Cachorro é resgatado após ficar com cabeça presa em muro

Redação - O Estado de S.Paulo

Animal, que vive nos arredores do Estádio Municipal de Ladário (MS), foi resgatado por bombeiros

Um cachorro que vive nos arredores do Estádio Municipal de Ladário precisou ser resgatado no sábado, 29, após ficar com a cabeça presa no muro. 

Um cachorro que vive nos arredores do Estádio Municipal de Ladário precisou ser resgatado no sábado, 29, após ficar com a cabeça presa no muro.  Foto: Corpo de Bombeiros de Campo Grande / imagem cedida pelos responsáveis

Um cachorro que vive nos arredores do Estádio Municipal de Ladário, cidade a 419 km de distância de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, ficou preso em um buraco no muro do estádio no sábado, 29.

O animal, que estava com a cabeça presa para fora da estrutura, foi ouvido por vizinhos que moram em frente ao local. Eles então acionaram o Corpo de Bombeiros Militar para ajudá-lo.

De acordo com os bombeiros, a viatura foi acionada às 15h para ajudar o cão. Foi necessário abrir um novo buraco no muro para fazer o resgate com mais segurança. O animal, que não apresentava nenhuma lesão aparente, foi entregue aos cuidados dos funcionários do estádio. 

O cachorro foi resgatado sem ferimentos pelos bombeiros de Campo Grande, que atenderam ao chamado dos vizinhos do Estádio. 

O cachorro foi resgatado sem ferimentos pelos bombeiros de Campo Grande, que atenderam ao chamado dos vizinhos do Estádio.  Foto: Corpo de Bombeiros de Campo Grande / imagem cedida pelos responsáveis