Outubro Rosa: Saiba como fazer reconstrução de mama e aréola gratuitamente

Bárbara Correa* - O Estado de S.Paulo

‘É fundamental que toda mulher tenha sua mama reconstruída para preservar sua autoestima e minimizar os efeitos psicológicos da doença’, afirma especialista

Saiba como realizar a reconstrução de mama no SUS e da aréola gratuitamente

Saiba como realizar a reconstrução de mama no SUS e da aréola gratuitamente Foto: Freepik/@jcomp

A mastectomia consiste na remoção completa da mama como um dos tratamentos cirúrgicos para o câncer de mama. Porém, o que algumas mulheres não sabem é que o procedimento seguinte, a reconstrução mamária, também deve ser considerado parte desse tratamento

Trata-se de uma cirurgia reparadora, que não deve ser encarada somente como um procedimento estético, segundo Fernando Pontes, cirurgião oncoplástico da Clínica Mantelli e membro da Sociedade Brasileira de Mastologia.

“É fundamental que toda mulher tenha sua mama reconstruída para preservar sua autoestima e minimizar os efeitos psicológicos da doença”, explica.

Justamente por não se limitar a uma questão estética, o mastologista explica que as mulheres podem ter direito a essa cirurgia gratuitamente. 

 

Como fazer a reconstrução mamária pelo SUS?

A lei 12.802/2013 garante que toda mulher tenha direito a reconstrução mamária pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo Fernando, sempre que possível, a cirurgia deve ocorrer no mesmo momento da cirurgia de retirada da mama para tratamento do câncer. 

Porém, caso isso não tenha sido feito, pelo SUS, a mulher pode exigir o agendamento da cirurgia de reconstrução mamária no local do tratamento. Caso ela não esteja em tratamento, é necessário dirigir-se a uma Unidade Básica de Saúde e solicitar o encaminhamento para uma unidade especializada em cirurgia de reconstrução mamária. 

 

Confira alguns locais que fazem a reconstrução da mama gratuitamente

  • Santa casa de SP
  • Hospital da Clínicas
  • Hospital do Amor
  • Hospital Pérola Byington

 

Reconstrução gratuita da aréola: micropigmentação

A micropigmentação é feita para reproduzir visualmente as características da aréola, como manchinhas e detalhes da papila mamária - margem em torno no mamilo. O procedimento de desenhar essa parte do corpo feminino abrange as camadas mais superficiais da pele.

“O SUS oferece a reconstrução da mama de forma gratuita, mas não a reconstrução da aréola e a acessibilidade desse procedimento também é fundamental para que as mulheres encerrem um ciclo de forma completa, voltando a se sentirem seguras, confortáveis para se olharem no espelho e terem orgulho das mulheres que elas são”, explica a empresária Natalia Martins. 

Natalia é fundadora da Natalia Beauty Academy (NBA) e, decidiu, há quatro anos, oferecer gratuitamente a reconstrução da aréola, através da micropigmentação, para ajudar a autoestima de mulheres como a Fernanda da Silva. 

Fernanda, 50, descobriu o câncer em 2017 e realizou a reconstrução mamária no ano seguinte, na mesma cirurgia da mastectomia. “No dia, eu perguntei pro médico se iam tirar a aréola, porque eu imaginava: ‘vão retirar a glândula mamária de dentro da pele, mas e como vai ficar a parte externa? A gente quer ser curada, mas também ficamos preocupadas com a aparência, porque a gente fica com essa sensação de que ainda falta alguma coisa”, disse ela. 

Mesmo passando por muitas sessões de quimioterapia, radioterapia, uma cirurgia e ainda ter que seguir por dez anos de medicação, ela superou todas as dificuldades e realizou a reconstrução da aréola em agosto deste ano. “Hoje me sinto muito mais feminina e bonita e o resultado da reconstrução da aréola é muito real. É um trabalho especial para recuperar a autoestima que estava esquecida ou até perdida”. 

Natalia, que já realizou o procedimento em mais de mil mulheres, explica que o mesmo pode ser feito após seis meses da reconstrução da mama, sendo necessário uma autorização do médico. A reconstrução da aréola dura de 1 a 2 horas e o pós procedimento precisa ser seguido à risca.

 

Cuidados necessários após a reconstrução da aréola com micropigmentação

  • Lavar com água morna e sabonete neutro líquido

  • Aplicar creme indicado na região

  • Não expor ao sol por 25 dias

  • Evitar piscina, mar e sauna por 20 dias

  • Evitar roupas justas que entrem em atrito com a pele 

  • Evitar alimentos gordurosos

Para fazer o procedimento no Natalia Beauty & Academy, é só fazer o agendamento por meio dos telefones: 11 3061-2670 ou 11 99910-6425.

 

Reconstrução gratuita da aréola: tatuagem

Outra forma de conseguir a reconstrução gratuita da aréola é através de tatuadores que, como o Rodolfo Turini, tenham essa iniciativa em seu estúdio. Rodolfo é tatuador há 17 anos e começou esse projeto no início deste ano. Apesar de interromper temporariamente a iniciativa, devido a pandemia, ele afirma que, atualmente, já retomou os atendimentos. 

“Tenho um estilo de trabalho realista, onde reproduzo fotografias reais na pele, então pensei: ‘porque não reproduzir a aréola de mulheres, que passaram pelo tratamento de câncer?’ Resolvi fazer gratuitamente para aumentar a autoestima dessas guerreiras”, disse ele.

O tatuador explica que estuda o tom de pele de cada pessoa para chegar a cor exata de cada aréola, todo procedimento funciona como uma tatuagem.  Ele recomenda sempre verificar com um médico se o procedimento pode ser feito e o cuidados após a reconstrução é apenas o uso de uma pomada de cicatrização. 

“Tento manter a melhor acessibilidade possível, porém materiais de tatuagens estão bem caros e faço isso totalmente por conta própria. Seria bom se, de alguma forma, eu conseguisse parceiros, para poder manter esse projeto”. Para agendamentos, basta entrar em contato com Rodolfo pelo Instagram @rodolfoturini.

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais