Ano novo. Tudo novo. Não raro as primeiras semanas de janeiro são repletas de esperança e de promessas.
Fazer dieta, começar o exercício físico, iniciar um curso e encontrar – mais – aqueles amigos e familiares que tanto gostamos, mas que as correrias do cotidiano nos afastam.
Só que o tempo vai passando, a lista de metas e planos vai ficando cada vez mais esquecida, até que…..o Natal chega novamente.
Antes que isso aconteça, que tal fazermos o novo no ano novo ? E começarmos a fazer promessas possíveis de serem cumpridas? Eu te desafio a caminhar pelo menos 30 minutos por dia. Não, não precisa acordar às 6 da manhã e correr para a academia. Mas comece devagar, indo a pé ao supermercado ou à padaria. Você topa?shutterstock_470032862

Que tal comer pelo menos um novo legume ou hortaliça por semana. Aceita o desafio?
E água? Não tem costume de tomar, mas consegue contar os copos diários e beber ao menos 5? Vá  aumentando um copo a cada dia até chegar aos recomendados 2 litros.
E as finanças. Que tal o desafio das 52 semanas? Funciona assim: você guarda 1 real na primeira semana, 2 reais na segunda, 3 na terceira até chegar a 52 semanas. Vamos tentar?
E aquele checkup que prometeu faz tempo ao seu médico já marcou em 2017?

Quer começar uma atividade diferente? Que tal participar do Clube da Leitura, do clube da dança ou da memória de um grupo que busca viver mais e melhor?  Aposto que estas são algumas ideias possíveis de serem realizadas ao longo do ano. Você tem 365 possibilidades, mas faça-as possíveis. Viva mais e melhor.