Deputado confunde Brecht com personagem da 'Escolinha do Professor Raimundo' em discurso na Alerj

Redação - O Estado de S.Paulo

André Lazaroni trocou o nome do dramaturgo alemão por Bertoldo Brecha, figura cômica da série criada por Chico Anysio

Deputado estadual André Lazaroni se confundiu ao pronunciar o nome de Bertolt Brecht

Deputado estadual André Lazaroni se confundiu ao pronunciar o nome de Bertolt Brecht Foto: Reprodução de TV Alerj

Um deputado estadual do Rio de Janeiro chamou a atenção durante a votação pela libertação ou permanência na prisão do presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Jorge Picciani (PMDB), e mais dois colegas de partido após confundir Bertold Brecht com o Bertoldo Brecha.

O deputado André Lazaroni (PMDB) deu seu voto e resolveu finalizar o discurso com uma citação de Bertold Brecht, dramaturgo alemão. No entanto, ao dar o crédito para a frase, disse que era de Bertoldo Brecha, personagem da Escolinha do Professor Raimundo.

Do lado de fora da Assembleia Legislativa, manifestantes protestavam para que Picciani continuasse preso. Dentro, após os deputados gritarem o nome correto e André continuar errando, ele pôde continuar e dizer a frase que gerou toda a confusão: “Ai do povo que precisa de heróis”.

A sessão extraordinária foi convocada para decidir se Jorge Picciani (presidente da Alerj), Paulo Melo e Edson Albertassi, todos deputados estaduais pelo PMDB, deveriam permanecer presos ou serem soltos. Eles tiveram prisão pedida no dia anterior dentro da Operação Cadeia Velha e foram soltos por seus companheiros da Casa.

Veja o vídeo: