De frente para o verde

Natália Mazzoni - O Estado de S.Paulo

Vista privilegiada dita a decoração de ambientes

Um casal de Laranjeiras, no Rio, dispensou a possibilidade de ter uma TV no quarto de 20 m². A vista para a área externa da casa já era o suficiente para relaxar. A partir desse pedido especial, o arquiteto Mauricio Nóbrega criou um ambiente usando os mesmos materiais do resto da casa e, claro, com a cama de frente para a vista privilegiada. “O piso é o mesmo do banheiro, de porcelanato, já que gostamos da ideia de criar uma integração visual. Para aquecer o ambiente, usamos madeira na estante e na cabeceira da cama”, diz Nóbrega.

A iluminação também ganhou atenção especial. Vinda por trás da cabeceira, destaca um dos objetos mais queridos dos moradores, instalado em cima da cama, a figura de um jacaré. “É importante que a iluminação possa fazer diferentes cenas. Bem clara para ser funcional e baixa para os momentos de relax”, aconselha.

Relaxar em frente à varanda era o objetivo do casal do Leblon, que procurou a arquiteta Andrea Chicharo para aproveitar da melhor forma o quarto de 32 m². A ideia também era tirar partido da varanda, posicionada bem na altura da copa da árvore do jardim. “Quando temos uma vista privilegiada, é essencial que se tire partido disso”, diz Chicharo.