Sete exames preventivos que as mulheres devem fazer anualmente

- O Estado de S.Paulo

Ginecologista e obstetra lista os principais exames para prevenção de doenças nas mulheres

Procure um especialista para realizar exames anuais

Procure um especialista para realizar exames anuais Foto: Pixabay

As doenças que mais afetam as mulheres podem ser prevenidas com um check-up anual, que identifica possíveis problemas em estágio inicial. Quando o diagnóstico é precoce, a chance de sucesso nos tratamentos é muito maior. 

Confira a lista de sete exames preventivos anuais recomendados por Alberto Guimarães, ginecologista, obstetra e defensor do parto humanizado:

1. Papanicolau: detecta doenças como o câncer do colo do útero e infecções por fungos, herpes e verrugas no órgão genital feminino. Uma espátula especial é usada para coletar material do colo uterino da mulher, analisado depois em laboratório. Deve ser feito anualmente, um ano após o início da atividade sexual. 

2. Colposcopia, Vulvoscopia e pesquisa de HPV: são exames que complementam o Papanicolau, através da visualização ampliada do órgão genital através de aparelho semelhante a um microscópio. São realizados como rotina ou para o planejamento do tratamento de infecções causadas por DSTs.

3. Ultrassom transvaginal: uma sonda é usada para detectar doenças ginecológicas como cistos nos ovários, miomas, endometriose ou tumores.

4. Mamografia: as mamas são avaliadas em raio-X para detecção precoce do câncer de mama. É recomendável fazer o primeiro exame entre os 35 e 40 anos, dependendo da história clínica e antecedentes familiares. 

5. Ultrassom das mamas: exame que identifica possíveis cistos, nódulos e tumores nas mamas. Deve ser realizado anualmente ou a cada seis meses, se essa for a recomendação médica.

6. Ultrassom da tireoide: exame de imagem que detecta nódulos ou tumores na tireoide - glândula localizada na parte anterior do pescoço, que regula o metabolismo. As alterações na região são comuns em mulheres jovens.

7. Densitometria Óssea: procedimento de raio-X que mede a densidade dos ossos, avaliando possível perda de massa óssea, podendo detectar a osteoporose. Deve ser feito anualmente após a menopausa.