Apartamento combina revestimentos de apelo rústico e acessórios coloridos

- O Estado de S.Paulo

Todo integrado, imóvel na zona sul de São Paulo tem parede coberta com tijolinhos e marcenaria feita sob medida

Para integrar a varanda ao living neste duplex de 77 m², a arquiteta Gabrielle Fuzinato eliminou a porta e nivelou o piso, que recebeu porcelanato da Decortiles

Para integrar a varanda ao living neste duplex de 77 m², a arquiteta Gabrielle Fuzinato eliminou a porta e nivelou o piso, que recebeu porcelanato da Decortiles Foto: Mariana Orsi/Divulgação

Rústico-moderno é a definição que a arquiteta Gabrielle Fuzinato encontrou para definir o estilo que seu apartamento ganhou depois da escolha do revestimento que salta ao olhos assim que se entra ali: os tijolinhos em tom claro de marrom, usados nas duas principais paredes do duplex, incluindo a que tem pé-direito duplo. “Todo mundo que chega aqui adora”, diz.

O imóvel de 77 m², no Campo Belo, na zona sul de São Paulo, já tinha o living integrado quando ela e o marido se mudaram para lá. Para ampliar ainda mais o ambiente, ela tirou a porta que isolava a varanda, nivelou o piso e transformou o espaço, agora fechado com vidro, na sala de jantar. O porcelanato imitando cimento queimado usado no piso de toda a área social contribui para criar unidade.

Siga o Casa no Instagram e use a hashtag #casaestadao

Para o balcão entre a cozinha e a sala, a opção foi por silestone azul – apenas um dos muitos toques de cor do apartamento. Um buffet vermelho ocupa o espaço embaixo da escada – “Onde foi possível, coloquei armários”, diz Gabrielle –; uma prateleira também azul foi instalada sobre o rack cinza; e, no lavabo, em vez de revestimento cerâmico, papel de parede com desenho geométrico; sem contar as fotografias emolduradas, dispostas no pé-direito duplo. “Gostamos muito de cores, queríamos uma casa alegre, porém, sem confusão visual. Escolhemos vermelho e azul como principais toques, pois combinam bem com o cinza das paredes e do piso e os tijolos.”

No nível de cima ficam os dois quartos e o banheiro, que tem uma peculiaridade: a pia fica no corredor dos dormitórios. Incomum, mas muito prático no dia a dia: “Se meu marido estiver no banho, posso me maquiar tranquilamente”, diz a moradora. No dormitório do casal, a cama tipo box recebeu uma cabeceira estofada feita por tapeceiro. “O quarto ganha em conforto e personalidade.” / Marina Pauliquevis

Mariana Orsi/Divulgação
Ver Galeria 8

8 imagens