De 4 a 7 de abril, o Instituto Tomie Ohtake, em parceria com o @instagram, recebe a mostra “Corpos Livres”. A convite do Instagram, Bob e Helena Wolfenson retratam, em foto e vídeo, oito mulheres cuja militância diária, dentro e fora do mundo virtual, tem provocado mudanças de percepção e atitude frente aos corpos gordos ou fora do padrão estético estabelecido. Todos os dias, Alexandra Gurgel (@alexandrismos), Thais Carla (@thaiiscarlaoficial), Luci Gonçalves (@lucigoncalvesa), Isabella Trad (@todebells), Juliana Romano (@ju_romano), Mayara Efe (@mayaraefe), Bia Gremion (@biagremion) e Rita Carreira (@ritacarreiraa) apontam o caminho para auto-aceitação e inspiram milhões de pessoas a abraçarem a diversidade de formas, corpos e visões de mundo. São elas as mulheres que podem ser vistas e ouvidas na exposição. Em evento aberto ao público no dia 4 de abril, às 19h, o Instagram e o Instituto Tomie Ohtake promovem um painel de discussão para falar sobre a formação dessas comunidades de apoio e questões relacionadas à imagem do corpo, aceitação e empoderamento. O painel terá a presença de algumas participantes do projeto e de Juliana Cunha, da Safernet, e será mediado por Natalia Paiva, Gerente de Relações Institucionais para América Latina do Instagram. Esperamos vocês! Saiba mais em www.institutotomieohtake.org.br #corposlivres #corposgordos #bobwolfenson #institutotomieohtake #instagram Imagem: Bia Gremion por Bob Wolfenson

Uma publicação compartilhada por Instituto Tomie Ohtake (@institutotomieohtake) em