Todos os anos é a mesma coisa. Esfria, o tempo fica seco e o nariz escorre. São os vírus do outono circulando e fazendo com que as pessoas fiquem doentes. Para quem tem mais de 60 anos, a atenção é redobrada, pois a gripe e outras doenças infectocontagiosas costumam ser mais graves nesta faixa etária.

A gripe é provocada pelo vírus Influenza e é uma doença altamente contagiosa

A gripe é provocada pelo vírus Influenza e é uma doença altamente contagiosa, ou seja, passa de pessoa para pessoa facilmente. Ainda mais nesta época do ano, em que o tempo seco e o frio contribuem.

Normalmente, os sintomas são fortes e costumam “derrubar” as pessoas infectadas. Dor no corpo, febre, coriza (nariz escorrendo) e falta de apetite são alguns deles. Eles costumam durar cerca de 2 semanas.

Como todas as infecções por vírus estar com a imunidade baixa facilita a contaminação. Por isso, gostaria de numerar algumas recomendações para que você possa ficar livre desta doença.

Vacinação

Desde o dia 22 de abril a vacinação contra influenza está disponível nos postos de saúde, para diversos grupo, entre eles os idosos a partir dos 60 anos. O dia D de mobilização, em que postos de todo o Brasil estarão abertos, será no dia 4 de maio. A meta do Ministério da Saúde é vacinar pelo menos 90% de cada um dos grupos prioritários.

A vacina produzida para 2019 protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, de acordo com determinação da Organização Mundial de Saúde (OMS). Vale destacar que a vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações e óbitos.

Higiene da mãos

Parece bobagem, mas não é. Lavar sempre as mãos com água e sabão ou utilizar álcool em gel ajuda a evitar a contaminação e transmissão dos vírus. O da gripe é facilmente transmitido e lavar as mãos evita muito o contágio. Evite coçar os olhos e colocar as mãos na boca e no nariz.

Alimentação saudável

Os vírus são oportunistas e costumam se aproveitar de pessoas com imunidade baixa. Por isso, manter uma alimentação equilibrada com verduras, legumes e frutas, e proteínas e longe de frituras e alimentos industrializados é recomendável. Abuse de alimentos ricos em vitamina C como laranja e limão.

Beba bastante água

Hidratar o corpo diariamente também é importante tanto para quem está com gripe quanto para aqueles que querem ficar longe dela. Beba, ao menos, 8 copos de água por dia.

Contato com pessoas doentes

Se você não sabe a quantas anda sua saúde, evite ficar próximas a pessoas contaminadas com o vírus da gripe. Isso vale tanto para pessoas próximas quanto aglomerações e locais fechados. Um alerta: se você estiver gripado nunca visite um parente internado em um hospital.

Siga estas recomendações, especialmente a vacina, e fuga da gripe. Viva mais e melhor.