À espera dos melhores da Casacor

Luciana Carvalho - O Estado de S.Paulo

Projetos escolhidos pelo júri técnico serão premiados amanhã, em cerimônia exclusiva para convidados

O troféu leva a assinatura de Brunno Jahara e foi produzido em parceria com a Deca e a Mônica Cintra Madeiras Especiais

O troféu leva a assinatura de Brunno Jahara e foi produzido em parceria com a Deca e a Mônica Cintra Madeiras Especiais Foto: Zeca Wittner

Cerâmica, madeira e uma boa dose de inspiração. Foram esses os ingredientes empregados pelo designer carioca Brunno Jahara para conceber o troféu que será outorgado aos vencedores da 2ª edição do Prêmio Casa . “A Casacor tinha como tema ‘Casa Viva’, então, partindo de materiais que vêm da terra, concebi um objeto que é, a um só tempo, um vaso e um troféu e que segue o mesmo vocabulário das minhas criações”, explica Jahara, que contou com a parceria da Deca, na modelagem das partes cerâmicas e da Mônica Cintra Madeiras Especiais, no fornecimento dos discos de madeira. A entrega dos prêmios ocorre na segunda-feira, 16, em cerimônia fechada para convidados. 

“O entrosamento entre os membros do júri técnico – Clarissa Schneider, Fernanda Feitosa, Helena Montanarini, Ruy Ohtake, Tuca Reinés e Ricardo Bello Dias – me surpreendeu. Mesmo vindos de áreas distintas, eles manifestaram um entendimento global dos projetos. Fiquei muito satisfeito com o resultado”, afirma o editor do Casa, e curador da premiação, Marcelo Lima. 

Este ano serão entregues troféus para os primeiros colocados nas seguintes categorias: Casa dos Sonhos, Loft dos Sonhos, Estúdio dos Sonhos, Jardim dos Sonhos, Melhor Espaço - Cozinhas & Banheiros, Melhor Espaço - Salas & Quartos, Melhor Espaço Alternativo, Melhor Espaço Comercial e Sustentabilidade (que teve seus vencedores selecionados pelo arquiteto e mestre em Energia e Meio Ambiente, Ricardo Loeb). Por decisão unânime do júri um dos projetos será agraciado com o Grande Prêmio.

“É grande a expectativa. Poucas vezes presenciei a formação de um corpo de jurados tão coeso e competente. Me sinto segura com as escolhas e tenho certeza que nosso elenco de profissionais também”, afirma Livia Pedreira, diretora-superintendente da Casacor. 

A votação online, realizada durante cerca de dois meses pela internet e encerrada no último dia 9 de julho, foi cancelada. Na reta final da votação, o sistema de apuração dos votos, desenvolvido exclusivamente para a premiação, detectou anomalias na contabilização total dos votos. Isso causou, na organização do prêmio, insegurança em relação ao resultado final da disputa e acabou motivando a decisão.