Sarau, luau e o escambau

Sarau, luau e o escambau

Produção artística que vive à margem da indústria cultural

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Tem show da banda Saco de Ratos, tem bate-papo com o poeta Marcelo Montenegro e tem site com ‘Mais de 100 Autoras Pretas & Brasileiras’

Por Arnaldo Afonso

SAUDADE DO JOÃO EMILIO >>> Durante a semana rolaram muitas mensagens, telefonemas e choro de amigos saudosos e inconformados com a morte do querido amigo João Emilio, músico participante e um dos organizadores do Sarau da Maria. Selma, Oswaldo, Cida, Deise, Helen, Alexandre Isaac, João Marques, Fanca e meu irmão Luiz foram alguns dos que se manifestaram. Nas duas lives de que participei (sábado e terça) a voz embargou e eu me esforcei para conter o choro ao falar do João (os links estão nas matérias seguintes). Ainda ontem, estava lembrando do arranjo jazzístico incrível que ele bolou para uma canção de 4 acordes que fiz (‘A Dor que Nunca Morre‘, interpretada pela Deise). Saudade, João, saudade… Recebi também um texto do poeta Paulo Gonçalves Ferreira (que lançou recentemente o livro ‘O Absurdo‘) se solidarizando com a turma da Vila Maria pela perda do amigo e contando uma história vivida com ele. Eis aqui:

“Há alguns dias soube do falecimento do grande músico e pessoa, o João Emílio. O João foi o primeiro músico da Vila Maria e da ‘Praça Maldita’, que encontrei e tive contato, num sarau da ZL, depois de décadas sem notícias dessa turma toda. Ele havia subido ao palco e cantado uma canção do Pedro Lua. Fiquei surpreso (até então não o conhecia pessoalmente) e pedi a ele que cantasse Balada 57 , do mesmo autor . E ele cantou, junto com a sua companheira.
Passamos o resto da tarde conversando sobre esse movimento musical na Vila Maria. Contei a ele que, ainda muito moço, nos anos 80, acompanhei de longe as obras lançadas no período: os elepês ‘Bastardo‘, de Dari Luzio, ‘Vozes da Cidade‘, de Paulo Barroso, o compacto duplo do Pedro Lua e o incrível elepê ‘Brincadeira Manhã‘, de Lé Dantas & Cordeiro. Falei da minha admiração por essas obras, que são poucas divulgadas.
Ele ficou surpreso por eu conhecer esse pessoal todo e ainda não ter frequentado o Sarau da Maria, onde uma parte dessa turma se reunia. Depois com o passar do tempo passei a encontrá-lo com mais frequência em outros eventos. Escrevo e lembro disso, porque o João Emílio participou dessa produção toda, seja tocando contrabaixo, seja fazendo vocais (no compacto do Pedro, a gente pode ouvir seu baixo pulsante).
Antes que ‘o destino cruel e o vento forte, leve os amigos, para longe das conversas, dos cafés e dos abrigos’, como diria Belchior, penso que essas vivências e histórias precisam ser eternizadas. Contadas e escritas. A arte produz sonhos e os sonhos nascem primeiro no coração. Então, lembrando o bruxo Dom Juan, alertando Castañeda: ‘há tantos caminhos, siga o do coração’. Abraços a todos”.

Sigamos, Paulo. Obrigado pelas palavras solidárias.

 

MINHAS ‘ANDANÇAS’ PELAS LIVES

‘INTER PHONES: conversxs na portaria’ >>> Na segunda-feira, dia 29 de junho, às 20h, com transmissão pela página da Banda Portaria, no Youtube, participo da primeira edição da live de entrevistas que a banda vai realizar semanalmente. Serão três de seus membros (Vitor Miranda, João Paulo Mantovani e Telo Ferreira) papeando com três artistas convidados (nesta edição, Arnaldo Afonso, Marília Calderón e Eduardo Lopes Touché)

A Banda da Portaria lançou recentemente o clipe ‘Viramundo’, composição de João Mantovani, com produção musical (e contrabaixo) de Daniel Doc e inserção de versos declamados pelo poeta Vitor Miranda (que em sua página no Instagram vem publicando contos e poemas durante o período de isolamento). Acompanhe essa turma de jovens e talentosos artistas

Sarau Poesia de Porão >>> Foi uma honra estar ao lado de coletivos guerreiros e participar de um sarau que tem por lema ‘opinião eu respeito, fascismo eu combato’, evento mensal organizado pelo professor Betinho – Roberto Bezerra dos Santos e pelo músico e artista plástico Vander Bourbon. Veja aqui a live completa (e aí em cima, a minha participação). Foram 5 horas e meia de um ‘sarau’ maravilhoso, um encontro de ativistas amorosos, um ‘congresso’ de ideias e projetos em prol de um mundo melhor. Foi um respiro revigorante nesses tempos de isolamento social e descaso das autoridades. Parabéns aos grupos participantes. Fiquei muito feliz ao ouvir os relatos de vários e preciosos trabalhos de base nas periferias. Saí de lá energizado. Obrigado e parabéns aos organizadores.

Tom KBélo Entrevista >>> Na terça estive na live do Tom, que já completou um mês de belos serviços prestados ao movimento dos artistas alternativos, entrevistando músicos, poetas e ativistas. Falei sobre meu trabalho no blog Sarau, Luau e o Escambau e minha participação no Sarau da Maria e no movimento dos saraus, além de divulgar meus novos projetos musicais e poéticos. Um deles, o espetáculo sobre a vida de Cartola, devo apresentar brevemente na live da produtora Acorde em Si, empreitada da qual o Tom também participa. Fiquei feliz de contar um pouco da minha história com os amigos da Vila Maria (aqui a live completa). Valeu, Tom!

MEUS TRÊS ESPETÁCULOS >>> Registro mais uma vez que tenho três espetáculos prontos para apresentações presenciais nas Casas de Cultura, Ceus, Bibliotecas e Sescs após a pandemia (se isso vier a acontecer algum dia) e que foram adaptados para o formato de lives (que já ando realizando pelo Face, Insta e Youtube). São eles:

1 – Arnaldo Afonso Canta e Conta Cartola >>> No show, canto 20 canções do grande compositor e conto várias histórias e algumas curiosidades sobre sua vida e obra (aqui uma das lives). O texto do show foi extraído da minha peça ‘Mestre Cartola: Vida e Obra em Verde e Rosa‘, disponível em minhas página no Facebook

2 – A Importância da Música (Os Grandes Compositores da MPB e suas Histórias) >>> Esquetes teatrais levemente cômicos onde a atriz Rosa Freitas interpreta a ‘austera’ professora Margarida (que, durante o desenrolar da peça, vai se revelando uma ótima cantora). Ela dá ‘aulas de história da MPB’ aos seus alunos e Arnaldo Afonso é o músico e jornalista ‘especializado’ convidado por ela a cantar algumas canções e comentar sobre a vida e a obra de compositores como Noel, Tom, Gonzagão, Cartola, Adoniran, Caymmi, Chico, Caetano, Gil, e Roberto, além dos mais atuais Djavan, Paulinho da Viola, Raul, Belchior e Cazuza, entre outros (veja uma das lives)

3 – Rocks, Pops  & uns Toques de Poesia – com Arnaldo Afonso >>> Canto repertório autoral, falo de meus parceiros, dos poetas que musiquei e leio textos que escrevi para os artistas que me influenciaram (veja uma das lives). Conto histórias dos saraus, do meu blog e falo do aprendizado que é participar do movimento cultural da ZN, desde os anos 80

ATELIER TRAVESSIA >>> O belo e aconchegante espaço cultural administrado pelo multiartista Ca Cau (na rua Minas Gerais, 201) está postando depoimentos de músicos, poetas e performers que por lá se apresentaram. No meu vídeo, eu, Arnaldo Afonso, falei dos shows que participei ao lado de Helen Torres, Betto Ponciano e Sidney Kitagawa, além de citar alguns a que assisti, como os de Bruna Moraes, Conrado Pera, Thiago K e John Mueller, entre outros. Espero, em breve, voltar a curtir o local e reencontrar os amigos queridos. Valeu, pessoal!

..

SOBRE AS LIVES >>> Pinço das redes sociais um comentário do dramaturgo Lucas Mayor a respeito da transmissão de sua montagem teatral via net (‘Terça Em Cena‘, dia 30 de junho, às 21h):

não sei se é teatro, literatura, cinema, artes plásticas, videoarte, dança, performance ou alguma coisa à procura de um nome. Não chegamos a um consenso. A fim de investigar esse não consenso, continuaremos fazendo trabalho de campo no zoom‘.

Hoje, já temos figurões da indústria do entretenimento fazendo lives bancadas por grandes companhias de cerveja e transmitidas por canais de televisão. Mas fomos nós, artistas alternativos, os primeiros que foram às lives, que ocuparam os celulares do público para lhe fazer companhia e cantar nos momentos tristes do isolamento social que a pandemia impôs. E fomos às lives por amor à arte, por saudade de cantar, dançar e declamar, por vontade de estar com nosso público. Sem nem sequer ganhar grana alguma (como sempre, infelizmente). Acredito que, mesmo após a pandemia (se houver amanhã), as lives de debates e conversas podem continuar sendo úteis. Claro que não substituem o palco do teatro e do show, mas podem ser um canal interessante de comunicação com um público específico (como o de literatura ou de saraus de poesia) para divulgação de trabalhos, bate-papos sobre peças, lançamento de livros ou temas relativos. Sem falar na possibilidade que o próprio Lucas Mayor colocou, de se criar uma nova linguagem, misturando elementos de várias mídias e artes. Por tudo isso, penso que as lives vieram pra ficar.

 

A PANDEMIA E O DESCASO DO
(DES)GOVERNO BOLSONARO

CORONA 1 >>> O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, viralizou na net ao postar a vídeo-aula ‘As Lições da Pandemia’. Professor, ele explicou a pandemia e seus impactos na vida de todos, além de homenagear os profissionais de saúde e alertar para medidas que impeçam o avanço do vírus. Por fim, comentou: ‘Alguns países pensaram que escapavam ao vírus, mas a Europa, distraída no início, percebeu a tempo e foi menos egoísta que boa parte do mundo’

CORONA 2 >>> O fotógrafo Cadu Castro, que tem um ótimo programa de entrevistas em sua página no Facebook, fez um comentário sobre a pandemia, do qual extraio um trecho:
“Os profissionais de saúde são os novos alvos dos insanos seguidores da seita bolsonarista. Antes, os professores é que eram chamados de comunistas doutrinadores. Agora, médicos, enfermeiros e fisioterapeutas é quem são os ‘comunistas pró-covid’, ou seja, são acusados de alterar os dados de doentes e mortos. A sandice, estultice e fanatismo dessa gente (que os acusam) faz com que vivam num mundo paralelo, construído em grupos de Whatsapp. É um fenômeno psicossocial que traz elementos do fascismo italiano, do nazismo alemão, e características de seguidores de sociopatas como Charles Manson e Jim Jones. Para eles, o mundo fora do mísero universo forjado em grupos de Whatsapp ou outras redes sociais, é tido como ‘errado e mentiroso’. A ‘verdade’ introjetada em suas mentes é incontestável, eles são dogmáticos. E não há um único argumento que consigam construir, apenas reproduzem os que já lhes são oferecidos. E os replicam como fossem um mantra. A falta de senso crítico mata, a si próprios e a outras pessoas. Isso é histórico”

CORONA 3 >>> Quanta diferença entre as ações do presidente fascista do Brasil e as do professor português. Bolsonaro incentivou seus ‘seguidores’ idiotas a invadirem e chutarem portas de hospitais (impunemente! – pode isso, produção?). Daí a indignação do texto de Cadu, que repliquei acima. Nos comments de seu post, acrescentei meu textinho: penso que a falta de legislação no uso da internet tenha muita ‘culpa’ nisso tudo (nessa onda fascista e oportunista que arrasta a maioria desinformada). A impunidade e a irresponsabilidade dos perfis anônimos, com a criação de robôs e disparos de fakenews financiados. A net é uma mídia nova e precisa ser regularizada, como as outras mídias também. Os responsáveis por postagens descabidas devem ser criminalizados, à luz da legislação. Os ‘gênios’ da rede, que manipulam dados para ganhar dinheiro, ofereceram esse (des)serviço que a direita comprou (empresas de análise e cadastro de dados & privacidades afins). E assim, a ‘verdade’, foi pra cucuia. Agora, até a ideia da Terra ser plana é levantada como possível. Se não combatermos isso, a nivel global, estamos ferrados.

CORONA 4 >>> Como estou sempre olhando as páginas dos escritores, extraí do Facebook do poeta Daniel Perroni Ratto o seguinte comentário: “Gafanhotos chegando da Argentina, deserto do Saara atravessando o Atlântico, Calígula no Palácio da Alvorada, quase 60 mil mortos, pra lá de 1 milhão de infectados e privatizaram a água! 2020 não é um ano, 2020 é um espaço-tempo entre o limbo e o inferno”. Em outro post, finalizou: “A privatização da coisa pública não significa fracasso de Estado, mas sim, a incompetência de Governo”

CORONA 5 >>> O humorista Marcelo Laham, do coletivo ‘Embrulha pra Viagem‘, fantasiou-se de Covid-19 para criticar a (não) atuação do (des)governo Bolsonaro no enfrentamento da pandemia. Na “Live do Corona”, o ator se apresenta como ‘sendo’ o vírus e, ironicamente, agradece às autoridades brasileiras pelo ‘acolhimento’ que lhe propiciou crescer e se expandir rapidamente. Seria apenas mais um esquete engraçado de artistas talentosos, não fosse um retrato crítico e verdadeiro de nossa lamentável tragédia cotidiana

 

CLIPES, LIVES E ETC & TAIS

… 

OFICINA >>> Dentro do projeto Transversalidades Poéticas, a multiartista Chris Cruz apresenta a oficina cultural Ritos Tibetanos. De 6 a 27 de julho. Inscreva-se

QUINTA – 25 de junho – 20h30 … Cantora Luciana d’Avila e músico Wagner Mojo fazem a live ‘Lado a Lado’ com transmissão pelo Face, Insta e Youtube. Contribuição voluntária

QUINTA – 25 de junho – 17h30 … Arte no Trabalho e Trabalho com Arte … Live da consultora organizacional Marli Gavioli convida a atriz, cantora e educadora Rosa Freitas para um bate-papo. Transmissão pelo Facebook

ANACÃ >>> Nesta quinta, dia 25, a partir das 18h, a companhia de dança dirigida pelo coreógrafo Edy Wilson posta na net a primeira parte de sua aula de Jazz Avançado, com o bailarino assistente Rafael Luz. No canal no YouTube @estudioanaca

QUINTA – 25 de junho – 20h … Live do violonista Paulo Miranda e da cantora Beatriz Carvalho, no Facebook dele

SEXTA – 26 de junho … Cantora e compositora Janaina Fellini lança single e videoclipe da música ‘Tangerina’ nas plataformas de streaming e no Youtube. A composição é de Bernardo Bravo e Conde Baltazar. A montagem do videoclipe, de Ulisses Candal, reúne mais de 50 pessoas que, à distância, gravaram imagens ‘inspiradas pela música, vivendo seu cotidiano, abrindo suas casas e o coração para esta experiência’

QUINTA – 25 de junho – 20h … Cabaré Feminista convida a musicoterapeuta Kezia Paz, que atua com grupo de mulheres em Guaianases. No Facebook

QUINTA – 25 de junho – 20h30 … Samira e Vinicius. Dupla realiza sua ‘Live das Quintas’, com transmissão pelo Facebook. Nesta edição, com clássicos da música nordestina: Gonzagão, Jackson e outros

Quinta – 25 de junho – 18h … Lives sobre Luiz Gama. Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial promove série de encontros para discutir a obra do poeta e jornalista. Nas páginas da Cojira-SP, Alma Preta e Jornalistas Livres, no Facebook

SEGUNDA A SEXTA >>> ‘Uma História Conta Outra‘ é o nome do novo projeto artístico do multiartista Wander B e da atriz e dramaturga Elenice Zerneri. Eles escrevem contos e crônicas, gravam e postam, diariamente, no YouTube. A série já conta com 31 performances que misturam literatura e audiovisual (aqui, a mais recente)

SEXTA E SÁBADO – 26 e 27 de junho – 20h … Lives da Acorde em Si. Produtora promove live com o cantor e compositor Irineu de Palmira, na sexta (20h). No sábado, dois artistas: Airô Barros (15h) e Deo Miranda (20h). Tom Kbélo, um dos administradores da Acorde em Si, tem apresentado lives com artistas e ativistas culturais de todo o país. Confira:

TERÇAS E QUARTAS – 20h30 – Tom Kbélo Entrevista >>> O poeta e produtor cultural abre espaço para os artistas alternativos contarem sua história. O programa, que completou um mês (passando das 5 mil visualizações), traz, na terça, dia 30, Dharma Samu e na quarta, dia 1, Mauri de Noronha

DOMINGO – 28 de junho – 17h … Live do Faeti Ramos (com Walter Poli). No Facebook da Casa de Cultura São Miguel

SÁBADOS – Papo Sons do Brasil >>> Projeto do produtor cultural Serginho Sagitta reúne artistas que participaram de seu famoso programa na rádio USP. Lives no Facebook

SEXTA – 26 de junho – 21h … Live com a Banda Saco de Ratos, direto do The Wall. Rocks e blues autorais cantados pelo dramaturgo Mário Bortolotto, acompanhado por Pagotto ( baixo), Brum (guitarra) e Rick (bateria). É gratuito, mas você pode contribuir com os músicos no site. Veja o show no Instagram

QUINTA – 25 de junho – 20h … Lu Vitti in Jazz … Cantora comemora niver e canta acompanhada pelo guitarrista Renato Alves em show com transmissão direta da Casa Matahari Mariposa, pelo canal do YouTube.
>>> MAIS LU VITTI >>> Na sequência, a cantora emenda sua live de entrevista, que tem feito todas as quintas-feiras, às 22h30, com mulheres cis e trans. A artista avisa que o bate-papo não será gravado (quem quiser, tem que acompanhar ao vivo)

SÁBADO – 27 de junho – 20h … Live de Lando Suárez e Santiago Dias, com o show poético e musical ‘A Voz do Silêncio’. Participação de Vidal França. No Facebook. Contribuição voluntária

DIÁLOGOS >>> Lenerson Polonini, diretor da Cia Nova de Teatro, dá sequência à série de entrevistas que acontecem às segundas, quartas e sextas, às 20h no perfil da @cianovadeteatro no Instagram. As últimas três, com Sergio Mamberti, Otto e Juca Ferreira, foram verdadeiras aulas de arte e humanismo (procure no IGTV). Nesta sexta, dia 26 de junho, o papao é com o ator e dramaturgo Rodrigo França  

Domingo – 28 de junho – 16h … Daniela Neris faz live em homenagem a Raul Seixas, na data em que ele comemoraria seu 75° aniversário. No Facebook

SÁBADO – 27 de junho – 18h … Inspirartes Cultural e Redes da Maré apresentam a live ‘Inspira: A Esperança Equilibrista’, uma mistura de produção cinematográfica com interpretações ao vivo de grandes nomes da cena brasileira. Projeto apresenta vozes de 16 Favelas da Maré (nos canais do YouTube e do Facebook) visando ‘transformar o hoje com a união do coletivo’

Quinta – 25 de junho – 17h30 … Lavra Editora … Toda quinta um escritor é entrevistado na página da nova editora, cujo projeto editorial foca na ‘defesa da democracia, dos direitos humanos, da justiça social e do direito de acesso da população aos bens literários e culturais, entendendo a cultura como caminho de libertação’. Nesta quinta o editor João Caetano Do Nascimento conversa com o poeta Nelson Barbosa. As lives anteriores, com Marilia Kubota, Ivan Neris e Paulo Gonçalves Ferreira estão disponíveis na página da editora no Facebook

Sexta – 26 de junho – 19h30 … Live e vaquinha solidária de Teju Franco e amigos para repatriar a cantora Marcia Christina e sua família do Uruguai. Saiba mais aqui

SARAU VIRTUAL >>> Acompanhe as várias apresentações de artistas no sarau Delivery promovido pelo BemBlogado em seu site e também no Facebook

Sexta – 26 de junho – 15h … Sabah Moraes recebe Maíra Lemos. Encontro musical e bate-papo das artistas no ‘Conversas Musicais’ com transmissão pelo YouTube

RESSONÂNCIA >>> O poeta e editor da Desconcertos, Claudinei Vieira, entrevista escritores às segundas, quartas e sextas, sempre às 20h, com transmissão pelo Youtube. Nesta sexta, com o poeta Marcelo Montenegro (também roteirista de cinema e tevê), que lançou recentemente o livro ‘Forte Apache‘ e apresentou por vários anos (com o guitarrista Fabio Brum) um espetáculo performático baseado no cd ‘Tranqueiras Líricas‘ (no link, abaixo). Na sequência, leia um de seus magníficos poemas:

LTERATURA COMPARADA
(Marcelo Montenegro)
Quando o MUNDO é um cruzamento
movimentado cujo semáforo pifou.
FUTURO é um cartaz de filme antigo
num cinema que já fechou.
ANGÚSTIA é esse instante
durando meses. AFETO
é uma conversa entre velhos amigos
no bar mais perto ao velório de um deles.
MARCOS REY
foi meu Chuck Berry da literatura.
CARNE MOÍDA é o leite
condensado das misturas.
PAZ é sorrir por dentro. POEMAS
são imagens pingando
das goteiras do tempo.
ENTRAR é o começo
de sair. “SER ORIGINAL
é tentar ser como os outros
e não conseguir”.
ACADEMIA é a repartição pública
do corpo. SIMPLICIDADE
é a superfície do topo.
FRACASSO é o abajur da sorte.
CANTAR é roubar
uns minutos da morte
.

ORÁCULO MUSICAL >>> Toda quinta-feira tem uma nova mensagem do mago e multiartista Marcio Cassoni, ‘O guardião do tempo’, na página do Atelier Travessia

DEH OLIVEIRA >>> Fique ligado na página do cantor e compositor Deh Oliveira. Além de suas lives com canções autorais e clássicos da mpb, ele apresenta semanalmente o Balbúrdia, programa onde entrevista artistas e ativistas da política, da cultura e da saúde. No Face e no Insta

SEXTA A DOMINGO – SATYROS >>> Estreia o espetáculo digital ‘A Arte de Encarar o Medo’. Inspirado nas vivências sob a pandemia, a companhia “mergulha na investigação de novas linguagens, explorando a interação através das janelas virtuais, da iluminação e da movimentação da câmera”

SEGUNDA A SEXTA – 17h30 … O cantor e compositor Kleber Albuquerque bate-papo e canta algumas de suas belas canções. No Face, Insta e YouTube

Às sextas – 20h … Sarau Virtual Poetas e Cantadores. Grupo formado no zap pelos artistas Sebah de AssisEdinho TwinBirodylanMauri de NoronhaDarc MaiaVal Barros e Val Branco, entre outros, apresenta seus trabalhos, sempre às sextas (clique nos nomes e faça contato pelo Facebook)

UNDERGROUND & ETC E TAL >>> ‘Sinister Salad Musikal‘ é o site de Marco Antonio Gonçalves, que agora virou canal no YouTube. O cara é produtor cultural, participa do grupo que organiza as atividades do VideoClube Charada e é profundo conhecedor da música nacional e internacional de todas as épocas. Colecionador de vinis, Marco posta fotos de lps de sua coleção e escreve algumas resenhas, além de compartilhar vídeos dos muitos shows que assiste (e promove). Entre lá e se inscreva

UM BANDO DE GENTE >>> Programa convida quatro poetas para conversar e dizer poemas. Quinta, às 20h, e domingo, às 18h, na página de Ricardo Silvestrin, no Facebook e no YouTube (se inscreva no canal). O apresentador, que além de poeta é músico, acaba de lançar o clipe ‘Atenção, Senhores Passageiros

ZÉ DE RIBA >>> O cantor e compositor tem postado seus contos no canal Rubilica: três da minissérie ‘A Cerca’ e alguns abordando o isolamento social na pandemia, entre outros temas. Entra lá e confira tudo 
 …

ÀS TERÇAS – 20h … Acompanhe o programa CasArte Marginal, apresentado e produzido pela dupla de artistas Alexandre Paulino e Aline Lopes. São entrevistas com escritores, músicos e ativistas da cena cultural alternativa. O programa tem reprise na sexta, às 13h, e no domingo, às 17h. Na  casileoca.com

SOCORRO LIRA >>> Cantora e escritora (criadora do Prêmio Grão de Música) organiza site onde estão disponíveis para compra seus livros e cds. Visite a página www.socorrolira.com.br/loja

OS CDS DA KANA >>> A talentosa cantora e compositora Kana Nogueira, conhecida também pelo seu nome de solteira, Kana Aoki (ela é casada com o escritor e blogueiro Léo Nogueira) disponibilizou para venda (e audição) nas plataformas digitais dois de seus cds. Entre aqui e confira

LIVES DA RAQUEL >>> A cantora e compositora Raquel Martins tem apresentado lives no Facebook, sem data nem horário pré-definidos, além de postar novas parcerias feitas no isolamento da pandemia. Fique de olho em sua página no Youtube

LIGIA REGINA E EDER LIMA >>> Dupla de artistas lança videoclipe da música ‘Jardim de Hideko’, do seu cd ‘Pisagens’. O poema de Akira Yamasaki, musicado por Eder, foi ilustrado por imagens com licença livre e captação caseira

ORTINHO >>> O cantor e compositor pernambucano Ortinho lançou o single ‘Os Loucos’, parceria com o pianista Rogerio Rochlitz (veja aqui). A canção chega às plataformas digitais um ano após o álbum ‘Nas Esquinas do Coração. que tem novas parcerias com Arnaldo Antunes e participação de Otto, Junio Barreto, Pupillo e Toca Ogan

Domingo –28 de junho – 17h … Live Show Bolero Freak (Beijos e Boleros). Banda realiza shows online para levantar fundos e manter a equipe. Clique e saiba mais sobre a campanha de financiamento

‘BAILARINOS INVADEM’ >>> A equipe da Focus  tem recebido profissionais de diversas áreas para bate-papos informativos sobre atividades paralelas que interessam a bailarinos, coreógrafos e produtores de espetáculos. No perfil da companhia no Instagram (e também no Facebook)

TERÇA – 30 de junho – 21h … TERÇA EM CENA >>> Projeto teatral, agora online, dos diretores Lucas Mayor Marcos Gomes apresenta quatro peças curtas. A apresentação é para levantar fundos para o Teatro Cemitério de Automóveis. Colabore aqui 

NA PRATELEIRA >>> Saiu o terceiro episódio, com performance poética e musical da banda Macaco Fantasma, além de bate-papo com os integrantes (veja também os outros dois, com Dharma Samu e Lews Barbosa. Produzida pelo Selo Eskambo a série promove apresentações ao vivo e entrevistas com cantores e bandas alternativas. O coletivo está em campanha pelos ‘likes’ do público. Portanto, inscreva-se no canal

CORALUSP DONA YAYÁ >>> Dentro da série de concertos virtuais, o coral apresentou o vídeo de Erê (Menino Prateado), sob a regência de Mauro Aulicino. A canção, de Indy Naíse e Uma Luiza Pessoa, retrata a realidade vivida por jovens pretos que se pintam de prateado, como se fossem estátuas vivas, para que possam ser enxergados e sobreviver, resistindo ao preconceito e à violência policial (para saber mais sobre Indy e o processo da composição, acesse o link)

QUARENTENA DA KIKI >>> A atriz e escritora Janaina Sant´Ana está produzindo uma série de vídeos abordando a rotina na quarentena. Ela (que escreveu e dirige) interpreta Kiki, divertida personagem que desnuda preconceitos, dúvidas e a pouca informação das pessoas ao comentar as questões polêmicas do momento. O poeta Cesar Augusto de Carvalho colabora na edição e faz o papel de Marco, marido de Kiki. Inscreva-se no canal do Youtube e acompanhe os episódios. No mais recente, Kiki fica fascinada com as notícias sobre o lançamento do foguete SpaceX mas coloca em dúvida a realidade dos acontecimentos

CULTURA EM CASA >>> Secretaria da Cultura disponibiliza conteúdo online durante toda a campanha de combate ao coronavirus: shows de música, concertos, visitas virtuais a museus, palestras, bate-papos, livros e espetáculos. A lista será atualizada diariamente. Confira aqui

ÀS QUARTAS – 11h … Marcelo Nocelli no Rádio … Editor da Reformatório apresenta programa sobre literatura na Rádio Brasil Atual (FM 98,9). Na pauta, livros brasileiros contemporâneos (resenhas e dicas), além de eventos e lançamentos. Se você perder a transmissão ao vivo, saiba que o escritor sempre disponibiliza o áudio do programa em sua página no Facebook

NOVO SINGLE DO CONRADO PERA >>> Já está em todas as plataformas digitais a canção ‘Buena Onda’, do cantor e compositor Conrado PeraEle toca violão e canta acompanhado por Lenna Bahule (voz), Jean Michell (percussão), Sérgio Carvalho (baixo) e Raul Misturada e Paulo Monarco (guitarras). Ouça aqui

A VOZ DA POESIA E A POESIA DA VOZ >>> O poeta Ademir Assunção e a cantora Jordanna Souza produziram um pocket-show online, cada um em sua casa, disponível no site sob uma colaboração de R$30, realizada pelo sistema Pagseguro. Para se manterem no período de isolamento, os artistas pedem também ajuda na divulgação do projeto e compartilhamento nas redes sociais

TRILHAS >>> O produtor musical Felipe Zangrandi vem postando na net uma série de programas denominada Trilhas. No mais recente, ele entrevista Cristiano Grimaldi, pesquisador  e colecionador de música brasileira. No vídeo acima, um papo com Johnny, guitarrista do conjunto de rock progressivo Pão com Manteiga

OS VÍDEOS DE DARI LUZIO >>> O cantor e guitarrista da banda Jecas Blues tem convidado vários artistas para participar de seus shows. E tem registrado em vídeo alguns desses momentos, além de entrevistar cantores, instrumentistas e produtores culturais da cena alternativa. Acompanhe aqui os sete episódios da série ‘Antropo Roque

A DONA DO ESCULACHO >>> Para aproveitar o tempo na quarentena, o produtor cultural e multiartista Rafael Nestardo criou a desbocada personagem Maria da Treta, uma apresentadora que dá ‘receitas’ para combater o coronavirus (e a inação do despresidente Bolsonaro). Nesta semana saiu, ‘Pavê da Vergonha‘, o terceiro e mais divertido episódio da série. Inscreva-se aquipara assistir a esse e outros trabalhos do artista

LIBERTO TRINDADE CONVIDA >>> O espaço cultural CasIleOca (à rua Perpétuo Junior, 178, em Santana) administrado por Liberto Trindade (filho do poeta e ativista Solano), além dos programas de rádio e encontros literários que promove, possui um belo acervo de livros, funcionando como sebo, aos domingos. Após o isolamento, o salão da sede poderá ser alugado para pocket-shows, lançamento de livros ou outros pequenos eventos (reservas pelo telefone 2950-4666)

ROBSON MIGUEZ >>> O multiartista está com vários projetos de trabalhos (inclusive uma exposição virtual de artistas Naif sobre o Covid 19) e acaba de abrir seu canal no YouTube.  Saiba mais sobre ele

EM MEMÓRIA DE ALDIR BLANC >>> O compositor Carlos Lyra colocou nas plataformas de streaming as gravações de suas parcerias com o letrista Aldir Blanc, feitas para a trilha da versão teatral de ‘Era no Tempo do Rei’, livro de Ruy Castro. Acesse aqui

 

… … …

LIVROS & AFINS

… … …

PODCAST >>> Olga Ribeiro Defavari apresenta (com André Castro) um programa diário de leitura de poesia onde lê textos, comenta sobre a história dos artistas e divulga lançamento de livros. Inscreva-se gratuitamente e ouça os vários podcasts postados no Spotify (aqui a lista completa). No de número 60 (no link, acima) conheça um pouco sobre o poeta Paulo Dantas

EDITORAS >>> Durante a quarentena, todos os livros das editoras Patuá e Reformatório, administradas por Eduardo Lacerda e Marcelo Nocelli, respectivamente, estarão com frete gratuito para todo país. Com os lançamentos físicos cancelados, as pequenas editoras precisam muito do apoio dos leitores. Clique para saber mais 

ESCRITORAS NEGRAS >>> Está disponível na net o levantamento ‘+ de 100 autoras pretas & brasileiras‘ feito pela jornalista e produtora cultural Jéssica Balbino, ao lado de Ketty Valencio, da Livraria Africanidades, com a colaboração da poeta Mel Duarte. Segundo elas, a iniciativa não tem a pretensão de esgotar nem definir a quantidade de autoras, por isso elas deixaram em aberto um link com formulário de automapeamento, para as autoras pretas que quiserem figurar na lista poderem se incluir (ou retificar informações que não sejam precisas). Clique no link e saiba mais

ENTRE / VISTAS >>> O poeta, performer e ativista cultural Artur Gomes tem realizado entrevistas com escritores e produtores culturais. Clique e acompanhe suas conversas com o poeta Rubens Jardim, com o escritor Luis Mendes e com a poetaNic Cardeal 

REVISTA SER MULHERARTE … Revista publicada pela escritora Chris Herrmann recebeu o prêmio ‘Excelência e Qualidade – Brasil 2020’ outorgado pela Associação Brasileira de Liderança. Acompanhe os poemas, entrevistas, podcasts e o movimento criado pelo coletivo Ser MulherArte, que lançou a antologia ‘Porque somos mulheres’. Chris também anuncia, para o dia 23 de julho, às 16h, o lançamento virtual de Entre Amoras e Amores, livro com 50 minicontos com toques de humor

RENATO DE MATOS MOTTA >>> Escritor gaúcho faz lançamento virtual do livro ‘Pretos de Peleia‘, onde, através da poesia, aborda as lutas dos negros no Rio Grande do Sul (clique para saber mais e adquirir o livro)

REVISTA FIRMINAS >>> A escritora Lenita Estrela de Sá é uma das participantes da Revista Firminas (coordenada por Luciana Diogo) com o conto ‘Brasas ardentes na ponta dos dedos’, uma fantasia de um dia na vida da escritora Maria Firmina dos Reis. A revista eletrônica é um projeto suplementar ao Portal Memorial de Maria Firmina dos Reis e visa privilegiar a produção de intelectuais negras das diversas regiões do país, divulgando sua produção literária e procurando se alinhar ao pensamento do feminismo negro. A cantora e compositora Socorro Lira recentemente lançou o álbum ‘Cantos à beira-mar’ com 10 músicas feitas sobre poemas de Firmina. Aqui uma das canções:

RUBENS JARDIM E ‘AS MULHERES POETAS’ >>> Os três volumes de ‘As Mulheres Poetas na Literatura Brasileira’, brilhante trabalho de pesquisa e resgate da poesia feminina nacional realizado durante seis anos por Rubens Jardim, já estão disponíveis na net (acesse aqui). Agora, a intenção do poeta é despertar o interesse de alguma editora para transformar esse material em livros impressos

TAVINHO PAES >>> O multiartista carioca Tavinho Paes acaba de lançar mais um de seus livros onde mistura poesia, filosofia, crítica de costumes e comentários sobre música, comportamento e política, tudo com muito humor, ironia e informação. As 48 páginas de ‘WI-FI (o tempo real)‘ dão continuidade ao seu trabalho anterior, ‘ON LINE – the setlist‘ (89 páginas e 200 links para seguir). Os dois livros podem ser adquiridos, juntos, em oferta especial (entre em contato pelo inbox)

CONFESSO QUE SOBREVIVI >>> Editora Essencial em campanha para contar em coletânea as histórias de mulheres anônimas que venceram seus limites e sobreviveram a uma relação abusiva, opressora e violenta (saiba mais no cartaz). Regulamento e inscrição gratuita no link 

O REINO >>> Livro do jornalista Gilberto Nascimento trata do nascimento e crescimento da Igreja Universal. O escritor e jornalista João Caetano do Nascimento comenta: ‘Gilberto brinda-nos com uma baita reportagem que nos ajuda a entender o Brasil atual, com suas contradições e suas tragédias, algumas tão burlescas que beiram ao terror’

 

… … …

MARIELLE PRESENTE

… … …

No dia 14 de março de 2018 a vereadora Marielle Franco, de 37 anos, foi assassinada no bairro da Lapa, no Rio. Ela era relatora da Comissão dos Direitos Humanos que acompanhava a intervenção militar no RJ. Havia feito denúncia contra abusos policiais e após voltar de um evento com jovens negras, foi baleada. Anderson Gomes, motorista do carro em que ela estava, também foi executado. Desde então, protestos contra o bárbaro crime se repetem em várias cidades brasileiras. Marielle lutava por justiça, inclusão e igualdade de direitos. Defendia as causas que todos nós, artistas e coletivos dos saraus, também defendemos. Dois anos depois, este blog continua aguardando o esclarecimento do caso e a punição dos assassinos e mandantes. As balas que a mataram atingem a todos nós. Não podemos nos calar. Até quando vou ficar semanalmente repetindo esse texto aqui? Será que vai ficar por isso mesmo? Por que a resposta não vem? Quem matou (e quem mandou matar) Marielle
DOIS ANOS DE IMPUNIDADE >>> Eu repito esse texto há mais de dois anos. E vou continuar repetindo enquanto este blog existir. É meu compromisso em defesa da democracia e da liberdade, ambas ameaçadas pela impunidade de assassinos ou pela omissão das autoridades. Se temos dois suspeitos presos (a quem ninguém entrevistou, confrontou, nem perguntou os motivos do crime) ainda falta saber quem mandou matar Marielle. Mais de dois anos depois, Marielle continua sendo baleada, morrendo todas as noites e renascendo a cada manhã. Porque pessoas íntegras como ela não morrem jamais. Se eternizam e viram exemplo de luta. Nós, brasileiros democratas, estamos aqui, de braços dados com Marielle, esperando que a justiça seja feita. Os assassinos talvez tenham a proteção momentânea de organizações ou de eventuais autoridades fascistas. E podem ameaçar Freixo, Marcia Tiburi e Jean Wyllis, ou mirar e atirar em nossas altivas cabeças. E até nos matar, um a um (‘matar uns 30 mil’, como disse o atual presidente durante sua campanha, sem ser punido nem ter sua candidatura impugnada). Só não poderão evitar que Marielle renasça mais forte, todos os dias, no corpo e na mente de cada menina guerreira da cidade do Rio de Janeiro. Marielle presente.

ESPANTOLOGIA POÉTICA >>>
Marielle em Nossa Vozes‘, publicado pela Edições Me Parió Revolução e pelo Mulherio das Letras, tem textos de mulheres de todo o Brasil. Aqui, o poema da maranhense Lindevania Martins:“houve balas e estilhaços
mas continuas inteira
na lição que aprendemos:
para ser livre
é preciso enfrentar
o medo
que temos deles
e o medo
que eles têm de nós”

 

… … …

CAMPANHAS

… … …

CAMPANHA DA CHARADA >>> Gilberto Petruche, Edu Osmedio e o grupo de artistas que participa das atividades culturais do VideoClube Charada bolaram um jeito pra amenizar as dificuldades financeiras durante a pandemia e conseguir levantar o dinheiro do aluguel: os frequentadores devem colaborar com a campanha (lançada no Abacashi) ‘adiantando’ o pagamento da cerveja que tomarão quando voltar a concorrida festa ‘A Idade da Terra em Transe‘, promovida mensalmente no local, com apresentações de 5 bandas (os shows começam as 17h e vão até meia-noite). Boa ideia, hein? Entra lá e colabore

TAPERA TAPERÁ >>> A Tapera Taperá é um misto de biblioteca, livraria, bar e espaço cultural. Atualmente está compartilhando em sua página do Facebook trechos de debates e palestras que realizou. A venda de livros durante os lançamentos é sua principal fonte de renda, comprometida com a atual crise. Para a manutenção das atividades, pede que o público se associe a ela, contribuindo com qualquer valor.
Sediada na Galeria Metrópole (av. São Luís, 187) a Tapera é um experimento político-cultural, sem fins lucrativos. De sua equipe guerreira, fazem parte: Antonio Freitas (idealizador e organizador), Manuela D’Albertas (cursos), Marcelo Finateli (livraria) e Michele Vasconcelos (biblioteca e administração). Colabore e saiba mais aqui

CAMPANHA NO ‘GRAJAÚ’ >>> Com o desmonte de políticas públicas que assolou a sociedade brasileira, a partir de 2016, e cujo impacto foi sentido duramente nas regiões periféricas de SP, profissionais dos serviços de assistência social, educação, cultura, saúde e coletivos do território do Grajaú iniciaram um movimento de valorização e de fortalecimento em rede de suas ações, tendo os direitos humanos como ponto principal. Essa é a origem do ‘Grajaú Faz Assim’, que visa defender os serviços públicos como direito social, realizando reuniões mensais em escolas, CCM, CIEE e outros espaços da região. Na pandemia, foi criado o movimento ‘Solidariedade em Tempos de Coronavírus’ para arrecadar itens básicos de alimentação, higiene e limpeza para os mais vulneráveis do Grajaú e região. Saiba mais e colabore, aqui 

INSTITUTO JUCA DE CULTURA >>> O IJC, acolhedora casa de cultura administrada pelo poeta Paulo Nunes, lança sua Campanha do Fundo Solidário Permanente para poder superar este período de crise com a pandemia. O fundo visa ajudar artistas ligados ao Juca e que estejam em situação mais vulnerável. Um coletivo determina de que forma e a quem o dinheiro arrecadado será distribuído, com subsequentes prestações de contas (o mapeamento de artistas mais necessitados já está sendo realizado). Clique aqui para saber mais e colaborar

FOCUS: CAMPANHA DE FINANCIAMENTO >>> AFocus Cia de Dança, premiada companhia carioca dirigida pelo coreógrafo Alex Neoral, está em campanha de financiamento para montagem de novo espetáculo, manutenção da equipe e viabilização de diversos projetos. Clique para saber mais sobre a campanha e as recompensas

COLABORE COM OS ARTISTAS >>> Por iniciativa dos artistas Izaltino Ribeiro da Silva e Silvio Kono, foi aberta no site Abacashi a ação solidária ‘Voz e Violão em Silêncio’ para amenizar a precária situação de músicos e outros artistas da ZL que estão sem trabalho devido ao fechamento de bares e equipamentos culturais. Para saber mais e colaborar, clique aqui

 

… … …

NO MOVIMENTO

… … …

Acompanhe o movimento dos criadores da arte alternativa tentando sobreviver em tempos de coronavirus e sob o desamparo do des(governo) Bolsonaro

CARTA ABERTA >>> O setor da música é um dos mais impactados pela crise do coronavírus. As atividades na área foram de 100 a 0 em menos de duas semanas. Por isso, os profissionais do setor organizaram abaixo-assinado para enviar suas reivindicações ao Governo Federal. Saiba mais aqui.

ABAIXO-ASSINADO 1 >>> Pelos artistas de São Bernardo >>> Artistas se mobilizam para cobrar da prefeitura de São Bernardo do Campo a prestação de contas e a liberação do Fundo de Cultura para editais. Mais que nunca, nesse momento de pandemia, os artistas precisam da liberação dessa verba. A petição será encaminhada ao prefeito Orlando Morando e à secretária interina de Cultura Greici Picolo Morselli. Clique aqui para saber mais, assinar e colaborar

ABAIXO-ASSINADO 2 >>> Pela aprovação do PL 1075/2020 >>> Projeto prevê a concessão de renda emergencial mensal aos trabalhadores do setor cultural (R$ 1.045,00) e apoio aos espaços culturais (R$ 10.000,00) durante o Estado de Emergência em Saúde. Além disso, o acesso aos Recursos Financeiros do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) e Fundo Nacional da Cultura (FNC). Saiba mais e assine aqui

INSCREVA-SE >>> Artistas alternativos que possuem contas no YouTube estão em campanha para alcançar a quantidade de 1000 inscritos, número a partir do qual, dizem, o YouTube passa a pagar pelas visualizações. Além do apoio de admiradores, a ideia é que cada artista se inscreva no canal do outro, e que este retribua, provocando um efeito cascata. Segue uma relação com alguns dos que já estão em campanha:

Marco Vilane … Adolar Marin … Sonekka Osmar Lazarini … Márcio Lugó … Cassia Maria … Daniel Medina … Fabio Nunez … Jordanna Souza … Lia Cordoni … Lika Rosa … CIA Bueiro Aberto … MC Crespo – Casa Di Caboclo … Indiara Ayokunle … Gabriel De Almeida Prado … Kleber Albuquerque … TV Arte Multicultural – Nicanor Jacinto da Silva … As Clarianas … Camila Brasil … James Bantu … Yzalú Oficiall … Lentes Periféricas … Barbara Beats … Marcy Santos … Ligia Regina & Eder Lima … Élio Camalle … Carlos Galdino … Robson Miguez … Sebah de Assis … Marcos Munrimbau … Sabrina Carvalho

NO FACEBOOK >>> Vários artistas do circuito alternativo têm postado no Facebook informações sobre shows, ensaios e aulas online, cursos e campanhas, poemas e músicas. Eis alguns deles (clique e visite suas páginas): Ricardo Kelmer … Teju Franco … Aloha …  Adolar Marin …  Graziela Medori & Alexandre Vianna …  Rubens Jardim …  Aldeia Satélite …  Jeanne Darwich …  Paulo Miranda, …  Focus Cia de Dança … Claire … Vanessa Bumagny …  Victor Mendes Santos … Socorro Lira …  Luis Mendes …  Poesia Primata … Tato Fischer …  Rosinha Morais …  Paula Valéria Andrade … Tavinho Paes … Léo Nogueira … Zé Manoel …  Zé Marcio KaipiraUrbano … Issoo … André Raimundo dos Santos …  Galba … Deh Oliveira … Carolina de Sá … Rafael Luz … Vladinsky & Cordeirovich

 

… … …

AGENDÃO >>> Fique ligado em minha página no Facebook, onde divulgo, diariamente, as lives e textos deste blog, além de outras inserções. E, anote: toda quinta-feira tem post novo. Até lá!

… … …