Reforma amplia espaço de convivência em apartamento de 42 m²

Natália Mazzoni - O Estado de S.Paulo

Projeto integrou sala e cozinha e incorporou varanda ao quarto, que agora tem cama king size e janelão

A bancada de cimento queimado vai da cozinha até o estar. A luminária é da Reka

A bancada de cimento queimado vai da cozinha até o estar. A luminária é da Reka Foto: Quadra 2 Fotografia/Divulgação

São só 42 m² disponíveis neste apartamento no Brooklin. Mesmo assim, o casal de moradores fazia questão de ter uma boa sala para ver TV, uma mesa de jantar para seis pessoas, closet e um quarto onde coubesse uma cama tamanho king size. “Pensando nos pedidos dos clientes e no tamanho do apartamento até parecia algo impossível, mas não foi. Estudamos a planta e descobrimos que um ajuste resolveria tudo”, diz Zé Guilherme Carceles, do Casa 100, escritório que assina o projeto.

Siga o Casa no Instagram e use hashtag #casaestadao

A mudança crucial aconteceu na área do quarto. A parede de drywall que o separava da sala foi derrubada, e ele ganhou mais espaço, invadindo a varanda. “Feito isso, usamos o espaço onde antes ficava o quarto para acomodar o closet. Outra estratégia que usamos para ganhar um pouco mais de área útil foi usar painéis no lugar de paredes em alguns lugares”, explica o arquiteto.

Para que a sala e a cozinha tivessem tamanho suficiente para receber os amigos, os ambientes ficaram integrados e a bancada que serve para apoiar os eletrodomésticos percorre o ambiente até a área do estar, onde fica a TV. “Gostamos de desenhar móveis desse tipo para apartamentos pequenos. Isso cria unidade visual, economiza espaço e funciona bem para os moradores”, aconselha Carceles.

Curta a página do Casa Facebook

Ambientes como esse exigem organização: o varal e a máquina de lavar roupa ficam dentro do armário verde do estar, que passa quase despercebido. “No jantar, aproveitamos um espaço do painel de laca, que é o fundo do closet, para criar um pequeno espaço para armazenar mantimentos. Em apartamentos pequenos, organização e criatividade são fundamentais.”