Reforma em banheiro amplia mobilidade

Marcelo Lima - O Estado de São paulo

Leitora quer adaptar seu pequeno banheiro para facilitar o banho do marido, que sofre de Alzheimer

A planta do ambiente reformado

A planta do ambiente reformado Foto: Helô Marques Arquitetura Matheus Gomes

Pergunta: Olá, equipe! Meu marido, de 92 anos, sofre de Alzheimer e tem a mobilidade reduzida. Atualmente, faço a higienização dele com uso de cadeira de banho encaixada no vaso sanitário. Necessito um projeto para modificar e adaptar o pequeno banheiro (é realmente bem pequeno) às nossas necessidades mínimas de conforto. Conto com a ajuda de vocês!

Marta Costa Moreira,

São Paulo

Projeto teve início com a remoção do box existente

Projeto teve início com a remoção do box existente Foto: Helô Marques Arquitetura Matheus Gomes

Resposta: Oi, Marta, tudo bem? Adorei o desafio. Sabemos que um banheiro adaptado, pela norma, tem algumas especificidades que, devido à área ser bastante reduzida, não conseguimos atender nesse projeto. Ainda assim, procurei entrar no seu dia a dia e entender como o banheiro poderia facilitar a vida de vocês, dentro de suas necessidades. 

Nossa primeira escolha foi tirar o box de vidro. Tenho duas crianças em casa e um banheiro pequeno onde elas tomam banho. Sempre tive medo de o vidro quebrar e percebia que ele atrapalhava e limitava os meus movimentos, além de não evitar a molhadeira do banheiro, já que ficava aberto cada vez que eu ia dar banho nelas. No seu caso, no lugar dele, optamos por fazer uma divisória charmosa de madeira e vidro temperado para proteger o gabinete. Para a área do banho, consideramos um banco retrátil de madeira teca e um nicho na parede, revestido com o mesmo porcelanato do piso. O nicho, além de charmoso, fica embutido, não oferecendo riscos com movimentos bruscos em um espaço pequeno. 

Acreditamos que a área de banho, sem box de vidro, com o banco retrátil e o chuveiro com barra deslizante, facilitará o banho de seu marido. Para piso e paredes, escolhemos dois revestimentos que, além de charmosos, têm um valor acessível: um porcelanato com desenho que remete aos ladrilhos hidráulicos e, nas paredes, um azulejo em formato de tijolinho branco. A cuba, de mármore Paraná, tem uma estrutura que sustenta uma gaveta de madeira para itens básicos e, abaixo, espaço para cestinhas de vime. Por fim, propusemos também algumas barras de segurança para apoio. Espero que gostem e possam usufruir do banheiro com segurança.

Projeto teve início com a remoção do box existente

Projeto teve início com a remoção do box existente Foto: Helô Marques Arquitetura Matheus Gomes

Divisória de madeira separa cuba e área de banho

Divisória de madeira separa cuba e área de banho Foto: Helô Marques Arquitetura Matheus Gomes

 

HELÔ MARQUES ARQUITETURA

(HELOMARQUES.COM.BR)