Tem a festa pelos 90 anos da poeta Claire, os 8 anos do blog do Léo Nogueira, os shows de Consuelo de Paula, Meia Dúzia de 3 ou 4, Anhangabahy e Saco de Ratos, a Focus dançando em Mogi e uma profusão de peças, lançamentos de livros e saraus para você curtir. Entre no circuito alternativo e festifique-se. Curtecircuite-se aqui.

 

… … …

OS 90 ANOS DA
POETA CLAIRE

… … …

No domingo (8 de julho) fui até Santana participar da festa em comemoração aos 90 anos da poeta, querida amiga e parceira Claire Feliz Regina (musiquei seu poema ‘Separação’ – ouça aqui). Uma legião de amigos e admiradores compareceu para abraçar a poeta, cantar parabéns e participar de um delicioso ‘sarauzinho’ cantando músicas, contando causos, histórias e declamando poemas (posto aqui algumas fotos que roubei das páginas de alguns deles).

No sarau, que começou após o almoço e se estendeu até o começo da noite, estavam presentes artistas como Betto Ponciano, Cicio Bonneges, Mari Ananias e Marina Fama; Dan, Lu e Rose (da Cooperifa); eu, Veronica, Helen, Kita e Mari (Sarau da Maria); Cris, Loop e Paulinha (ex-Eita), Paulo D’auria e Ciça (Poetas do Tietê); Vasqs e Paulinho das Frases (Clube Caiubi), Silvia Maria, Jaime Mattos, Jane Arruda e Marcia Mattoso, Lucas Scandura & tchurma; Sandra Regina e Eugen Weiss (Senhoras Obscenas); e mais um montão de familiares e amigos. Claire, além de grande poeta, é um exemplo de alto astral e positividade. Este blog parabeniza a artista e lhe presta uma singela homenagem, enfileirando alguns textos e links com seus poemas:

Claire Feliz Regina nasceu em 1928 em Campo Grande-MS. Com 17 anos mudou-se para Bauru-SP, cidade onde casou e teve filhos. Hoje reside em São Paulo. Com a chegada da aposentadoria (quase aos 80 anos) passou a escrever versos. Suas poesias lhe renderam o título de personagem do ano (2008) do boletim ‘Mais São Paulo’, do jornalista Gilberto Dimenstein, da CBN. A poeta, figura das mais queridas e presentes nos saraus da cidade lançou pela Patuá o livro de poemas ‘Meu Jeito de Falar‘ (de 260 páginas), com dois volumes agregados, mas independentes: ‘Poemas Eróticos‘ e ‘Caquinhos de Poemas’. Tem poemas e perfil nas antologias ‘As Mulheres Poetas na Literatura Brasileira‘ (organizado por Rubens Jardim) e ‘Senhoras Obscenas‘ (por Grazi Brum, Adriana Caló e Sandra Regina).

POESIA
(Claire)

Fiz uma poesia brincando,
leram e gostaram.
Fiz outras, disseram
que era lindo tudo o que eu escrevia,
e eu acreditei.

Aí me chamaram de poeta
e eu gostei.

Gostei de fazer poesia,
de uma lágrima fazer um rio.
Um rio
que leva embora
todo o meu mundo vazio.

E quando chegar a noite
ter um manto de estrelas
para me agasalhar,
e para iluminar o meu quarto
um abajur de luar.

Vou trazer você para cá
e, juntos, na minha cama,
vamos dormir em cima do mar.

Que mundo maravilhoso
este mundo da fantasia,
onde tudo que você quer
é você mesmo quem cria,

Onde tudo o que você quer
cabe dentro de uma poesia.

A RECEITA DE BOLO
(Claire)

Meu vizinho queria fazer um bolo,
me pediu a receita.
Eu não tinha a receita,
mas eu tinha vinte anos!
Fui ajudar…
Não tinha farinha para ele amassar
com as mãos,
ofereci meu corpo
e ele amassou.
Não tenho açúcar, ele me disse,
ofereci meus lábios,
e ele beijou.
Ele era bom cozinheiro.
Pois o leite para ferver,
o leite fervia no meu corpo inteiro.
Nós dois queríamos fazer o bolo
mas, e a receita?
Ele abriu o caderno,
estava escrito,
me ama.
Não fomos mais para a cozinha
fomos para a cama.

O MARIDO
(Claire)

Antes ele fazia sexo demorado.
Cheio de preliminares.
Reclamou-me a vizinha,
virou poeta de hai-kai,
agora, só quer dar
“uma rapidinha”

 

… … …

OS 8 ANOS DO BLOG
DO LÉO NOGUEIRA

… … …

Foi numa já distante e imprecisa edição do divertido sarau Sopa de Letrinhas, do poeta Vlado Lima, que conheci, simpatizei e rapidamente me tornei amigo de um cara superlegal chamado Léo Nogueira. Talentoso escritor e letrista de mão cheia, Léo é parceiro de muitos craques da música: Zeca Baleiro, Kana Aoki (com quem é casado e mora no Japão), Augusto Teixeira, Marcio Policastro e Adolar Marin, entre outros (espalhei algumas canções deles pelo post). Superprodutivo, lançou também um ótimo romance, “Filho da Preta“, que além de ser leitura prazerosa é um comovente retrato dos conflitos da alma brasileira; uma necessária e crítica reflexão sobre os dramas e a beleza de nossa miscigenação.

Não bastasse isso tudo, ele ainda mantém um blog onde comenta música, literatura e política: ‘O X do Poema‘, que comemorou (no último 9 de julho) oito anos de regular publicação. Pra festejar cada niver, o Léo sempre posta a lista dos 20 textos mais acessados do ano. Entre lá e confira, pois além de poesia, tem muita informação nos seus escritos. Deixo aqui uma meia dúzia de 3 ou 4 links mais votados pra você degustar:

6º) Nos trilhos da Estação Felicidade: sobre o belíssimo cd Estação Felicidade, de Augusto Teixeira.

5º) A modernidade etérea de Fernando Cavallieri: sobre o disco Modernidade Líquida, do cantor e compositor Fernando Cavallieri.

4º) Canções que Amo: Agepê + Canário, Luiz Gonzaga + José Clementino e Roberto Carlos + Erasmo Carlos. Léo escolhe canções que não são, exatamente, politicamente corretas.

3º) Logradouro: Léo trata da bela canção de Rafael Alterio feita em parceria com Kleber Albuquerque e gravada por Zeca Baleiro.

2º) Bye Bye, Brasil: sobre sua saída do País, rumo a Tóquio, onde agora mora.

1º) O velho Chico e nossas(?) cantigas: nessa crônica, Léo trata da buarqueana polêmica referente à canção Tua Cantiga, do mais recente álbum de Chico.

Por sua vasta cultura, por sua postura democrática, por suas aventuras poéticas, por seu coração aberto, parabenizo o Léo Nogueira e agradeço pelos muitos textos incríveis que ele nos ofertou nesses 8 anos de blog. Para essa grande figura, mistura de amigo querido e artista admirado, digitei essas toscas linhas tortas:

Léo Nogueira escreve escava crava. Labuta. Letra poema pedra fruta locomotiva. Queima teima inventa. É chama viva. Qualquer tema fato formato o diabo à quatro ele lapida. Craque da palavra lavra livro blog song comportamento política. Léo não cabe no pouco. Não basta em si. É louco pelo outro. Pelo reverso do verso. Enxerga no escuro. É vasto amplo e complexo. Mas tudo ele esclarece, descomplica recicla. Mergulha na estrutura. E a tritura. A escritura é fácil quando se sabe os atalhos. Seus versos têm cheiro de gol. De placa, pura pintura. Tudo é tempero pra sua fina mistura. Vida sonho e literatura se confundem. O que é real ou ficção? Onde o limite do possível? Quando tudo parece perdido, Léo nos desilude. Ele escreve de onde as fronteiras humanas se fundem.

 

.. … …

CONSUELO DE PAULA
NA GALERIA OLIDO

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 16 de julho – 20h … Sim, amigos. Taí uma chance que não se pode perder. A beleza se apresenta em forma de canção: a cantora e compositora mineira Consuelo de Paula relembra sucessos e traz surpresas tanto autorais quanto de outros compositores, acompanhada pelo percussionista Carlinhos Ferreira. No repertório, pérolas como Retina (Consuelo e Rubens Nogueira), Assum Preto (Gonzagão e Humberto Teixeira) e O que será (Chico). No Centro Cultural Olido, à avenida São João, 473. Entrada franca.

Eu já me deliciei com seu show e também escrevi um textão sobre ela (leia aqui). Mas veja só o que muita gente boa já falou dessa voz iluminada e das canções delicadas de Consuelo:

“Consuelo de Paula é danada. Escolhi sua música para encerrar o meu CD Encanteria” (Maria Bethânia).

“Uma viagem sem limites, a que a cantora nos convida e desafia, antes de nos perdermos de vez” (Revista Fórum).

“Consuelo de Paula é um diamante, um tesouro mundial” (Massato Asso, jornalista e crítico musical no Japão).

“Consuelo tem a verve da poesia. Escreve letras como se fossem cartas confessionais, movidas à métrica musical e profundidade emocional. A cada verso um achado; a cada rima, intenções segundas e primeiras” (Aquiles Rique Reis, músico e vocalista do MPB4, no Diário do Comércio).

“Con una entonación perfecta, la mineira Consuelo de Paula desplegó una seductora sencillez” (Clarín, Buenos Aires).

“Uma das mais belas vozes brasileiras” (Folha de São Paulo).

 

… … …

MINHAS ANDANÇAS
PELOS SARAUS

… … …

SARAU DA CASA AMARELA >>> Domingo, após o niver da Claire, ainda fui com a tchurma (Mari, Silvia, Jane, Marcia, Vasqs, Helen, Kita e Veronica) à ZL para curtir e participar de mais uma edição do sarau da Casa Amarela (o mais amoroso de SP). Chegamos de noite, no finzinho da apresentação de Lucas Golinelli, jovem cantor e compositor de Guarulhos. Lá estavam Wolf, Wagninho, Alvorada, Darc e Gildo Passos com suas canções. Inês, Mario Neves, Zé Pessoa, Andrio Candido e Rogerio Brito Correa lançando livros. E a presença poética de Luka, Luna, Rosinha, Escobar e Akira. E a de uma turma de jovens com seus zines e versos ritmados, quase cantados, no compasso do passo. E ainda teve Aline Lopes interpretando Mercedes. E Chico Alves, Sandra, Quinho, Netinho Souza, Beto Rio, Tião Baia, Euflávio e Liz. E essa gente doida do meu comboio da Maria. E teve comidinha e bebidinha. Teve bate-papo, sorriso, abraço e alegria. Teve a volta do grande poeta Sé (e teve emoção, lágrima e amizade sincera). Teve uma tarde e uma noite repletas de coisas belas. Senão, não seria a Casa Amarela (confira algumas fotos que afanei das páginas do pessoal). No encerramento, o gogó macio do grande Carlos Bacelar nos brindou com ‘Gente Humilde’ e alguns sucessos de seu amigo Antonio Marcos (que era da ZL). Da Zona Norte, com Claire, à São Miguel com Akira: domingão melhor que esse, ninguém jamais pensaria. São presentes que os saraus nos dão: tem que ir lá, viver, curtir e agradecer por esse astral. Valeu, pessoal!

… … …

BANDA CARCAJU >>> No sábado, mais uma vez, fui ao Teatro da Rotina, espaço alternativo incrível onde a gente vê shows e peças como se estivesse na sala de casa. Tendo como proposta a resistência artística, o teatro é administrado pelo ator, diretor e dramaturgo Leonardo Medeiros e tem curadoria musical da jornalista Bijou Monteiro. Lá, sempre me surpreendo ao assistir shows de bandas novas e muito interessantes. E assim foi com a Carcaju, dentro do projeto Bandas de Julho. Formada por Rodrigo Passos (guitarra), Claudia Dantas (voz e composições), Felipe Rezende (bateria), Pedro Canales (baixo) e Ivan Liberato (violão e composições), seu nome vem de uma lenda húngara em que lobas renascem em forma de mulher (o ‘feminino’ é tema frequente nas letras). O som me sugeriu de Clube da Esquina a Pink Floyd, de violões de Dori Caymmi a toques de jazz aqui e ali. Um belo cardápio musical… Quantos anos eles têm, afinal? (risos).

Que bacana ouvir jovens artistas antenados e ousados, fugindo da mesmice e misturando as harmonias ricas do violão de mpb a um som viajandão de guitarra de rock progressivo, com letras adultas e poéticas, ritmos variados (som delicado se alternando com pauleira) e um espírito permanentemente conectado à inovação. A banda instiga o ouvinte entrelaçando o resgate de belas brasilidades já esquecidas com composições nada convencionais envoltas em desenhos sonoros de múltiplas origens. Sem falar na competência instrumental e no superafinado cristal da voz de Claudia. Se liga que a Carcaju vai dar o que falar: apoie o projeto de financiamento do primeiro cd deles, no Catarse (saiba mais aqui) e ouça que pérola que é a canção ‘Menstruluar‘ (da banda), logo após a clássica ‘Nascente‘ (de Milton e Venturini). Assim que tiver novo show, eu dou um toque pra você ir ver.

 

 

… … …

81 ANOS DE TOM ZÉ, COM
O MEIA DÚZIA DE 3 OU 4

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 22h … Dando início à campanha de financiamento coletivo de seu álbum “81 Anos de Tom Zé”, a banda paulistana Meia Dúzia de 3 ou 4 convida o poeta Daniel Minchoni e o grupo Forró Andino para o show no Al Janiah, à rua Rui Barbosa, 269, no Bixiga. Entrada R$15.

No show, o Meia Dúzia reverencia o compositor baiano em 12 canções inéditas e 1 poema, sem abandonar a verve paulista e o bom humor que marcam seus 15 anos de existência. A banda é formada por Luisa Toller (voz, teclado, sanfona), Marcos Mesquita (baixo e voz), Mike Reuben (flauta, sax e voz), Pedro Prado (bateria), Sergio Wontroba (clarinete, sax e voz) e Thiago Melo (violão, cavaco e voz). O álbum já está disponível para download em www.meiaduziade3ou4.com e em todas as plataformas streaming. Clique aqui e saiba mais sobre a campanha de financiamento.

Eles se definem como ‘uma bandinha ligeiramente paulistana que transa MPB, não tão P, mas muito B. Há quem diga que pra M falta muito’. A frase jocosa é de quem não se leva muito a sério, mas o ‘Meia Dúzia de 3 ou 4‘ é um grupo talentoso, virtuoso musicalmente e de poética moderna e antenada, mesmo quando envereda pela sátira mais escrachada. Após assistir a um ótimo show do ‘Meia Dúzia‘ no sarau Sopa de Letrinhas, fiquei superfã e fui pesquisar mais. Me maravilhei com os clipes e as canções críticas, divertidas e superpaulistanas que encontrei no youtube. A gente gosta de encontrar e sentir neles as inspirações da Vanguarda Paulistana, de Itamar, Tatit e Grupo Rumo. Ou dos Mutantes, de Gil e Tom Zé. Mas pra além das boas influências, eles têm mesmo é muita inventividade. Não perca esse show. Os caras são muito bons.

 

… … …

FOCUS CIA DE DANÇA
EM MOGI DAS CRUZES

… … …

SEXTA-FEIRA E SÁBADO – 13 e 14 de julho – 19hFocus dança ‘3 Pontos…’ … Com trilha sonora que vai de Bach a Nirvana, a peça reúne três coreografias distintas. Na primeira, as combinações possíveis do encontro entre dois corpos, ao som de violoncelo e piano. Na segunda, o contraste entre o estar aglomerado e o desejo de ocupar o mesmo espaço. Na terceira, clássicos do Nirvana ressaltam as informações rápidas e imediatas que nos cercam. Direção e coreografia de Alex Neoral. No Sesi Mogi das Cruzes, à rua Valmet, 171. Entrada franca.

 

 

.. … …

O PRIMEIRO CD DO
TRIO ANHANGABAHY

… … …

O trio Anhangabahy, formado por Rui Condeixa Xavier, Hévelin Gonçalves e Wady Issa Fernandes, gravou seu primeiro cd ‘Sonhar é a Solução – Ao Vivo‘ e abriu campanha de crowdfunding (com comissão livre e metas múltiplas) para arrecadar fundos e mixar, editar e masterizar o material. Para colaborar e saber mais, entre aqui. Nesta sexta-feira, às 23h, a banda (mais Macaco Fantasma e Electric Hendrix Tribute) se apresenta na Festa Bagunça Bonita, no Presidenta – Bar e Espaço Cultural, à rua Augusta, 335. Entrada R$15. Ouça a canção ‘Intervenção Militar‘, que critica a presença do exército no Rio e é dedicada às lutas democráticas e à Marielle Franco:

INTERVENÇÃO MILITAR
(Rui Condeixa Xavier)

Desperta a cobra que dorme
Ante ao chamado da guerra
De um sono nervoso e leve
Vê quanta terra ela move

Quando desliza sinistra
Entre os bairros e favelas
Todos conhecem suas listras
Todos sabem o nome dela

Todos sabem suas presas
O veneno que contém
Ai cobra de mil cabeças
Mata uma, nascem cem

Como um São Jorge matando
Pra sempre o mesmo Dragão
Como a razão prisioneira
Da mesma alucinação

Como a ferida que coça
E porque coça não sara
Mesma queda, mesmo erro
A mesma cobra criada

 

… … …

QUEM MATOU MARIELLE?

… … …

MAIS UMA SEMANA SE PASSOU >>> E enquanto o ‘perigoso Lula’ continua preso e alvo de batalhas judiciais e discordâncias de posicionamento que só evidenciam o quão fracionado e fragilizado está nosso Judiciário, a polícia ainda não descobriu quem são os assassinos de Marielle Franco. Já são quase 4 meses de impunidade. No dia 14 de março a vereadora, de 37 anos, foi assassinada no bairro da Lapa, no Rio. Ela era relatora da Comissão dos Direitos Humanos que acompanhava a intervenção militar no RJ. Havia feito denúncia contra abusos policiais e voltava de um evento com jovens negras quando foi baleada. Anderson Gomes, motorista do carro em que ela estava, também foi executado. Protestos e manifestações contra o bárbaro crime se repetem diariamente em várias cidades brasileiras. Marielle lutava por justiça, inclusão e igualdade de direitos. Defendia as causas que todos nós, artistas e coletivos dos saraus, também defendemos. Este blog continua aguardando o esclarecimento do caso e a punição dos assassinos. As balas que a mataram também atingem a todos nós. Não podemos nos calar. Até quando vou ficar semanalmente repetindo esse texto aqui? Será que vai ficar por isso mesmo? Queremos a resposta: quem matou Marielle?

 

… … …

AGENDÃO

… … …

Eis aqui a superagenda dos saraus para o seu findi, com fotos e vídeos (clique nas palavras azuladas para acessar links e nos cartazes para ampliar a imagem e ler detalhes). Acompanhe também as muitas opções contidas na página da Agenda da Periferia. Informe-se, inconforme-se, atue e divirta-se!

… … …

QUINTA-FEIRA – 12 de julho – 20h … Quinta Cunhã – LivrimGuilherme Kafé (voz, violão e guitarra) reinterpreta as canções do disco ‘Livro’, de Caetano Veloso. Com participação de Fernando Sagawa. Na Casa Tucupi, à rua Major Maragliano, 74. Ingressos a R$15 e R$10.

… … …

QUINTA – 12 de julho – 21h … Quinta em Cena – Teatro … 48a. edição do projeto que, ao invés das terças, passa a ser feito às quintas. Lucas Mayor,diretor das montagens afirma: “acho fundamental que existam projetos de leitura, mas este não é um deles. Os textos são montados”. Nesta edição, ‘Alpes’, ‘Um Lapso de Razão’ e ‘A Escrava Branca’ (clique no cartaz e saiba mais). Agora, sempre às quintas-feiras no Cemitério de Automóveis, à rua Frei Caneca, 384. Ingressos a R$20 (meia). Com bar no local.

… … …

QUINTA-FEIRA – 12 de julho – 21h … Noite de TPM no Naipe … T (Thereza Goulart, voz), P (Paulo Cézhar Luz, voz e violão) & M (Marcelo Tchello, percussão) apresentam mpb, rock e canções autorais. Couvert R$10. Na av. Senador Feijó, 562, na Vila Matias, em Santos.
… … …

QUINTA-FEIRA – 12 de julho – 21h … O trio Oruã e a banda Goldenloki se apresentam no CCSP, com entrada franca. À rua Vergueiro, 1000.

… … …

QUINTA-FEIRA – 12 de julho – 21h … BossaNova60 … Show do Sexteto Serau e da cantora Hilda Maria abordando o movimento que modernizou nossa musica e apresentou ao mundo nomes como Tom, Vinícius e João Gilberto. às quintas-feiras, nos dias 12, 19 e 26 de julho e 2 e 9 de agosto. Ingressos R$20 e R$10. No Teatro Arthur Azevedo, à avenida Paes de Barros, 955, na Moóca.

.. … …

QUINTA E SEXTA-FEIRA – 12 e 3 de julho – 21h30Mutum, espetáculo poético-musical do multiartista Jairo Pereira (da banda Aláfia). Com participação de Anna Tréa e Luedji Luna. No Sesc Av. Paulista (av. Paulista, 119).

… … …

QUINTA-FEIRA – 12 de julho – 22h … Duelo Metal … Evento comemora lançamento da hq do Batman “Noites de Trevas: Metal”. Com a presença de Detonator, o ‘Deus Metal’. Com transmissão ao vivo pelo Facebook. No Manifesto Bar, à rua Iguatemi, 36. Entrada R$25.

… … …

SEXTA-FEIRA e SÁBADO – 13 e 14 de julho – 15h … Guarulhos Cidade do Rock … Dois dias de shows com bandas e artistas alternativos, além de exposições, workshops e exibição de filmes. Veja a programação completa na página do evento.  No Adamastor, à av. Monteiro Lobato, em Guarulhos.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 18h30 … Meu Nome É Francisco … Música autoral na 6a edição do #colaqui!, Mostra Jovem de Artes. No Sesc Vila Mariana, à rua Pelotas, 141, na Vila Mariana.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 19h … Lançamento: Coleção Vozes Contemporâneas na Casa PlanaMalu Alves, José Antonio Gonçalves, João Mognon, Luís Perdiz e Roberto Casarini se reúnem para o lançamento de livros produzidos no Laboratório de Criação Literária (Ed Lab) coordenado pelo poeta Claudio Willer, que fará breve apresentação. Entrada franca. à rua Fradique Coutinho, 1139.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 19h … Muska di Butikin no Sarau Clamarte … Com Zemarcio Kaipira Urbano e Marcio Ricardo. À rua Professor Otávio Guimarães, 393, em Socorro.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 19h … Samba das Negras em Marcha. Entrada R$5. Na Casa de Aruanda, à rua João Guimarães Rosa, 241 (na Praça Roosevelt).

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 19h … Negros e Alvos – pocket-show com Monahyr Campos. O espetáculo discute preconceito, racismo e a condição do negro no Brasil. Na Unibes Cultural, à rua Oscar Freire, 2500.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 19h30 … Pocket-show – Enéias Praia com Música na Veia … Viagem musical de Minas à Bahia. No Republica Bar e Gastronomia, à rua Visconde de Itaboraí, 233.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 19h30 … Karaokê no Centro Lírico & Literário IX de Novembro. À rua Coronel José Eusébio, 109, na Consolação.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 20h … Shows de Fernandes e Marcelo Moreira no General Bar … Músicos apresentam repertório autoral e releitura de clássicos. Ingressos a R$10. Na av. General Ataliba Leonel, 2291.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 20h … Happy Hour com Rock’n’Roll no Carauari Bar e MerceariaDeborah Rocha e Clederson Vieira apresentam músicas de Kings of Leon, Janis Joplin, Led Zeppelin, Amy Whinehouse, Van Halen e Aerosmith. Na praça Caruari, 8, na Vila Maria.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 20h30 … Dia Internacional do Rock na Padoka Alternativa. Com a banda PDP, de Sandro Premmero, Delpech e Paolillo. Na praça Valdemar Bassi, 78, no Jardim Brasília.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 21h … Dia Mundial do Rock no Francisco bar & artes. Com Arcade7 + Occulta. Na av. dos Autonomistas, 5635. Em Osasco.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 21h … Marcia Mah – Show da Turnê Prismah. Na Unibes Cultural, à rua Oscar Freire, 2500.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 22h … Saco de Ratos, banda do dramaturgo e cantor Mario Bortolotto, faz show no ‘On The Rocks’, à alameda Olga, 217, na Barra Funda. Com Fabio Brum (guitarra), Diego Basa (baixo) e Rick Vechione (bateria). Discotecagem de Carcarah e Marina Previato.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 23hForró na Gruta com o grupo Baião Lascado, formado por Renato Macedo (rabeca e voz), Lincoln Pontes (violão e cavaco), Allan Gaia Pio (triângulo e percussão) e Bogoló (zabumba e voz). Na rua Major Quedinho, 112.

… … …

SEXTA-FEIRA – 13 de julho – 23h … Festa Bagunça Bonita, com as bandas Anhangabahy, Macaco Fantasma e Electric Hendrix Tribute. No Presidenta – Bar e Espaço Cultural, à rua Augusta, 335.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 10hArraial Beneficente 2018 … O produtor gráfico Marcos Martins e um grupo de amigos promovem festa anual beneficente para os moradores de abrigos. Com gincanas, bingos, shows, quadrilha, correio elegante, bazar de roupas e artesanatos, comidinhas e bebidas juninas durante toda a festa. Haverá uma tv para quem quiser ver o jogo da Copa, às 11h. Na rua Doutor José de Moura Resende, 700, no Butantã.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 12hKolombolo Diá Piratininga + Forró pé de serra. Velha guarda paulista apresenta canções autorais em animada roda de samba. Desde 2002 o coletivo realiza atividades de pesquisa, divulgação e valorização do samba de SP: shows, desfiles carnavalescos, produções de cds, vídeos para internet, encontros de compositores, palestras e oficinas. Shows do Kolombolo (às 14h) e do Forró pé-de-serra com PC (às 18h). Entrada franca. No Joaquina Bar e Cozinha, à rua Doutor Álvaro Alvim, 22, na Vila Mariana.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 12h30 … Almoço & Música – Fios de Choro é um quarteto de música instrumental brasileira que mistura ritmos da cultura popular em seus arranjos e composições. Tendo o choro como escola e o violino como solista, é formado por Allan Gaia (pandeiro), Wanessa Dourado (violino e rabeca), João Pellegrini (violão 7 cordas) e Lincoln Pontes (cavaco). Na Casa de Francisca, à rua Quintino Bocaiúva, 22.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 12h30Samba 12×8 com Feijuca na Carauari … À praça Carauri, 8, na Vila Maria.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 14hArraiá Lula Livre na Quadra Dos Bancários. O evento conta com música, barracas de comidas típicas, ato político, além de um espaço para crianças. Evento tem como objetivo dialogar com a população sobre a prisão política e arbitrária do ex-presidente. Na rua Tabatinguera, 192.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 15h … Estudos do audiovisual na Aldeia Satélite – Espaço Cultural, na ZL. No cartaz, outras programações para os próximos dias, como sarau e teatro.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 18h … 111° Sarau Bodega do Brasil … Tradicional sarau coordenado pelo cordelista Costa Senna, que lança o videoclipe ‘Raul Seixas Não Morreu’, dele e Josué Campos. Na Ação Educativa, à rua General Jardim, 660.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 18h … Sarau do Vale – Palco aberto e convidados: Bruna Muniz (lançando o álbum “S.O.S Pátria Amada”), dj Batata Killa (lançando a mixtape “Breakilla’), Odisseia das Flores (pocket-show), Instinto Favela (lançando o cd “Justa Causa”), Mr Grand E (rapper) e Bruna Pires (poeta e arte-educadora). Na rua Wladmir Cardoso, 4.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 18h … Sarau na Galeria + Feira das Manas … Com Jéssica Paula e Alex Domingues no som autoral e Luka Magalhães lançando seu primeiro livro “Ecos do Silêncio“. Na EE Geraldo Justiniano Rezende Silva, em Suzano.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 19h … Aniversário dos Cabeça’ss: Ivan Cabeça e Daniela Neris. Grande banda de rock faz show e comemora niver no Santa Sede, na ZN.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 19h … Lançamento do livro Terror Brasilis – Escritor Sidney Leal … No Centro Cultural Francisco Carlos Moriconi, em Suzano.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 19h ... Festival Mosca Branca … No Menino Muquito Bar, tradicional point de artistas alternativos na ZL (Clique no cartaz).

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 19h … As Hienas de Rimbaud – de Mateus Melo Machado … O intelectual Jean não se encontra na vida. Pode discutir Nietzsche, encontrar-se com Borges no aeroporto enquanto aguarda Florbela, pensar no significado do medo na cultura ocidental, mas não arranja um emprego melhor que o de atendente em uma loja de doces. Entre confidências sexuais, as grandes questões filosóficas são discutidas. Um lançamento da Desconcertos Editora. Na Patuscada – Livraria, bar & café, na Vila Madalena.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 20h … A cantora Joana Reais e a pianista  Raquel Freitas se apresentam no Quinto Pecado. Na percussão, Ivan Silva. Ingressos a R$15.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 20h … Cabaré JT … Espetáculo teatral e musical no Centro Cultural Butantã. Até 25 de agosto (só aos sábados).

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 20h … Jesuane Salvador – EntreSons … Cantora interpreta Piaf, Ella, Amália e outras divas da canção acompanhada por Willian Batiston e Ivan Trevisan Lopes. Participação de Beatriz Aquino, Sirlei Barto e Rodrigo Augusto. Em Poços de Caldas.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 21hMad Finger – show de rock … Com músicas de Nirvana, Alice in Chains, Soundgarden, Audioslave e Pearl Jam, entre outras bandas incríveis.  Entrada franca. Na praça Miguel Ramos de Moura, 175, no Jardim IV Centenário, na ZL.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 21hLari e Yann – no Grão Espresso, em Santana.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 21h30Sebah de Assis e Sandro Premmero cantam as músicas d’O Som do Bando’ no Bar do Frango, na ZL.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 22h30Umanto, cantor e compositor, faz show na Casa Gramo, na Vila Romana.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 23hMetá Metá … Banda funde elementos da canção brasileira com música africana, jazz e rock. É formado por Juçara Marçal (voz), Thiago França (sax) e Kiko Dinucci (guitarra). No Mundo Pensante, à rua Treze de Maio, 830, no Bixiga.

… … …

SÁBADO – 14 de julho – 23hNoite da Diáspora: Baião de Spokens convida Thaide + DJ Evelyn … Encontro celebra a cultura oral enquanto transmissão de saberes. O Baião de Spokens mescla performances poéticas com ritmos musicais e experimentações sonoras, elementos visuais e de intervenção urbana. Com Caco Pontes, Caleb Mascarenhas, Felipe Chacon, Ligia Kamada e Lua Bernardo. Participação mc Thaide + set de dj Evelyn e intervenções de Inayara Iná. Entradas a R$10 e R$15. No CCB, à av. Corifeu de Azevedo Marques, 1882.

… … …

DOMINGO – 15 de julho – 11h … Doces Tardes de Domingo … 21ª edição do evento tem final da Copa, churrasco comunitário (leve alguma carne) e show das bandas Marcão & Os Bolachões Voadores, Santo Veneno Rock, Projeto Nacional, Mc Gringo e Os Ilusórios. Discotecagem em vinil de Eduardo Osmedio e Ju Juliete (convidado especial: Marco Antonio Gonçalves). A festa acontece sempre no segundo domingo do mês, no Komb Bar ZL, à praça Miguel Ramos de Moura, 175, na ZL.

… … …

DOMINGO – 15 de julho – 16h … Dançar Carimbó na AugustaArtur Soares traz seu som com influências de Alceu Valença, Belchior e Luiz Gonzaga. Depois o grupo Clarimbó entra com carimbó paraense pra todo mundo dançar. Nos intervalos o dj Alê Marques seleciona as nordestinidades, cumbias e sons do Norte. No Presidenta, à rua Augusta, 335.

… … …

DOMINGO – 15 de julho – 16h20 … Manatiana no Projeto Cultural Novo Rumo na Quebrada … Festa na rua com a banda ManaTiana, grupo instrumental que mistura nossos ritmos com jazz e música cubana. A banda conta com Rayra Maciel na percussão, Leandro Melque na bateria, Lua Bernardo no baixo elétrico, Carlos Junior no teclado, Mariana Oliveira no saxofone alto e Deivide Bubone no trombone de vara. À rua Cabral de Menezes, 54, no Butantã.

… … …

DOMINGO – 15 de julho – 18h … Anderson Chizzolini no Instituto Juca de Cultura … Casa cultural administrada pelo poeta Paulo Nunes recebe o excelente violonista Anderson Chizzolini. Como instrumentista, Anderson costuma se apresentar com o Grupo de Choro da Unesp e com o Trio de Violões da Unesp. Como compositor, escreve trilhas para teatro e cinema. Na rua Cristiano Viana, 1142. Entrada R$20.

… … …

DOMINGO – 15 de julho – 18h … Rock Insane se apresenta no Gogó da Ema … Banda do vocalista Raphael Andhra interpreta clássicos do hard rock, heavy metal, grunge, pop rock e rock nacional. Na rua Capitão Akcook, 466, no Parque Edu Chaves.

… … …

DOMINGO – 15 de julho – 19h … Bruno Bruni + Cupin … Cantor (que lança single) e banda fazem seus shows na Casa do Mancha, à rua Felipe de Alcaçova. Ingressos a R$15.

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 16 de julho – 19h30 … Lançamento de ‘Percursos Estéticos’ … O livro de Bárbara Santos aborda a recente história do Teatro do Oprimido, a partir de 2009, e apresenta percursos criativos que têm impulsionado o desenvolvimento estético do método criado pelo teatrólogo Augusto Boal. O livro estará à venda por R$40. No local, sarau poético e musical com apresentação de Alessandro Buzo. Na Livraria Suburbano Convicto, à rua 13 de maio, 70, no Bixiga.

… … …

SEGUNDA-FEIRA – 16 de julho – 20h … A cantora e compositora mineira Consuelo de Paula relembra sucessos e traz surpresas tanto autorais quanto de outros compositores, acompanhada pelo percussionista Carlinhos Ferreira. No repertório, pérolas como Retina (Consuelo e Rubens Nogueira), Assum Preto (Gonzagão e Humberto Teixeira) e O que será (Chico). No Centro Cultural Olido, à avenida São João, 473. Entrada franca.

… … …

TERÇA-FEIRA – 17 de julho – 19h … 15ª Edição do Sarau da Vergueiro … Sarau com palco aberto promovido por Carlos Buono, Osian Lopes e Carlos Ildefonso, entre outros artistas. À rua Vergueiro, 883, na Liberdade.

… … …

TERÇA-FEIRA – 17 de julho – 19h30 … Cinecubo IAB: “Intervenção – amor não quer dizer grande coisa” … Cineclube promovido pelo Instituto dos Arquitetos do Brasil para estimular o diálogo entre as linguagens audiovisuais e arquitetônicas. Sempre na terceira terça-feira do mês, com debate após a exibição dos filmes. Curadoria e mediação de Nana Maiolini + Travessia Filmes. Entrada franca. “Intervenção – amor..” é um documentário de Gustavo Aranda, Tales Ab’Sáber e Rubens Rewald. No IAB SP, à rua Bento Freitas, 306.

… … …

TERÇA-FEIRA – 17 de julho – 19h30 … Indy Naíse – Cantora faz pré lançamento do videoclipe “Erê (menino prateado)” com exibição e bate-papo, mas o lançamento oficial é pelo Youtube no dia 18, às 12h (e eu vou postar aqui, claro). Na abertura do evento, intervenção poética de Jô Freitas; discotecagem de dj Lino. Na SUB Galeria, à rua Padre Justino, 672, no Butantã.

… … …

TERÇA-FEIRA e QUARTA-FEIRA – 17 e 18 de julho – 21h … A criança – Lado A e Lado B … Peça de Lucas Mayor se divide em Lado A (às terças) e Lado B (às quartas). Clique no cartaz para saber mais. No Cemitério de Automóveis, à rua Frei Caneca, 384. 

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 15h … Curso ‘Vivências Musicais – Infantil e Livre’, ministrado por Matheus Pezzotta, bacharel em música (Unesp). Inscrições por inbox, vagas limitadas. Na Casa Rosa Manjericão, à rua Antonio Cavaglieri, 15, em São Roque.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 19h … Slam do Grito … Com batalha de poesia valendo vaga para a final e pré-lançamento do livro ‘Híbrida‘, de Janaína Moitinho, pela Editora Vacartonera. No Nosso Bar – Trecão, à rua Nova Louzã, 66, no Ipiranga.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 19h … Lançamento de “Saltar Vazio” – de Marcelo Adifa … O escritor e poeta Marcelo Adifa lança novo livro de poemas pela Editora Penalux. O lançamento é um dos destaques do Festival InterFoto Itu, um grande evento de fotografia e de artes visuais que vai até 22 de julho (saiba mais aqui). Na abertura, Marcelo (autor também dos livros de poemas ‘Exílio’ e ‘A quem se fizer estrela’) falará sobre o processo de intertextualidade entre imagem e palavra na criação artística. “Saltar Vazio” estará à venda no local. Na rua Paula Souza, 492, no centro de Itu.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 19h309º Quarta Autoral da Casa Amarela & Zé Rock Bar … Sarau tem palco aberto e dois pocket-shows com os poetas e compositores Paulo Perso e Edson Oliveira. Vai rolar um caldinho (colabore no chapéu). No The Wall Zé Rock Bar, à rua Igarapés, 1219a, no Jardim dos Ipês, Itaim Paulista.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 19h30 … ‘Lá na Laje’ – com Letícia Brito, Mel Duarte e Tatiana Nascimento … Mesa reúne as campeãs de poesia falada e discute a força e o papel da oralidade na literatura contemporânea. Com curadoria e mediação da jornalista Jéssica Balbino. No Sesc Pompeia, à rua Clélia, 93.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 20h … SP Dramaturgias apresenta mais um texto inédito de um jovem autor: ‘O fantasma que dança rumba’, de Wander B. Na SP Escola de Teatro, sala R1, à praça Franklin Roosevelt, 210. Entrada franca.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 20h … Curso Dança (e) Autonomia no Lab Mundo Pensante … Curso tem proposta de identificação e desconstrução de vícios e tabus socialmente enraizados na movimentação do corpo, a partir de um encontro entre antropologia, sociologia e dança. Aulas aplicadas pela ministrante Bárbara Côrtes. Inscrições (e informações sobre preços, horários e duração) através do seumovimento@gmail.com. No Lab Mundo Pensante, à rua Treze de Maio, 733.

… … …

QUARTA-FEIRA – 18 de julho – 21h … Duas Casas convida Tiê e Felipe Camara … A dupla formada por Bezão (Folk na Kombi) e Nô Stopa se apresenta no projeto Talento MPB acompanhada por Octavio Amado (violino), Alexandre Fontanetti (guitarra), Eduardo Malta (baixo) e Caio Lopes (bateria). Participação de Tiê e Felipe Camara, Klaus Ximenes e Maria Fernanda. No Bar Brahma Centro, à av. São João, 677.

… … …

ATÉ 21 DE JULHO … Arte em Movimento … Seis artistas de diferentes vertentes das artes visuais propõem um encontro de obras, com tema e formato livres, onde o principal intuito é a reunião, o compartilhamento e a troca de experiências (clique no cartaz). Na Boutique Vintage, à rua Padre Adelino , 949, no Belenzinho. Entrada R$10.

… … …

ATÉ 31 DE JULHO … Exposição ‘Vá Tomar Banho’, do artista plástico Fabiano Carriero na Alma Coliving, à rua Capitao Francisco de Paula, 264, em Campinas. Nessa expo, o artista traz obras em acrílico, óleo e papel em tela, relacionadas à temática do título, no sentido de cuidar-se, banhar-se.

… … …

SEGUNDAS, TERÇAS E QUARTAS – 20h – ATÉ 1 DE AGOSTO … Teatro – Barragem de Santa Luzia… Com direção de Rudifran e co-direção de Tiche Vianna, peça narra o drama da jovem Maria Flor, obrigada a sair de sua terra em função do rompimento de uma barragem para a construção de uma usina hidrelétrica na região. “A motivação do texto é a fábula da resistência. Resistência em todos os sentidos, da terra, da mulher. O espetáculo fala sobre essa mulher que, para não perder o pouco que tem, precisa resistir ao possível desaparecimento de sua história”. Com os atores Nataly Cavalcantti, Clayton Nascimento e a voz em off de Sérgio Mamberti. Música de Pedro Felício. Na Oficina Cultural Oswald de Andrade, à rua Três Rios, 363, no Bom Retiro. Entrada franca.

… … …

ATÉ 7 DE AGOSTO … Exposição Coaraci – Esculturas em Madeira ... O grande artista Euflavio Gois, também conhecido por Madeirart (que lançou recentemente o livro de poemas e contos ‘Cobra no Bico‘) expõe seus trabalhos em madeira na passagem literária da Consolação (na travessia subterrânea da esquina com avenida Paulista).

… … …

ATÉ 12 DE AGOSTO … Ocupação Antonio Candido … No ano do centenário de nascimento, o crítico literário e professor Antonio Candido é tema de exposição que traz originais de textos manuscritos e datilografados, cadernos, fotos, livros, documentos, entrevistas em vídeo e conta com um site. De terça a sexta-feira, das 9h às 20h. Aos sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h. No Itaú Cultural, à avenida Paulista, 149. Entrada franca.

… … …

ATÉ 1 DE DEZEMBRO … Exposição: O mundo das maravilhas de Monteiro Lobato … Nos 70 anos da morte do escritor exposição homenageia sua contribuição para a literatura e cultura nacional. Na Biblioteca Monteiro Lobato, à rua General Jardim, 485. De segunda a sexta, das 8h às 18h. Sábados das 10h às 17h e domingo das 10h às 14h. Entrada franca.

… … …

LANÇAMENTO DO CD PULSAÇÃO >>> A cantora Beth Avelar lançou o disco que já está disponível tanto no formato físico (pela Tratore, nas principais lojas e direto com a artista pelo e-mail bavelar@uol.com.br) quanto no digital (nas plataformas Spotify, Deezer, Apple e Itunes). Veja também o videoclipe da música Simplesmente (do grande Paulinho Nogueira) no Youtube e Facebook.

… … …

EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIAS – Plano, seco e pontiagudo >>> Fotografias, cujo tamanho varia de 2 a 7 metros, expostas em cinco fachadas dos edifícios das ocupações da Frente de Luta por Moradia (FLM). As fotos fazem parte do fotolivro chamado Plano, seco e pontiagudo” (co-edição/Editora Ipsis e Editora Madalena, 80 páginas), de Monica Zarattini. Nos seguintes endereços do centro de SP:
rua Álvaro de Carvalho, 427
rua José Bonifácio, números 137 e 237
rua Quintino Bocaiúva, 242
av. Rio Branco, números 47 e 53

… … …

AGENDÃO >>> Fique ligado, pois o agendão é diariamente atualizado. E toda quinta-feira tem um post novo. 

… … …