2009 chegou!

Beto Abolafio - O Estado de S.Paulo

Profissionais dão dicas para atualizar a casa - e a vida - a partir de janeiro

O réveillon passou, mas o clima de ano-novo continua no ar. Se você não viajou nem teve tempo de parar e olhar para a casa, que tal dar aquela geral e começar bem, no seu canto, esse tempo recém-chegado? Antônio Ferreira Junior sugere fazer uma faxina - e das boas. "Isso implica mandar lavar tapetes e cortinas", conta o arquiteto. Outra dica é dar atenção a elementos espalhados por toda a parte, que podem virar uma pequena coleção. "No meu caso, reuni exemplares da revista norte-americana Visionaire", conta.Se para Junior um objeto com a cara de 2009 é a imagem do Divino Espírito Santo, Fernando Piva prefere um coração de cristal para evocar o amor em todas as áreas da vida. Ele é também adepto da organização. Sabe aquela "gaveta da bagunça", onde a gente vai colocando papéis variados ao longo dos meses? "Arquivo tudo", diz o decorador, que também gosta de agregar os presentes de Natal ao lar. "Ganhei uma concha dourada e logo coloquei na mesa de centro", conta. Piva acredita que 2009 será ano de dizer não aos supérfluos. "A compra tende a ser mais consciente", considera. As liquidações de começo de ano estão aí para quem souber aproveitar. "Mas promoções como essas podem ser perigosas", avisa o profissional, lembrando o risco das compras por impulso. Outro aspecto pertinente é saber, de objetos a roupas, quanta coisa existe em casa que ninguém usa. Além de cuidar da "cosmética" doméstica e mudar as coisas de lugar para dar um clima de renovação aos espaços, Neza Cesar vai fundo nos armários e descarta excessos. "A energia precisa circular", acredita a decoradora, que ainda costuma aproveitar esta época para pintar pelo menos uma parede com cor nova. No seu refúgio em São Francisco Xavier (SP), o living ficou amarelo. "Como símbolo para 2009, elegi uma mão judaica na forma de pingente, que ganhei de uma amiga", conta. Já Bya Barros acaba de instalar um ofurô na varanda de seu apê e espera uma "tsunami de bênçãos financeiras" para todos. Como Neza, ela vasculha a casa e doa o que não usa a quem precisa. Mais uma ideia, segundo ela, é reciclar. "É uma boa pegar lençóis brancos de algodão usados e fazer cortinas bem leves para o verão", sugere. A arquiteta aposta em tons vibrantes - turquesa, roxo, verde-limão, pink e laranja - para o caso de comprar almofadas e velas, produtos mais em conta nas lojas. Mas, afinal, qual objeto, na opinião dela, representa este novo ano? "A Bíblia", responde Bya, outra a escolher um ícone de fé. Então, que assim seja.