Para treinos no inverno, use segunda pele

Ana Gabriela Verotti - O Estado de S.Paulo

Vestimenta deve ser utilizada para evitar a perda excessiva de calor

Atividades físicas devem ser praticadas em todas as estações do ano, e no inverno não é diferente. Nesta época, são necessários apenas alguns cuidados especiais, como o uso da camiseta segunda pele, e até outros acessórios como luvas e gorros, que mantém a temperatura corporal e não permitem a perda de calor.

Muitas pessoas tendem a treinar utilizando camisetas de algodão por baixo de outras camisetas. O problema, neste caso, é que a roupa de baixo “vai ficando molhada, o que a deixa pesada, e assim o corpo vai esfriando muito mais rápido”, explica o colunista Aulus Sellmer, em entrevista ao programa Rota Saudável, da Rádio Estadão. 
 O ideal é usar esta vestimenta, que não pode ficar folgada no corpo, por baixo de uma outra camiseta. Feita com um material considerado “inteligente”, a segunda pele não encharca e protege para manter a temperatura do corpo, mantendo-o aquecido. Por essa razão, ao fazer exercícios, não se deve retirar nem a segunda pele nem a camiseta por cima dela.
Sellmer ainda lembra que, ao final dos treinos, é necessário se agasalhar. Isso porque a perda de calor do corpo é muito acelerada, “então é importante deixar um agasalho no carro, se você estiver em um parque, ou estando na academia, você já deve tomar banho e trocar toda a roupa”, diz. Assim, não há diminuição excessiva de calor e “você consegue ter uma melhor performance durante os treinos”.