Grávidas que tiram sonecas têm menor chance de ter bebês abaixo do peso, diz estudo

Redação - O Estado de S.Paulo

Pesquisa observou que o efeito é positivo quando as gestantes dormem de uma a uma hora e meia durante a tarde

Tirar sonecas durante a gravidez está associada a uma redução nas chances de ter bebês abaixo do peso, diz estudo.

Tirar sonecas durante a gravidez está associada a uma redução nas chances de ter bebês abaixo do peso, diz estudo. Foto: Pixabay

Durante a gravidez, é comum sentir mais sono que o normal e, de acordo com um estudo publicado no Sleep Medicine Journal, tirar sonecas durante a tarde não é nada prejudicial – pelo contrário.

Pesquisadores analisaram dados de saúde de 10.111 mulheres grávidas de 15 a 50 anos da base de Saúde do Bebê da China entre 2012 e 2014 e concluíram que dormir a tarde diminui a chance de ter bebês abaixo do peso.

As mulheres responderam a questionários sobre seus hábitos de sono enquanto estavam grávidas e aquelas que tiraram sonecas de cerca de uma hora até uma hora e meia tinham 29% menos chances de ter um bebê abaixo do peso (ou seja, aqueles que pesam menos de 2,5 kg).

Mas a frequência da soneca também foi um fator importante: as gestantes que tiraram sonecas de cinco a sete dias por semana tinham 22% menos chances de dar à luz um filho com pouco peso.

"Pelo que sabemos, esse é o primeiro estudo a analisar a relação entre sonecas durante a tarde na gravidez e o nascimento de crianças abaixo do peso. As mulheres durante a gestação podem alcançar efeitos mais saudáveis ao dormirem aproximadamente uma hora e meia", explicam os autores do estudo.

Os pesquisadores, porém, ainda não conseguem explicar o motivo pelo qual foi observada essa diminuição de bebês abaixo do peso com maior frequência de sonecas.