Reforma deixa living luminoso e arejado

- O Estado de S.Paulo

A iluminação natural valoriza o ambiente, voltado para a varanda do apartamento e com predomínio de tons claros na decoração

O amplo living, que incorporou parte da varanda na reforma feita pela arquiteta Paula Magnani. Branco e cinza formam a base neutra da decoração

O amplo living, que incorporou parte da varanda na reforma feita pela arquiteta Paula Magnani. Branco e cinza formam a base neutra da decoração Foto: Marco Antonio/Divulgação

A varanda em ‘L’ deste apartamento na zona oeste de São Paulo era tão grande que, para não cair em desuso, perdeu parte de sua área para o living na reforma feita pela arquiteta Paula Magnani. O agora bem iluminado e espaçoso ambiente – com 40 m², do total de 250 m² do imóvel – acomoda o home theater e o jantar, com bastante espaço para receber toda a família.

A decoração tem base neutra, sobretudo branca e cinza, não só para trazer mais luminosidade, mas também para destacar algumas peças de design e obras de arte. “Gosto muito de criar um fundo neutro para deixar o ambiente mais leve e valorizar o que realmente importa no espaço”, diz a arquiteta, que recomenda branco, cinzas e beges para quem quer lançar mão desse recurso em casa. 

Aqui, um dos destaques é a poltrona amarela perto da TV, desenhada pelo espanhol Jaime Hayon. O longo banco de inox perto da entrada mereceu atenção no projeto, não só pela forma de impacto: os moradores só andam descalços em casa, então, assim que chegam, os sapatos são acomodados embaixo da peça.

Outro elemento do living tem dupla função. O painel de espelho, sobre o qual fica uma tela de Daniel Senise com tons de madeira, serve para refletir a luz natural vinda da varanda e iluminar ainda mais o ambiente. Elementos multiúso parecem agradar à arquiteta, como o par de banquetas vermelhas. Escultóricas, elas passam bem por itens meramente decorativos, sob a bancada suspensa que serve ao home theater desenhada por Paula. Mas, nos dias de reunião familiar, vão para o meio da sala acomodar as visitas – assim como o jogo de pufes usado como mesa de centro. 

A varanda, mesmo tendo perdido uma das extremidades, não deixou de ter importância e ganhou móveis que acompanham o estilo do living, como a poltrona assinada pela espanhola Patricia Urquiola. / Marina Pauliquevis

Marco Antonio/Divulgação
Ver Galeria 8

8 imagens