Instituto Vencer o Câncer promove movimento para conscientizar sobre tratamento durante pandemia

Camila Tuchlinski - O Estado de S.Paulo

Objetivo é destacar a importância do acompanhamento daqueles que lutam contra tumores

Instituto Vencer o Câncer chama atenção para a importância da manutenção do tratamento durante pandemia

Instituto Vencer o Câncer chama atenção para a importância da manutenção do tratamento durante pandemia Foto: Divulgação/Vencer o Câncer

O Instituto Vencer o Câncer lança o movimento “Para a saúde não existe Quarentena”, uma série de vídeos em que diversos oncologistas, de todo o País, falam sobre o momento que vivemos com a pandemia da covid-19 e a importância da manutenção dos tratamentos dos pacientes oncológicos e dos exames para o diagnóstico dos tumores.

Muitas pessoas não estão fazendo seus exames de rotina por causa da pandemia e a expectativa é que os casos de câncer em estágio avançados cresçam.

“Neste momento, ainda é importante manter o isolamento social. Mas, em se tratando do câncer, uma doença igualmente grave, o início e continuidade do tratamento passam a ser prioridade”, afirma o oncologista Fernando Maluf. “Os hospitais e laboratórios estão preparados para receber os pacientes com total segurança. A espera, no caso do câncer, pode ser um complicador irreversível”, acrescenta.
Segundo estimativas do Instituto Nacional de Câncer, divulgadas em fevereiro, antes da quarentena, o Brasil deve registrar 625 mil novos casos de tumores neste ano. Um levantamento das Sociedades Brasileiras de Cirurgia Oncológica e de Patologia mostra que, por causa da pandemia do novo coronavírus, houve redução de até 90% na quantidade de exames que deveriam ser oferecidos em hospitais.

Novos vídeos serão postados semanalmente, no canal do Instituto Vencer o Câncer no YouTube.

 
Assista ao vídeo: