Bem, amigos do blog. A Copa acabou e descobrimos, de repente, que aquele senhor temerário voltou ao noticiário. Ele continuava lá, à frente da pátria verdeamarela, ostentando desorgulhosamente o maior índice de reprovação popular de todos os tempos. Ele, das tais ‘reformas modernizantes’, a saber: menos direitos sindicais e trabalhistas, menos aposentadoria, menos liberdades individuais, menos investimentos públicos em saúde e educação. Nem isso, nem as obviedades gravadas que derrubariam qualquer presidente em qualquer regime democrático de qualquer lugar do mundo, nada é suficiente para as panelas baterem. E assim, nos encontramos num perigoso vão autoritário, onde Aécios (apenas um exemplo entre muitos) gargalham soltos e impunes (e até se candidatam!), às vésperas de uma eleição esvaziada em que o vencedor, segundo as pesquisas, seria um tal de ‘nenhum dos candidatos’. Lula preso parece ser a cereja no bolo dos poderosos que noticiaram, legalizaram e venderam muito bem o seu ‘peixe-anticorrupção’. É natural. Afinal, ninguém entende mais de corrupção que eles, que continuam onde sempre estiveram: refestalados no poder, ampliando os seus ‘investimentos’ e lucros à custa da miséria da população e do abismo estendido ao futuro do País. Nós, cá do outro lado da banca, resistimos. E re-existimos. “Nenhum Direito a Menos” é uma canção do novo disco de Paulinho Moska, ‘Beleza e Medo’, a ser lançado no dia 3 de agosto. A letra-resposta a esse inimaginável momento de retrocesso político é do poeta e ativista Carlos Rennó:

Nesse momento de gritante retrocesso
De um temerário e incompetente mau congresso
Em que poderes ainda mais podres que antes
Põem em liquidação direitos importantes
Eu quero diante desses homens tão obscenos
Poder gritar de coração e peito plenos
Não quero mais nenhum direito a menos

Nesse país em que se vende por ganância
Direito à vida, à juventude, e à infância
Direito à terra, ao aborto e à floresta
À liberdade, ao protesto, ao que nos resta
Eu grito: Fora! Esses homens tão pequenos
De interesses grandes como seus terrenos
Não quero mais nenhum direito a menos

Nessa nação onde se mata e trata mal
Mulher e pobre, preto e jovem, índio e tal
Onde nem lésbica, nem gay, nem bi, nem trans
São plenamente cidadãos e cidadãs
Não quero mais cantar meus versos mais amenos
A menos que antes seus direitos sejam plenos
Não quero mais nenhum direito a menos

Nesse Brasil da injustiça social
E de uma tal desigualdade social
Queria ver os grandes lucros divididos
E os dividendos afinal distribuídos
Os bilionários concordando com tais planos
Se revelando seres realmente humanos
Não quero mais nenhum direito a menos

Nesse momento de tão pouca luz à vista
E tanto ataque ao que é direito e é conquista
Eu canto tanto desistência, o desencanto
Mas canto a luta, a rexistência, tanto quanto
E quanto àqueles que ainda pensam que detém-nos
Eu canto e grito à pulmões e peito plenos
Não quero mais nenhum direito a menos

 

 

… … …

SARAU DA MARIA
NO CASARÃO

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 16h … Edição especial do Sarau da Maria na Casa de Cultura Vila Guilherme, o popular Casarão, na praça Oscar da Silva, 110, com muitos artistas já confirmados (clique no cartaz) e mais o pessoal ‘da casa’: Helen, Deise, João Emílio e um tal de Arnaldo Afonso, entre outros. Luka Magalhães lança seu livro de poemas ‘Ecos do Silêncio‘ e a dupla Som da Estrada (Giliane & Gusmão) faz show de encerramento. Entrada franca. Venha ver, curtir, somar ao movimento: ‘Não quero mais nenhum direito a menos’. Veeeenhaaa!

 

 

… … …

SOPA DE LETRINHAS

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 20h … Sopa de Letrinhas é o sarau superlegal organizado e apresentado pelo poeta Vlado Lima há quase 16 anos. Nesta edição, Arnaldo Antonio Marques Filho lança seu livro de poemas ‘Britadeira para Perfurar Areia Movediça‘, e o músico Bráu Mendonça, com seus convidados, faz pocket-show de abertura. E ainda tem a presença de muitos outros músicos e poetas (clique no cartaz para ler melhor), além do palco aberto. No Julinho Clube, à rua Mourato Coelho, 585, na Vila Madalena.

Sobre o sarau, escrevi: O Sopa de Letrinhas é um dos melhores saraus da cidade. Acontece uma mágica muito misteriosa ali. Talvez, pelo carisma e credibilidade artística do apresentador (Vlado Lima, na foto acima) ou de suas tiradas bem-humoradas. Talvez pelo clima intimista e aconchegante do bar do Julinho ou por sua simpatia ao nos receber. Talvez pela presença alegre de tantas turmas de amigos que vão se entrelaçando e se desdobrando em novos e maiores grupos, sem ninguém sentir pressa de ir embora. Talvez porque tudo isso junto contribua para que músicos e poetas talentosos se sintam em casa, com seus egos desinflados, e se aproximem uns dos outros, desarmados e felizes. O fato é que o poeta Vlado Lima está de parabéns porque o Sopa é um baita sarau, divertido e repleto de atrações. E no final, (quase) sempre rola uma sopa de letrinhas (de verdade!)  e um som dançante. Quer mais o que?

Sobre ‘Britadeira para Perfurar Areia Movediça’, livro do meu xará Arnaldo Antonio Marques Filho,  posto aqui o prefácio louco que escrevi (ao estilo do autor):

>>> Olho meu xará no espelho me lendo me reescrevendo enquanto lembro e engulo a tristeza com café com cachaça a vida esmagada das pessoas de ninguém. A fornalha do tempo bêbado descarrilhando destinos consumindo a memória dos quase indivíduos pendendo presos libertos vagando no vagão da vastidão do desemprego.
>>> No trem fantasma seguem a saga a chaga pessoas de ninguém enriquecem o patrão o produto do dono e no abandono retornam a seus túmulos ao fim do dia amém e recolhem destroços do que um dia foi ou poderia ter sido alguém.
>>> O vazamento nuclear no prato os ratos o jantar o santo padre que não faz milagre a paisagem dos lindos lugares que jamais visitará. As pessoas de ninguém e suas mil e uma dores breves de um sofrer que não tem fim ao som da marcha fúnebre entre edifícios lisérgicos carregando o que sobrou de si.
>>> Pessoas de ninguém lobotomizadas entre balas perdidas e encontradas em sua mente no arsenal do coração a civilização a bactéria de plantão a sociedade sonhada errada pessoas de nada. Almas fragmentadas diante do espelho se olham sem se reconhecer pessoas de ninguém quantas vidas linhas versos quantos dias são precisos para acordar?
>>> Somos vírgulas estrelas mortas alucinações que sangram ao vivo na tevê nas câmeras de segurança a dança da violência cotidiana. Não tem lição que se aprenda ou deva ser ensinada só meter o pé no acelerador. Pessoas de ninguém sem valor sem nenhum lugar pra ir e nem ter onde ficar. Só um rosto numa foto amarelada acende o espírito do poeta exilado.
>>> Ah… quem dera o amor fosse um vício. Só lhe resta ver escrever esvaziar o hospício.

 

 

… … …

RHAISSA BITTAR FAZ SHOW
NO SESC AV. PAULISTA

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 21h30 … Rhaissa Bittar no Sesc av. Paulista … Dentro da turnê ‘Silêncio’, Rhaissa (cantora de quem já falei aqui) lança single de ‘Velhas Sílabas‘, canção de Filipe Trielli, cuja letra revela ‘um amor em crise, um par de velhas sílabas e um fim ambíguo’. Ouça só que beleza:

Rhaissa, além de ótima cantora, é atriz que acrescenta elementos de teatralidade a seus espetáculos. Este conta a história da separação de um casal. Entre poesias de Ferreira Gullar, Alice Ruiz e Paulo Leminski, Rhaissa apresenta novas canções e algumas releituras de Mauricio Pereira a Roberto Carlos, acompanhada pelo violonista Demetrius Lulo e com direção musical e arranjos do pesquisador pernambucano Raul Misturada. Na av. Paulista, 119. Ingressos de R$6 a R$20.

 

… … …

MINHAS ANDANÇAS
PELOS SARAUS

… … …

 

SARAU DA PAULISTA >>> Que alegria comparecer à Casa das Rosas e participar do encontro festivo de poetas e músicos promovido por Rubens Jardim, Claudio Laureatti e César Augusto de Carvalho. Foi uma edição especial do sarau que normamente acontece num domingo, na esquina da Paulista com a Peixoto Gomide. O grupo que o promove, cada vez mais ativo, tem lançado livros, promovido diversos tipos de festas, protestos e encontros. Até uma passeata poética já rolou. Deixo algumas fotos do evento e já convido para a próxima empreitada deles: ‘Irreverência ou Morte’, sarau em homenagem ao trabalho poético de Hilda Hilst, que acontecerá no dia 2 de agosto, a partir das 19h30 na Patuscada, com participação de um supertime de poetas. No post da semana que vem eu dou os detalhes.

CARDO PEIXOTO >>> Na Unibes Cultural assisti ao show do cantor e compositor gaúcho Cardo Peixoto que está em turnê por várias cidades brasileiras participando do ‘Projeto Dandô – Circuito de Música Dércio Marques‘, promovido pela cantora, compositora e ativista cultural Kátya Teixeira (ver matéria sobre ela, logo abaixo). Cardo é cantor seguro e compositor talentoso. Mostrou repertório de fôlego (já lançou quatro álbuns) para todos os gostos, com temas e genêros musicais variados. Que bonito ouvi-lo contar a história de cada canção, sua paixão pelo criar coletivo, pela colaboração que o outro pode oferecer. Coisa de coração generoso, de artista de alma grande. de quem faz música por prazer, não por dinheiro. O show e as canções de Cardo me provocaram flashes de um Brasil que eu sinto e sei que existe, mas não aparece na tevê nem no rádio. Grandes artistas alternativos, como ele, sobrevivem à margem das mesmices da indústria cultural e preservam a riqueza multifacetada de nosso cancioneiro. Na abertura, a ótima cantora Luma Aiub, que eu já conhecia dos saraus, me surpreendeu com seu trabalho autoral e apresentou duas belas composições. A ambos, e ao Projeto Dandô, agradeço pela noite feliz.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho … Lançamento do Single ‘Décimas para Violetas e Margaridas’, de Kátya Teixeira, pela Tratore Digital … Terceiro single da cantora e compositora lançado em 2018, a canção retrata a presença da mulher, do campo às grandes metrópoles, a partir de uma releitura do poeta Paulo Nunes para o tema ‘Violetas e Margaridas’ lançado por Kátya em março. Participam da gravação Cássia Maria, Eva Parmenter (também parceira) e Grupo Ergutío. Kátya Teixeira já lançou seis cds e assina vários projetos culturais, dentre os quais o ‘Dandô – Circuito de Música Dércio Marques‘, que cria intercâmbio e circulação de música popular em várias cidades brasileiras, através de shows, vivências e oficinas. O Dandô, em SP, é realizado pelo coletivo do Instituto Juca de Cultura, do poeta Paulo Nunes, em parceria com a Unibes.

 

… … …

QUEM MATOU MARIELLE?

… … …

MAIS UMA SEMANA SE PASSOU >>> Anteontem, mais dois ‘suspeitos’ foram presos. Mas… vocês acreditam que a polícia (num Rio de Janeiro sob intervenção militar) ainda não descobriu quem são os assassinos de Marielle Franco? Pois é. Ainda não. Já são mais de 4 meses de impunidade. No dia 14 de março a vereadora, de 37 anos, foi assassinada no bairro da Lapa, no Rio. Ela era relatora da Comissão dos Direitos Humanos que acompanhava a intervenção militar no RJ. Havia feito denúncia contra abusos policiais e voltava de um evento com jovens negras quando foi baleada. Anderson Gomes, motorista do carro em que ela estava, também foi executado. Protestos e manifestações contra o bárbaro crime se repetem diariamente em várias cidades brasileiras. Marielle lutava por justiça, inclusão e igualdade de direitos. Defendia as causas que todos nós, artistas e coletivos dos saraus, também defendemos. Este blog continua aguardando o esclarecimento do caso e a punição dos assassinos. As balas que a mataram também atingem a todos nós. Não podemos nos calar. Até quando vou ficar semanalmente repetindo esse texto aqui? Será que vai ficar por isso mesmo? Queremos a resposta: quem matou (e quem mandou matar) Marielle?

Dia 27, sexta-feira, 19h30 >>> Lançamento da coletânea “Um girassol nos teus cabelos – poemas para Marielle Franco“, que reúne versos de 50 escritoras impactadas com a tragédia de seu cruel assassinato (poetas como Chris Herrmann, Conceição Evaristo, Lidiana Ferreira, Ligia Regina, Lilian Escorel, Líria Porto, Mel Duarte, Michelle Santos, Micheliny Verunschk, Sandra Regina, Socorro Lira e Tatiana Nascimento, entre outras craques da palavra). Feito em parceria com o Mulherio das Letras, tem curadoria de Cidinha da Silva, Eliane Mara e Marilia Kubota, com orelha assinada por Áurea Carolina. O evento acontece na Casa do Desejo – Literaturas que desejamos (parte da programação paralela da Flip) com a presença de algumas das autoras. Em seguida haverá um sarau com as integrantes do Mulherio.

A escritora Marilia Kubota afirmou: “Um dia após o extermínio da vereadora, as poetas divulgavam sua dor e empatia nas redes sociais e no grupo Mulherio das Letras. Com a parceria da Quintal Edições, resolvemos publicar essas manifestações. A vida de Marielle é inspiração para as que buscam uma sociedade mais igualitária e diversa. Marielle é dessas personagens que quanto mais o tempo avança, mais se torna iluminada pela história. Assim se imortaliza, rompendo muros e fronteiras e fazendo lembrar nossa humanidade em comum”.

15 de março de 2018
(Leila Guenther)

Venho repetindo
com a consciência do fracasso
os passos de sempre
à procura de mim
à procura de um chão para chamar de país
desde a primeira luz da manhã
que me faz ver o que não quero
até a escuridão da noite
em que me prometem o esquecimento do que vi

Há quem lute em meu lugar
Há quem morra no lugar de todos
Há quem nos mate todos os dias

Hoje
“Ficaram velhas todas as notícias.”

[para marielle]
(Germana Zanettini)

como aceitar
que vá pra debaixo da terra
quem tinha nome de mar?

como suportar
o criminoso calar
de quem era a voz daqueles
que ninguém escuta?

como desejar
que descanse em paz
quem sempre foi de luta?

 

 

… … …

OS FILMES DE SPIKE LEE
… … …

QUINTA-FEIRA A DOMINGO – 26 a 29 de julho – 16h … Spike Lee e o Novo Cinema Negro … Continua a Mostra que exibe os filmes que marcaram o estilo inovador do diretor, além de apresentar uma nova leva de diretores e diretoras negras que se destacam em Hollywood e nos festivais estrangeiros. Ingressos a R$2. No Centro Cultural São Paulo, à rua Vergueiro, 1000. Veja a programação:

QUINTA-FEIRA – 26 de julho
16h – Selma – Uma luta pela igualdade (Sala Lima Barreto)
18h – Malcolm X (Sala Lima Barreto)

SEXTA-FEIRA – 27 de julho
15h – Ela quer tudo (Sala Lima Barreto)
17h – Faça a coisa certa (Sala Paulo Emílio)
19h – Mudbound – Lágrimas sobre o Mississippi (Sala Paulo Emílio)

SÁBADO – 28 de julho
17h – Moonlight: Sob a luz do luar (Sala Paulo Emílio)
20h – Corra! (Sala Paulo Emílio)

DOMINGO – 29 de julho
15h – Selma – Uma luta pela igualdade (Sala Lima Barreto)
17h – Eu não sou seu negro (Sala Lima Barreto)
19h – Mudbound – Lágrimas sobre o Mississippi (Sala Lima Barreto)
19h – Febre da selva (Sala Paulo Emílio)

 

… … …

FORMAS BREVES – OFICINA DE
DRAMATURGIA – 8 ENCONTROS

… … …

TERÇAS-FEIRAS – a partir de 7 de agosto – das 19h às 21h … O ator, dramaturgo e diretor de teatro Lucas Mayor promove e ministra os oito encontros (ao lado de Marcos Gomes). Parte dos textos desenvolvidos na oficina farão parte do projeto ‘Quinta em Cena’, evento mensal que também acontece no Cemitério de Automóveis (rua Frei Caneca, 384), com encenação de peças curtas. Segundo Mayor, ‘a ideia é estudar somente peças curtas e alguns contos brevíssimos. Tô preparando uma brochura com textos de Silvia Gomez, Mário Bortolotto, Daniela Pereira de Carvalho, Renata Mizrahi, Julia Spadaccini, Leonardo Cortez, Jô Bilac, Lydia Davis, George Saunders, Raymond Carver, Julio Cortázar, David Foster Wallace e outros tantos’. Para mais informações, clique no cartaz.

 

 

… … …

3 BANDAS LEGAIS EM CAMPANHA
DE FINANCIAMENTO COLETIVO

… … …

CARCAJU >>> Banda formada por Rodrigo Passos (guitarra), Claudia Dantas (voz e composições), Felipe Rezende  (bateria),  Pedro Canales (baixo) e Ivan Liberato (violão e composições), foge da mesmice e mistura as harmonias ricas do violão de mpb a um som viajandão de guitarra de rock progressivo, com letras poéticas, ritmos variados e um espírito permanentemente conectado à inovação. Apoie, no Catarse, o projeto de financiamento do primeiro cd deles.

MEIA DÚZIA DE 3 OU 4 >>> Banda paulistana banda é formada por Luisa Toller(voz, teclado, sanfona), Marcos Mesquita (baixo e voz), Mike Reuben (flauta, sax e voz), Pedro Prado (bateria), Sergio Wontroba (clarinete, sax e voz) e Thiago Melo (violão, cavaco e voz). O álbum já está disponível para download e em todas as plataformas streaming. Clique aqui e saiba mais sobre a campanha de financiamento para o lançamento do cd físico.

ANHANGABAHY >>> O trio formado por Rui Condeixa Xavier, Hévelin Gonçalves e Wady Issa Fernandes gravou seu primeiro cd ‘Sonhar é a Solução – Ao Vivo‘ e abriu campanha de crowdfunding (com comissão livre e metas múltiplas) para arrecadar fundos e mixar, editar e masterizar o material. Para colaborar e saber mais, entre aqui.

 

 

… … …

AGENDÃO

… … …

Eis aqui a superagenda dos saraus para o seu findi, com fotos e vídeos (clique nas palavras azuladas para acessar links e nos cartazes para ampliar a imagem e ler detalhes). Acompanhe também as muitas opções contidas na página da Agenda da Periferia. Informe-se, inconforme-se, atue e divirta-se!

… … …

QUINTA-FEIRA A DOMINGO … 26 a 29 de julho … 16ª Festa Literária Internacional de Paraty … A 16ª Festa Literária Internacional de Paraty tem Hilda Hilst como autora homenageada e ocupa o entorno da Praça da Matriz. No Auditório acontecerão as 18 mesas literárias do Programa Principal, com um elenco de 33 autores e autoras que atuam em campos diversos. As mesas literárias serão exibidas no telão da Praça, com 700 lugares cobertos e gratuitos. Mais informações no site do evento. 

… … …

QUINTA-FEIRA A DOMINGO … 26 a 29 de julho … Casa do desejo – Literaturas que desejamos … Casa reúne pequenas editoras, coletivos e autores e autoras independentes para a realização de eventos durante a programação paralela na Flip – 2018, promovendo oficinas, mesas de conversa, feira de livros, saraus, recitais e a publicação de uma antologia com 100 poetas e tiragem de mil exemplares. Para saber mais e apoiar esse projeto alternativo, clique aqui.

… … …

QUINTA-FEIRA A DOMINGO … 26 a 29 de julho … Casa Philos … Parceria entre Revista Philos e Estante Virtual na Flip – 2018, a Casa abre suas portas para mesas e debates sobre o tema “Escrevendo nas margens: visibilidades e visualidades”, além de levar discussões sobre literatura negra contemporânea, literatura LGBTQ+, artes visuais, diversidade, memória, mercado editorial e outros assuntos. Na Academia do Samba, à rua Dona Geralda, 65, no Centro Histórico de Paraty. Clique aqui e veja a programação.

… … …

QUINTA-FEIRA a DOMINGO … 26 a 29 de julho … Festcine Poços de Caldas 2018 … Quatro dias de festival com exibição de filmes, oficinas e palestras. Veja aqui a programação completa e inscreva-se nas oficinas gratuitas. No IMS Poços, à rua Teresópolis, 90, em Poços de Caldas, MG.

… … …

QUINTA-FEIRA A DOMINGO – 26 a 29 de julho … Spike Lee e o Novo Cinema Negro … Continua a Mostra que exibe os filmes que marcaram o estilo inovador do diretor, além de apresentar uma nova leva de diretores e diretoras negras que se destacam em Hollywood e nos festivais estrangeiros. Ingressos a R$2. No Centro Cultural São Paulo, à rua Vergueiro, 1000. 

… … …

QUINTA-FEIRA A DOMINGO – 26 a 29 de julho … A vida em vermelho – Brecht e Piaf … Escrita por Aimar Labaki, a peça musical imagina um encontro entre a cantora francesa Edith Piaf e o poeta e dramaturgo alemão Bertolt Brecht, interpretados por Letícia Sabatella e Fernando Alves Pinto. Acompanhados por três músicos, eles executam suas composições e outras músicas da época como se estivessem em uma competição. No Itaú Cultural, à av. Paulista,149. De quinta a sábado, às 20h. Domingo, às 19h. Entrada franca.

… … …

QUINTA-FEIRA A SÁBADO – 26 a 28 de julho … PIAP 40 – 40º Aniversário do Grupo Piap … Um dos grupos mais importantes de percussão contemporânea da AL promove 4 dias (começou na quarta e vai até sábado) de concertos, debates, experimentos e apresentações de música popular e erudita (ver cartaz). No Instituto de Artes Unesp, à rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 270. Entrada franca.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 16hBárbara Santos vai apresentar seu novo livro, “Percursos Estéticos: abordagens originais sobre o Teatro do Oprimido” da Padê Editorial, na 16° Festa Literária Internacional de Paraty na programação da Casa Philos.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 18h … Banda Vila Morena, da vocalista Regina Tieko, apresenta repertório de música brasileira, com canções de Chico, Baden, Secos & Molhados, Milton e outros. Couvert R$9. Na Toca da Capivara, à rua Major Diogo, 865/863.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 19h … O violeiro mineiro Chico Lobo e o cantor carioca Zé Alexandre (famoso pela interpretação de Bandolins, com Oswaldo Montenegro), lançam o cd ‘Tempo de Paz’. Na Livraria da Vila, à rua Fradique Coutinho, 915.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 20h … 1º Show da Toca do Autor … Famoso sarau organizado e apresentado pelo músico Alexandre Tarica promove show com quatro artistas: Volt, Regina Cell, Rosangela Alves e Cássio Figueiredo, acompanhados pelos músicos Bráu Mendonça (violão e guitarra), Ayrton Mugnaini Jr (baixo) e Luis Sandro Silva (percuteria). Na Funarte, à al. Nothmann, 1058. Entrada R$20.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 21h … Festa ViTaMiNa no Presidenta … Festa mistura várias atrações: Pirey no Brega (Dj Bodão Bode) com Sarau Erótico Yopará, além de intervenções cômicas de Michel Weber (Na Hora da Missa). No som, brasilidades, bregas, circenses, reggaeton, dance hall e funk. Entrada franca até 0h. Depois, R$10. No Presidenta – Bar e Espaço Cultural, à rua Augusta, 335.

… … …

QUINTA-FEIRA – 26 de julho – 21h … BossaNova60 … Show do Sexteto Serau e da cantora Hilda Maria abordando o movimento que modernizou nossa música e apresentou ao mundo nomes como Tom, Vinícius e João Gilberto. Também nos dias 2 e 9 de agosto. Ingressos R$20 e R$10. No Teatro Arthur Azevedo, à avenida Paes de Barros, 955, na Moóca.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 21h30 … Rhaissa Bittar no Sesc av. Paulista … Dentro da turnê ‘Silêncio’, Rhaissa lança single de ‘Velhas Sílabas’. O espetáculo conta a história da separação de um casal. Na av. Paulista, 119. Ingressos de R$6 a R$20.

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 22h … Quinta de Forró apresenta a Banda Sarrabulho. No Centro Cultural Butantã, à av. Corifeu de Azevedo Marques, 1882,

… … …

QUINTA-FEIRA … 26 de julho – 23h … Umanto canta Brasis … Cantor e compositor convida o músico Paulo Ramos e apresenta repertório brasileiro de várias épocas e gêneros: samba, samba-rock, bossa, marchinha, forró e samba-reggae. No Bar Sem Saída, à rua Fidalga, 27.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho … Lançamento do Single ‘Décimas para Violetas e Margaridas’, de Kátya Teixeira, pela Tratore Digital … Terceiro single da cantora e compositora lançado em 2018, a canção retrata a presença da mulher, do campo às grandes metrópoles, a partir de uma releitura do poeta Paulo Nunes para o tema ‘Violetas e Margaridas’ lançado por Kátya em março.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho … Lançamento Digital – “Solidão Vira Revolta” … O Obinrin Trio, formado por Elis Menezes, Lana Lopes e Raíssa Lopes, lança seu primeiro single, com clipe. ‘Solidão vira revolta’ denuncia o racismo e o extermínio da juventude negra brasileira. Participação das cantoras Juliana Strassacapa, Bia Ferreira, Nã Maranhão e Dessa Brandão, no corro e de Helena Papini (baixo), Domi Vieira (percussão), Fer Koppe (violoncelo) e Catarina (viola e rabeca). O single tem produção musical de Ju Strassacapa e Rafael Gomes. O clipe tem direção de Jessica Queirós e Elis Menezes. Nas plataformas Spotify, Youtube e Deezer.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 11h … Pré-lançamento do livro Mãe é Mãe, de Karin Krogh e Katia Haipek, pela Editora Bamboozinho. Na Casa da Porta Amarela, em Paraty.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 18h … A Banda ‘She Likes’ traz referências de pop, rock, reggae, funk e r&b. De Queen à Spice Girls, de Bob Marley à Anitta. Entrada R$10. No Que Tal – Espaço Multicultural e Bar, à rua Vergueiro, 3393.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 19h30 … Bruno Santanna Trio apresenta músicas de Ray Charles, All Green, Ceelo Green, Otis Reading, Marvin Gaye, Elvis, Elton John, Jammie Cullun, John Legend, Steve Wonder, Amy Winehouse e outros clássicos da música mundial. No Centro Lírico & Literário IX de Novembro, à rua Coronel José Eusébio, 109.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 19h30 … Pocket Show com Lê Guedes – No repertório, clássicos de Luiz Gonzaga, Zé Ramalho, Alceu, Caetano, Raul Seixas e Zeca Baleiro, entre outros. No República Bar e Gastronomia, à rua Visconde de Itaboraí, 233.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 19h30 … Sarau das Águas, espaço multicultural, abre espaço para música, poesia e arte toda última sexta-feira do mês (mais informações no cartaz). No Espaço Formação Assessoria e Documentação, à rua Cambuci do Vale, 109, na Cidade Dutra.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 19h30 … Lançamentos do Coletivo Mulherio – na Casa do Desejo, à rua Benedito Telmo Coupé (antiga Rua Fresca), 277, no Centro histórico de Paraty. Clique no cartaz.

… … …

SEXTA E SÁBADO – 27 e 28 de julho – 20h … Na sexta, Três Irmãs, peça de Tchekov com o grupo Alucinógeno Dramático. No sábado, sarau. Na Aldeia Satélite – Espaço Cultural, na ZL. (clique no cartaz).

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 20h … Músico Guilherme Kafé, acompanhado por F. Sagawa e Ariel Coelho, apresenta suas versões para as músicas do disco ‘Livro’, de Caetano Veloso. No Lua Jã, à rua Descalvado, 116, no Sumaré.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 20h … Rock’n’Roll na Carauari … O dueto Duo 2, composto por Deborah Rocha e Clederson Vieira, apresenta canções de Kings of Leon, Janis Joplin, Led Zeppelin, Amy Whinehouse, Van Halen, Aerosmith e outros mais. No Carauari Bar e Mercearia, à praça Carauari, 8, na Vila Maria.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 20h … Pocketshow de Carolina Navarro e Lucas Adon, mais discotecagem e sarau, na despedida da jornalista e promotora cultural Carol Tavares, da Jazz House, que vai morar e estudar na Europa. Na Casa Vulva, à rua Coriolano, 345. Entrada R$10.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 20h … JC Zeppelin apresenta clássicos da famosa banda de Plant & Page. No The Brother’s Bar, à av. Buturussu, 1250. Entrada franca.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 20h30 … Sopa de Letrinhas … Nesta edição, Arnaldo Antonio Marques Filho lança seu livro de poemas ‘Britadeira para Perfurar Areia Movediça’, e o músico Bráu Mendonça, com seus convidados, faz pocket-show de abertura. E ainda tem a presença de muitos outros músicos e poetas, além do palco aberto. No Julinho Clube, à rua Mourato Coelho, 585, na Vila Madalena.

… … …

SEXTA, SÁBADO e DOMINGO – 27, 28 e 29 de julho … Teatro – Caixa de memórias – Um jovem casal apaixonado dá início a uma nova família, junto aos pais e aos dois filhos. O simples pedido feito por uma neta (que, em viagem ao exterior, precisa da documentação de seus familiares) traz à tona uma longa trajetória de amor, promessas, desilusões e conquistas. Encenação de Marcio Aurelio e texto de José Eduardo Vendramini. No elenco: Walter Breda, Denise Del Vecchio, Paulo Marcello, Samanta Precioso, Gonzaga Pedrosa, Laís Marques e Carolina Fabri. Na Sala Jardel Filho, do CCSP, à rua Vergueiro, 1000. Sexta e sábado (21h) e domingo (20h).

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 21h … Os Amanticidas se apresentam no projeto Bandas de Julho do Teatro da Rotina cantando as músicas de seu primeiro disco.O grupo busca inspiração em Itamar Assumpção, Tom Zé e Arrigo Barnabé. Na rua Augusta, 912. Ingressos a R$40 e R$20.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 21h … Vitrola Sintética – Banda formada por Felipe Antunes, Kezo Nogueira, Otavio Carvalho e Rodrigo Fuji comemora 10 anos e lança o single ‘Voz’. No repertório, músicas de seus três álbuns e dos dois eps. Participação de Helio Flanders (Vanguart) e Marilina Bertoldi (cantora argentina). Achiles Luciano fará intervenções com Grafite Digital. No Sesc Belenzinho, à rua Padre Adelino, 1000.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 21h … Grupo Fênix e Amigos interpreta seus rocks no Grão Espresso, à rua Voluntários da Pátria, 3558, em Santana.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 21h … ‘Trança’ – Ava Rocha … Cantora apresenta as canções de seu novo disco acompanhada por Eduardo Manso (guitarra e synth), Ariane Molina e Victória dos Santos (percussões), Thomas Harres (bateria), Gabriel Bubu (baixo), Marcos Campello (guitarra) e Chicão (teclado). No Auditório Ibirapuera. Ingressos a R$30 e R$15.

… … …

SEXTA-FEIRA – 27 de julho – 22h30 … Yannick Delass e Banda apresentam o show Trajectoire Musicale … Músico congolês mostra as músicas de seus dois cds. Participação da cantora Chris Matallo. No Al Janiah, à rua Rui Barbosa, 269. Ingressso R$15.

… … …

SÁBADO e DOMINGO – 28 e 29 de julho … lll Festival da Mandioca … Festival autônomo e colaborativo celebra a criatividade, a diversidade e a consciência ecológica. Com feira gastronômica, artesanato, performances, espaço infantil, oficinas e troca de sementes. Entre as atrações musicais, o grupo feminino de rap D’Origem, os compositores Peri Pane, Alzira E e Lucina, a Congada Filhos de N’Zambi e a Quadrilha de Bonecões da Mantiqueira, entre outros. Nos intervalos dos shows, apresentações dos poetas Ricola de Paula, Clara Baccarin e Brisa Rodrigues. No bairro do Souza, em Monteiro Lobato, SP. Clique no cartaz para ler melhor a programação.

… … …

SEXTA-FEIRA E SÁBADO – 27 e 28 de julho … Grupo de de violeiros, contistas e contadores de causo promove seu segundo encontro. Na Fazenda do Rasgão, em Paraopeba, MG. Ingressos R$10.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 11h … Exibição do curta “Maria” no Itaú Frei Caneca … Adaptação do conto homônimo de Conceição Evaristo, filme ganhou Menção Honrosa de Melhor Curta Latino pelo Festival Internacional De Cine La Picasa 2018, na Patagônia Argentina, “Maria” ja foi exibido em diversos festivais nacionais e internacionais. Dirigido por Vinícius Campos, com os atores Maitê Freitas e Andrio Candido. Entrada franca.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 14h … Lançamento do livro Saltar Vazio (Editora Penalux) do poeta Marcelo Adifa (autor também dos livros ‘Exílio’ e ‘A quem se fizer estrela’). No Bar Belline, à rua Dracena, 228, em Sorocaba/SP. Aqui, um dos poemas do livro:

tínhamos fome, tínhamos pressa
(Marcelo Adifa)

tínhamos fome e éramos tantos
espalhados pela mesa de jantar
pelo sofá da sala
              manchado e rasgado

tínhamos nas costas e pulsos
no rosto marcado
               memórias de surras

tinhamos todo o tempo do mundo
para descobrir sentido para a dor
e nunca encontramos nada
         
               que não o cheiro de álcool
a fumaça que dita o caminho que indica os passos
que move a mão violenta sobre a própria carne que foge

as surras eram marcadas no calendário
uma por dia ou até que a pele sangrasse
o resto da família fechava os olhos
enquanto apanhávamos

tínhamos pressa para que o mundo acabasse

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 14h … Pré-estreia “Os Órfãos De Canudos” … Documentário propõe reflexão sobre a Guerra de Canudos e suas consequências através de um fato pouco conhecido: o de um grupo de cerca de 250 mulheres e crianças sobreviventes da guerra. Ainda hoje, Canudos suscita interrogações sobre a República que construímos e que, 120 anos depois convive com a mesma desigualdade social da época da guerra. O filme tem pesquisa, roteiro, produção e direção de Ivo Branco. No Centro Cultural Olido, à av. São João, 473.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 17h … Sarau da CasIlêOca … Sob a temática ‘Educação – Paulo Freire & Solano Trindade‘, sarau imagina encontro dos mestres. João Evangelista Rodrigues fala de seu livro “Visões de João Manoel. A dupla imagem da poesia“. Pocket-show de Vidal França. À rua Perpétuo Júnior, 178.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 19h … 46º Sarau dos Conversadores … Sarau organizado pelos ‘Conversadores’ Cacá Mendes e Edson Tobinaga faz edição especial na Vila Maria. Com os escritores Claire Feliz Regina, Edmilson Felipe, Fernando Vasqs e Sílvia Maria Ribeiro; os músicos Chêro da Poesia (Helen Torres, Sidney Kitagawa e Luiz Giadas) e o cantor e compositor Edmilson Souza, além das expos de Anderson Novais (artes visuais) e João Emílio Castro (artesanato). Com espaço para o microfone aberto. No Carauari Bar e Mercearia, à praça Carauari, 8. Entrada franca.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 19h … Sarau ‘A Plenos Pulmões’ … Sarau comandado por Marco Iadocicco e apresentado em conjunto com Elide Nascimento comemora sete anos com o lançamento de sua Antologia Poética Cartonera. Na Casa das Rosas, à av. Paulista, 37.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 19h … Lançamento dos livros “Tríptico vital”, de Mariana Basílio e “Acúmulo”, de Lilian Sais, ambos pela Editora Patuá. Na Casa do Desejo, na Flip, em Paraty.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 19h … Linna Karô & Thiago Nassif … Ela, cantora, compositora, atriz e performer, prepara seu primeiro cd “Aos Mesmos“. Ele, guitarrista, compositor e produtor musical, apresenta canções de seu álbum “Três”. No Espaço Cia da Revista, à alameda Nothmann, 1135, em Santa Cecília.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 19h15 … Sarau Vosz – na Flip 2018 … Escritores Tom Kbélo e Esther Alcântara promovem sarau na esquina da rua do Comércio com o Largo da Matriz, em Paraty.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 20h … Cirilo Amém, ótima banda que mistura rock, psicodelia e mpb se apresenta no Rock em Blues Bar, à avenida Marari, 466, na Cidade Ademar.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 20h … Carol Naine em São Paulo – participação Ekena … Cantora e compositora indicada ao Prêmio da Música Brasileira em 2017 apresenta o show “Qualquer pessoa além de nós” acompanhada pelo trio Alexandre Vianna, João Benjamin e Rafael Lourenço. No Teatro Flavio Império, à rua Professor Alves Pedroso, 600, em Cangaíba.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 20h … Cabaré JT … Espetáculo teatral e musical no Centro Cultural Butantã. Até 25 de agosto (só aos sábados).

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 21h … Violada – com Jackson Ricarte … Violeiro, cantor e compositor apresenta repertório autoral do seu primeiro álbum, Estrada Afora. Na Mora Mundo, à rua Barra Funda, 391.

… … …

SÁBADO – 28 de julho – 23h … Especial Cuba – Buena Vista Social Club … Homenagem à música cubana e latina, através da interpretação das canções do disco Buena Vista Social Club pelo grupo Mayombe Afro Cubano. No Miscelânea Cultural, à rua Cunha Gago, 678. Ingressos a R$20 e R$25.

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 11h … Carlos Navas, acompanhado por Paulo Miranda ao violão, apresenta o show “Crimes de Amor“, no Teatro Arthur Rubinstein, do Clube Hebraica, à rua Hungria, 1000. Entrada franca.

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 11h … Hermeto Pascoal & Grupo no Sesc Parque Dom Pedro II … Apresentação gratuita com Hermeto Pascoal ao piano, teclado, acordeon e voz. E mais Fabio Pascoal na percussão, Itiberê Zwarg no baixo e voz, André Marques no piano, Jota P nos saxes e flauta, e Ajurinã Zwarg na bateria.

… … …

DOMINGO – 29 de julho – das 13h às 22h … Festa A Idade da Terra em Transe … Em sua 21º edição, festa apresenta a exibição do filme ‘Sem Destino (Easy Rider)’, feira de vinis, exposições, discotecagem e shows de bandas. Na Locadora e Videoclube Charada, à rua José Antonio Fontes, 62, em Sapopemba, na ZL. Os organizadores, roqueiros e cinéfilos, sempre preparam um vídeo divertido pra divulgar as atrações do evento. Veja só:

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 15h … Sarau Pretas Peri … Com o bloco Afropercussivo Zumbiido, seguido de microfone aberto.
Poetas convidados: Beka e Tais Santana. Pocket-show de Débora Castro e Super Choque. Na rua Vicente Réis, travessa da rua Manuel Álvares Pímentel, 432-442, no Jardim Miriam.

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 17h … Lançamento do romance Ménage à trois … Quinto livro de Daniel Lopes Guaccaluz. Na abertura do evento, a Cia Pílulas Cômicas de Teatro apresenta o espetáculo A vidente e Fritz – O grande Faquir. Em seguida, sarau com microfone aberto. Na Casa de Cultura de São Miguel, à rua Irineu Bonardi, 169, na Vila Pedroso.

Do prefácio de Marcia Barbieri: “Embora um dos temas que direcionam a narrativa seja o poliamor, e o romance tenha trechos para lá de picantes, o que prevalece é o valor da amizade. Em um tempo em que todo o mundo está empenhado em venerar uma escrita higiênica e econômica, é um alento poder ouvir uma voz que não se preocupa com o bom mocismo.

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 17h … Caio Bars no “Sons do Brasil no Lab MP” … Segunda edição do projeto organizado por Serginho Sagitta convida o compositor e cantor Caio Bars. No Lab Mundo Pensante, à rua Treze de Maio, 733.

… … …

DOMINGO – 29 de julho – 19h … Fred Martins no Auditório Ibirapuera … No show ‘A Música É Meu País’, cantor e compositor é acompanhado por Alex Rocha (contrabaixo), Vana Bock (violoncelo), Marcelo Martins (flauta e sax), Jessé Sadoc (trompete) e Victor Bertrami (bateria). Participação especial de Breno Ruiz, Kleber Albuquerque e Zé Renato. Na av. Pedro Alvares Cabral, s/n.

… … …

SEGUNDA, TERÇA E QUARTA – 20h – 30 e 31 de julho e 1 de agosto … Teatro – Barragem de Santa Luzia… Com direção de Rudifran e co-direção de Tiche Vianna, peça narra o drama da jovem Maria Flor, obrigada a sair de sua terra em função do rompimento de uma barragem para a construção de uma usina hidrelétrica na região. “A motivação do texto é a fábula da resistência. Resistência em todos os sentidos, da terra, da mulher. O espetáculo fala sobre essa mulher que, para não perder o pouco que tem, precisa resistir ao possível desaparecimento de sua história”. Com os atores Nataly Cavalcantti, Clayton Nascimento e a voz em off de Sérgio Mamberti. Música de Pedro Felício. Na Oficina Cultural Oswald de Andrade, à rua Três Rios, 363, no Bom Retiro. Entrada franca.

… … …

TERÇA-FEIRA – 31 de julho – 21h … Al Jam Sessions com Tabuleiro do Ary … Grupo formado por estudantes do Conservatório de Tatuí apresenta músicas da época de ouro do rádio e dos bailes de gafieira, além de repertório autoral. Participação do músico Nataniel de Oliveira. No Al Janiah, à rua Rui Barbosa, 269.

… … …

TERÇA-FEIRA e QUARTA-FEIRA – 31 de julho e 1 de agosto – 21h … A criança – Lado A e Lado B … Peça de Lucas Mayor se divide em Lado A (às terças) e Lado B (às quartas). Clique no cartaz para saber mais. No Cemitério de Automóveis, à rua Frei Caneca, 384. 

… … …

QUARTA-FEIRA – 1 de agosto – 19h … Comunidade do Conto … Toda primeira quarta-feira do mês escritores se reúnem para debater temas que os desafiem a escrever ‘contos concisos e instigantes’. Dessa vez o tema “Sustentabilidade e Justiça Social: porque defender a vida é defender a igualdade”. No Centro Cultural Francisco Carlos Moriconi, à rua Benjamin Constant, 682, em Suzano.

… … …

QUARTA-FEIRA – 1 de agosto – 20h … Tributo a Gonzaguinha … Músicos relembram grandes canções do compositor carioca. Com Flor Garcia (vocal), Adolfo Mendonça (piano e teclados), Rafael Santos (guitarra), Douglas Carvalho (contrabaixo), Rogério Sousa (bateria) e Débora Viana (backing vocal). Na Livraria Nobel, à av. Salgado Filho, 1453, em Guarulhos. Entrada R$20.

… … …

QUARTA-FEIRA – 1 de agosto – 20h … Fred Lima divide os toca-discos com os djs Theo Werneck e Carlu (Carla Cristina Carvalho), tocando música popular brasileira de todos os tempos, soul, funk e clássicos do rock’n’roll. No Bebo Sim, à avenida Professor Alfonso Bovero, 1107.

… … …

QUARTA-FEIRA – 1 de agosto – 21h … Poema Novo – Teatro da Rotina … No show “Árvore dos Olhos“, o grupo apresenta repertório autoral com ritmos brasileiros, baião, bolero e música latino-americana. O Poema Novo é formado por Neide Nell (voz), Alexandre Mello (voz), Carla Lopes (percussão e voz), Adriano Nogueira (violão de 12 cordas), Kiko Médici (violão, baixo e voz) e Alexandre Navarro (percussão). Na rua Augusta, 912. Ingressos a R$40 e R$20.

… … …

ATÉ 7 DE AGOSTO … Exposição Coaraci – Esculturas em Madeira ... O grande artista Euflavio Gois, também conhecido por Madeirart (que lançou recentemente o livro de poemas e contos ‘Cobra no Bico‘) expõe seus trabalhos em madeira na passagem literária da Consolação (na travessia subterrânea da esquina com avenida Paulista).

… … …

ATÉ 12 DE AGOSTO … Ocupação Antonio Candido … No ano do centenário de nascimento, o crítico literário e professor Antonio Candido é tema de exposição que traz originais de textos manuscritos e datilografados, cadernos, fotos, livros, documentos, entrevistas em vídeo e conta com um site. De terça a sexta-feira, das 9h às 20h. Aos sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h. No Itaú Cultural, à avenida Paulista, 149. Entrada franca.

… … …

ATÉ 1 DE DEZEMBRO … Exposição: O mundo das maravilhas de Monteiro Lobato … Nos 70 anos da morte do escritor exposição homenageia sua contribuição para a literatura e cultura nacional. Na Biblioteca Monteiro Lobato, à rua General Jardim, 485. De segunda a sexta, das 8h às 18h. Sábados das 10h às 17h e domingo das 10h às 14h. Entrada franca.

… … …

LANÇAMENTO DO CD PULSAÇÃO >>> A cantora Beth Avelar lançou o disco que já está disponível tanto no formato físico (pela Tratore, nas principais lojas e direto com a artista pelo e-mail bavelar@uol.com.br) quanto no digital (nas plataformas Spotify, Deezer, Apple e Itunes). Acima, o videoclipe da música Simplesmente (do grande Paulinho Nogueira).

… … …

EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIAS – Plano, seco e pontiagudo >>> Fotografias, cujo tamanho varia de 2 a 7 metros, expostas em cinco fachadas dos edifícios das ocupações da Frente de Luta por Moradia (FLM). As fotos fazem parte do fotolivro chamado Plano, seco e pontiagudo” (co-edição/Editora Ipsis e Editora Madalena, 80 páginas), de Monica Zarattini. Nos seguintes endereços do centro de SP:
rua Álvaro de Carvalho, 427
rua José Bonifácio, números 137 e 237
rua Quintino Bocaiúva, 242
av. Rio Branco, números 47 e 53

… … …

AGENDÃO >>> Fique ligado, pois o agendão é diariamente atualizado. E toda quinta-feira tem um post novo. 

… … …