Cadelinha lamenta morte do dono e só se recupera ao ir a funeral

Redação - O Estado de S.Paulo

Sadie ficou de luto e não conseguiu comer durante dez dias

Animalzinho não conseguiu superar a perda (imagem ilustrativa)

Animalzinho não conseguiu superar a perda (imagem ilustrativa) Foto: Pixabay/@gmill

Nós sentimos muito quando um animalzinho de estimação morre e o mesmo acontece quando um humano se vai e deixa um bichinho na Terra. Uma cadelinha do Canadá ficou de luto após a morte do dono e só se recuperou após ir ao velório.

Sadie é uma cadela de 13 anos que ficou desolada quando o dono, Andy Beaulieu, morreu de um ataque cardíaco. Ela era a melhor amiga dele desde as oito semanas de vida, quando foi adotada.

“Antes da ambulância levar o corpo, Sadie deitou ao seu lado e cutucou sua mão como se pedisse para ele lhe fazer carinho”, contou Julia Beaulieu, mulher de Andy, ao Global News Canada.

A cachorrinha ficou sem comer por dez dias e emagreceu 4,5 quilos. Quando chegou o dia do funeral, Julia decidiu que levaria Sadie para que ela pudesse se despedir. Ela esperava que, assim, a cadelinha pudesse superar o luto.

“Eu a deixei espiar dentro do caixão e ela ficou com uma expressão de choque. Ela ficou ali, um pouco confusa, até que relaxou repentinamente e ficou ao meu lado o tempo todo”, contou. Desde então, Sadie voltou a comer e recuperou sua rotina.

VEJA TAMBÉM: Provas de que os cachorros são os animais mais fofos do mundo

congerdesign/ Pixabay
Ver Galeria 55

55 imagens