Escultura aparece pichada na Catedral de Santiago de Compostela

Redação - O Estado de S.Paulo

Vandalismo danificou a obra do século 12

Estátua pertence à Catedral de Santiago de Compostela.

Estátua pertence à Catedral de Santiago de Compostela. Foto: Twitter / @PazodeRaxoi

Uma escultura da catedral de Santiago de Compostela foi encontrada pichada na última segunda-feira, 6. A obra datada do século 12 foi alvo de vandalismo: foi escrito o nome do grupo de rock Kiss e o rosto foi pintado simulando a maquiagem do baterista Eric Singer.

A Polícia Nacional da Espanha usou sua conta no Twitter para repudiar o ato criminoso: "Importante divulgar, por favor. A Catedral de Santiago é um Patrimônio da Humanidade. Pertence a todos nós. Essas pichações, além de serem uma absoluta falta de respeito ou civilidade, são crime. Ajude-nos a encontrar os responsáveis".

O prefeito da cidade, Martiño Noriega, esteve ao local e condenou o vandalismo: "A cidade é um Patrimônio da Humanidade, aberta e muito tolerante, mas diante desse tipo de ato, somos intolerantes".

Para remover a pichação, a estátua passará por uma limpeza utilizando uma técnica de laser. Além disso, apesar de ainda não existir informações sobre suspeitos, eles serão julgados pela Lei do Patrimônio, sendo passíveis de multas.