Festas de fim de ano: confira dicas de organização para garantir sucesso

Marcelo Lima - O Estado de S.Paulo

Personal organizer revela como manter a ordem durante as celebrações

Identificar copos com um palavra pode fazer com que cada convidado o conserve até o final da festa.

Identificar copos com um palavra pode fazer com que cada convidado o conserve até o final da festa. Foto: Zeca Wittner

Para Carol Rosa, personal organizer com atuação destacada na área de organização doméstica, desde 2012, o segredo do sucesso de qualquer festa é deixar os convidados à vontade. “Como fazer isso? Deixando tudo à mão, da forma mais prática possível”, afirma a profissional, tendo em vista os leitores que vão receber para as festas de fim de ano.

“Tanto os aperitivos quanto os pratos devem ficar à disposição. Ninguém precisa ficar esperando ser servido, é importante que possa fazê-lo por conta própria.

Isso ampliará o conforto do convidado e facilitará a vida do anfitrião”, como revela a profissional nesta entrevista especial ao Casa

 

Segundo a profissional, o ideal é deixar tudo o mais à mão possível para que todos possam se servir por conta própria. 

Segundo a profissional, o ideal é deixar tudo o mais à mão possível para que todos possam se servir por conta própria.  Foto: Zeca Wittner

 

O que deve ser feito antes mesmo das festas de fim de ano começarem para tentar amenizar um pouco a bagunça? 

O ideal é manter a casa o mais organizada possível, sem coisas espalhadas. Na cozinha, a geladeira deve estar abastecida apenas com as bebidas que serão consumidas. A bancada da pia precisa estar livre, assim como as áreas de apoio. Melhor não ter que ficar se desviando de itens que não são necessários naquele local, naquele momento, como adornos e enfeites. Quanto a copos e talheres, por exemplo, quanto menos forem tirados de lugar, menos trabalho o anfitrião terá depois. Isso tanto no durante quanto no pós-evento. No lavabo, é importante também deixar um pequeno estoque de papel higiênico, sabonete, toalha, para não ter que se preocupar com a reposição. 

 

O que de prático pode ser feito durante a festa? 

Tenho duas dicas bem práticas: primeiro, a louça. A minha sugestão é ir levando as coisas para cozinha logo após o uso, só que ao invés de empilhar tudo, para depois lavar e guardar, dê uma setorizada. Ou seja, deixe dentro da pia só pratos e, fora, só copos. Outra dica é ir lavando na hora coisas grandes, como travessas, por exemplo. Deixe só as peças menores para depois. Outro ponto importante é em relação ao lixo. Muitas vezes as embalagens vão ficando pelo caminho, deixando um terrível ar de bagunça. Recomendo, então, que elas sejam recolhidas ao longo da festa, isso ajudará bastante na hora de arrumar a casa pós-festa. 

 

Sim, e o que fazer depois que o evento acabou?

A primeira coisa a se fazer é tirar a sujeira ‘visível’ do local, ou seja, embalagens, laços, descartáveis. Depois leve o que sobrou de louça para a cozinha. A partir daí, é hora de ir conduzindo cada coisa para o seu lugar. Leve os presentes para o quarto para serem guardados posteriormente. Se tiver mudado móveis de lugar, volte com eles para o lugar de origem. É importante fazer essa organização grande primeiro e só a partir daí se ocupar de cada ambiente. Vá para a cozinha, lave a louça, limpe, deixe tudo em ordem. Quanto aos presentes, se a curiosidade permitir, eles podem ser vistos apenas no dia seguinte. Aí a pessoa pode avaliar com calma o que terá que trocar e guarda só o que for ficar. 

A personal organizer Carol Rosa.

A personal organizer Carol Rosa. Foto: Edu Mattos