Aqui tem o olhar crítico, os contos fantásticos e o humor inteligente do Ricardo Kelmer. Aqui tem programas de rádio e tv que dão voz aos alternativos. Resistimos. Aqui tem a festa dos 7 anos do Encontro de Utopias, dos 14 do Sopa de Letrinhas. Viva! E os poetas e músicos que têm muito a dizer. Aqui eles dizem.  
… … … … … …
RICARDO KELMER
… … … … … …
kelmer1

O Ricardo Kelmer é uma grande figura da cena dos saraus paulistanos e cearenses (quiçá, mundiais, pois acaba de voltar de uma temporada de shows em Lisboa, pá!). Ele organiza e apresenta o sarau Bordel Poesia (ao lado do cantor e ator Fellipe Defall, com o auxílio luxuoso da Shirlene e da Marcinha na produção). O divertido sarau tem por temas a paixão, o desejo e o erotismo. É ambientado em clima de cabaret e tem números de dança, teatro, burlesco, humor, vídeo e fotografia, além de música e poesia. A próxima edição será em agosto, após o término da turnê do espetáculo Vinicius Show de Moraes, que o Kelmer apresenta em bares e teatros ao lado do violonista e cantor Felipe Breier. Veja um trecho do show e o link do cd:

 

 

Humorista e produtor cultural,  Kelmer também é escritor, letrista e poeta. Tem vários livros lançados. O mais recente é Indecências para o Fim de Tarde, de contos eróticos. Dá palestras comentando sua literatura e cursos sobre humor. Mantém um blog, onde, além de nos atualizar sobre sua trajetória artística, posta comentários a respeito de temas polêmicos do cotidiano, da política à cultura, passando pelas questões comportamentais. Sempre lúcido, Kelmer é leitura imprescindível:

https://blogdokelmer.com/

Visite também seu canal no youtube. Sobre ele, escrevi:
O Kelmer canta, conta causos, interpreta, diverte a gente. Tem raciocínio rápido e humor aguçado: a marca dos inteligentes. Mais um grande artista do fértil solo cearense. Humorista antenado, tirador de sarro e ativista, dá voz a quem não tem. Escreve bem o que vê e o que imagina: é ficcionista também. Seus contos estão prontos pra serem filmados. Observador nato, é cronista (e romancista, claro). Tem ampla visão da cidade e sertão, da política e cultura. Depura a opinião dos amigos, conserta os equívocos da imprensa, comenta sem ranço. Pacientemente nos convence. Esclarece as mil e uma obscuridades do poder. Dá leveza às ditas obscenidades físicas: só o falso moralista vê maldade quando se brinca. Brinda à Vinicius e denuncia: no grande bordel da vida real, imoral e vergonhoso é roubar o dinheiro do povo. Não foge ao combate, polemiza, pisa em terreno minado: nomeia os tiranos de rosto abstrato. Didático, desenha pra quem não capta: leia, saiba. Seu texto denso alarga os pensamentos estreitos. Antifanático, Kelmer defende o estado laico, as liberdades civis e os direitos democráticos (tão ameaçados). Escancara o silêncio da selva domesticada e encara a turba ignara conectada ao atraso: é o puxador da alegria no bloco dos filósofos anárquicos. Kelmer absorve os conceitos, tritura e nos oferece sua água pura. Alquimista da utopia, destila a dor e nos alivia com suas doses de quimera fria. Sonhador sereno, seu blog pé-no-chão nos ilumina. Kelmer é um ponto de luz nas trevas de nossa idade mídia.
 

 

KELMER POR ELE MESMO:

“Sou ateu e democrata incondicional, adepto do amor, das relações livres e do Jack Daniel´s. Acredito em autoconhecimento, democracia, liberdade de expressão, respeito às diferenças, liberdades individuais, viver as fantasias, estado laico, abolição das fronteiras, cidadania global, conscientização ecológica e livre circulação de pessoas, ideias e produtos.

Não acredito em capitalismo, neoliberalismo, religião, fronteiras, patriotismo, guerra às drogas, guerra contra o terrorismo, guerra nenhuma, porte de arma, raça e voto obrigatório.

Prefiro morrer livre que viver numa escravidão tranquila.

Creio no amor baseado na liberdade. Amor baseado na posse do outro, este eu dispenso.

Planos para amanhã: sentir-se cada vez mais vivo e livre. Antes que chegue o dia em que o dinheiro e as religiões acabarão com a humanidade.”

… … … … … …
ESTE BLOG, NO
RÁDIO E NA TV
… … … … … …

Recentemente participei de dois programas onde pude expor algumas opiniões a respeito do massacre da indústria cultural e dos danos provocados pela disseminação da propina no meio musical, o famoso ‘jabá‘. Enquanto os mesmos de sempre (artistas, empresários, emissoras e programadores) se utilizam de concessões públicas para lucrarem impunemente à custa da pasteurização da nossa música, outros grandes artistas penam sem espaço e o público se ressente de diversidade e representatividade cultural. É preciso achar fórmulas de se combater essa prática danosa. Este blog já propôs a criação da União de Artistas Independentes (UAI), grupo de discussão, encaminhamento de propostas e ação. Informe-se e participe dessa gestação. Enquanto não formarmos um bloco consistente de artistas e produtores culturais com força para reinvindicar, o jeito é seguir na pregação e denúncia. Programas como o Diálogos SP (já havia comentado sobre ele aqui), do jornalista Gilberto Nascimento na TV Câmara, e o Estação Popular, do compositor e cantor Zulu de Arrebatá na rádio Linha Direta, são oásis nesse vasto deserto de mesmices. Parabéns aos dois pelo belo trabalho e obrigado pela oportunidade de opinar, debater e ajudar a criar conscientização a respeito do assunto. Confira minha participação (na tv, estava ao lado do grande artista Edvaldo Santana).

 

… … … … … …
7 ANOS DE 
UTOPIAS
… … … … … …

 

Sábado passado estive no Centro Cultural Vergueiro (CCSP) e participei da comemoração pelo sétimo aniversário do sarau Encontro de Utopias, organizado por Regina Tieko, Fábio Abramo, Cleusa Santo e demais artistas do coletivo. Para marcar a data, foi lançada a coletânea Ciranda Poética, com textos de poetas e escritores que lá se apresentam. O Encontro de Utopias, além de ser um dos melhores saraus da cidade para quem assiste, é também uma grande vitrine para os poetas e músicos, pois grava as performances. Esses registros de alta qualidade técnica, postados no site, oferecem grande visibilidade aos artistas alternativos, o que lhes é sistematicamente negado pelo rádio, tv e mídias impressas. Finalizando, destaco alguns belos versos de poemas que estão no livro e mando um grande abraço aos artistas e organizadores. (Informe-se e colabore: o dinheiro arrecadado financiará um novo projeto).

 

“Dizem que algumas crianças, e uns bêbedos, alguns velhos e certos loucos podem tocar a visagem…” (Yara Camillo)
“… Morte é vida / o ciclo ensina / não espere cair do pé para amadurecer” (Davi Oliveira)
“Salve, salve, os moradores de rua do Minhocão. … Salve, salve, os africanos da São João… Salve, salve, a distribuição de sopa da Rio Branco. Salve, salve geral, São Paulo!” (Ruivo Lopes)
“As nuvens negras não sofrem preconceito /  por jogarem água para refrescar o mundo” (Maria Póvoas)
“… Poderíamos ser, / assim à toa, / conformados, / sem princípios, / sem culpas, / sem paixões? … ” (Sonia Regina Bischain)
“brasil, por favor me diga / quanto do teu salgado mar / vem das lágrimas pretas das mães dos navios…” (Victor Rodrigues)
“… Alguém já explicou a loucura / De querer ter muito dinheiro / E um dia ir embora desse mundo e não levar nada?” (Fábio Abramo)
“… Tu és feita de todos os gestos / De todos os beijos, suores e afetos. …” (Sabrina Carvalho)
“… respeitaremos todo tipo de vida / os Saraus acontecerão em estádios / e como sonha o Bispoeta, todos sempre lotados.” (Almério Barbosa)
“… não é minha culpa não ser / quem você quer que eu seja. / por favor, não me perdoe.” (Ni Brisant)
“tem um lugar / muito distante / dentro de mim / … / é aonde eu irei / quando estiver / perto do fim” (Akira Yamasaki)
… … … … … …
UM POETA,
UM POEMA
… … … … … …

 

Esta seção abre espaço aos muitos ótimos poetas que ouço por aí, pelos bares e saraus do movimento cultural. Ou os que conheço dos vários livros comprados, doados, roubados, recebidos, aparecidos (livro é um bicho vivo…). Aqui é jogo rápido, sem maiores comentários ou análises profundas, nem os elogios que cada um deles merece. Um poema (às vezes dois), uma pequena ficha do autor e alguns links para que você o conheça melhor. Hoje, Daniel Perroni Ratto, Claire Regina, Sandra Regina e Adalberto Viviani. Curta essa pequena mostra e vai atrás de mais… 

 

… … … …

DANIEL PERRONI RATTO

Viés

As vontades do mundo
Não são as mesmas suas
Saio por aí, Deslumbro.
Revejo as hélices flácidas
do amor perdido
Em ações Tácitas.
Drones caçam amores
Sentinelas máximas
dos phones e pequenos favores

Daniel Perroni Ratto é poeta, jornalista, músico, professor e especialista em mídia, informação e cultura (ECA/USP). Autor de Urbanas Poesias (Ed. Fiúza, 2000), Marte mora em São Paulo (A Girafa, 2012) e Marmotas, amores e dois drinks flamejantes (Ed. Patuá, 2014). É cronista do Jornal Diário do Nordeste e faz parcerias de música com bandas paulistanas. Aqui, mais poemas dele.

 

… … … …

CLAIRE REGINA

A Receita do Bolo

Meu vizinho queria fazer um bolo,
me pediu a receita.
Eu não tinha a receita,
mas eu tinha vinte anos!
Fui ajudar…
Não tinha farinha para ele amassar
com as mãos,
ofereci meu corpo
e ele amassou.
Não tenho açúcar, ele me disse,
ofereci meus lábios,
e ele beijou.
Ele era bom cozinheiro.
Pôs o leite para ferver,
o leite fervia no meu corpo inteiro.
Nós dois queríamos fazer o bolo
mas, e a receita?
Ele abriu o caderno,
estava escrito,
me ama.
Não fomos mais para a cozinha
fomos para a cama.

Claire Feliz Regina nasceu em Campo Grande – MS. Só aos 80 anos, com a chegada da aposentadoria, passou a escrever versos. Seus poemas lhe renderam o título de personagem do ano (2008) do boletim Mais São Paulo, comandado pelo jornalista Gilberto Dimenstein. Recentemente lançou Meu Jeito de Falar – Poemas Eróticos, pela Editora Patuá.

 

… … … …

SANDRA REGINA

Fazendo (de) conta

Porque hoje é sábado 
Acordo com um poema intacto 
Cheio de contas
Num ábaco 
Um poema que conta
E me deixa tonta
Rodopiando no quarto
Um poema de múltipla escolha
Querendo mais uma folha
Do branco papel
Que é o lençol
Poema quase canção
Que eu canto
Desafinando um sol
Sustenido sentido
Em bemol
Acordo com um poema pronto
Entre as tuas letras
De carícia e gozo
Entre as tuas pausas e minha respiração acelerada
E essa rima molhada
Que goza sem saber de nada
Sandra Regina por ela mesma: ‘Paulistana das Letras, gosto de brincar com os sons, quebrar o ritmo dos dias… às vezes a escrita me trai, sou toda prosa, mas quando crescer, quero ser poesia’. Veja mais textos dela aqui. Acaba de lançar o livro de poemas Visita Íntima, pela Editora Reformatório. 

 

… … … …

ADALBERTO VIVIANI

(poemas dos livros Clãdestino e Tem Sentido?)

 

Adalberto Viviani é autor dos livros Húmus (antologia poética, com Claudio Rocha e Luis Baggio Neto), Jogos e Objetos Poéticos, Tem Sentido?, Clãdestino e o mais recente, Tédio. Saiba mais sobre ele nessa entrevista. E leia também esses outros textos
… … … … … …
AGENDA
… … … … … …
Além das sugestões abaixo, acompanhe também as muitas opções contidas na Agenda da Periferia. Informe-se, atue e divirta-se!
23/6 – quinta-feira – 18h … Jornadas de Lutas Periféricas no Casarão … O Movimento Cultural das Periferias discute com a gestão municipal uma série de medidas para fortalecer as ações culturais, como a Lei de Fomento à Periferia. Na Casa de Cultura Vila Guilherme – Casarão.
24/6 – sexta-feira – a partir das 16h … Show do Birodylan … Num ambiente de amizade e descontração, Ismael Birodylan tocará seu repertório de mpb, rock e cantoria, pra saudar o niver do Victor Queiroz. Na Cachaçaria e Cervejaria Adri & Anão, na Vila Maria. Grátis.

 

24/6 – sexta-feira – 19h … Lançamento do livro ‘Sonetos de amor em branco e preto’, poemas de Manoel Herzog … O premiado poeta faz  o lançamento na Patuscada – Livraria, bar & café.

 

24/6 – sexta-feira – 20h30 … In Rollando Stones no Santa Sede Rock Bar … Na primeira parte, Joe Cocker, David Bowie, Led Zeppelin, REM, Ramones, Deep Purple, Beatles, Rita Lee. Na parte final, só Stones. Entrada R$10. Em Santana.

 
25/6 – sábado – 11h … Lançamento do livro ‘Meu Universo’, do menino Gustavo Gomes … Abrindo o espaço da literatura do VivaRua, a Editora Essencial convida o famoso menino para um bate-papo. Homenageado na categoria infantil/Catraquinha do Prêmio Cidadão São Paulo, Gustavo Gomes tem 11 anos e muito talento. No Armazém da Cidade.
25/6 – sábado – 14h … Sarau Urbanista Concreto … Sarau literário promovido por Germano Gonçalves. Lançamento do livro Espinheiros de Guilvan Miragaya. Com sorteio de livros e a sequência da campanha do agasalho. No Ceu São Rafael.
25/6 – sábado – 16h … Arraiá na Carauari … Festa junina no tradicional ponto de encontro de artistas no alto da Vila Maria. O sanfoneiro Ceará vai animar a festa. A banda Chêro da Poesia e o violeiro Betto Ponciano também participam. Com Aécio Oliveira, Etta Duran e mais o palco aberto. Ainda tem quentão, vinho quente, caldinhos, cuscuz, pipoca, milho e as habituais porções de petiscos. Entrada grátis, no Carauari Bar e Mercearia.
25/6 – sábado – 16h … Lançamento do ‘Y?rei, Caberê’ no Sarau em Movimento … O poeta Claudinei Vieira lança seu livro no sarau. Os organizadores Valter Camera, Eder Lima, Rosinha Morais e Lígia Regina visam promover a troca de linguagens através do encontro de artistas, coletivos e movimentos diversos. No Pontão de Cultura Giramundo – Centro Cultural Padre Manoel Paiva

 

25/6 – sábado – 20h … Obando + Radiola Dub (no Beco Pub) … Obando propõe novos sons unindo talentos do rap, rock e mpb. O RadiolaDub, famoso nas raves e festivais independentes, vêm mostrando que música é bem mais do que tocam as FMs. Entrada a R$5 e R$10. Em Araraquara.

 

25/6 – sábado – 20h … Sopa de Letrinhas Sarau – Niver de 14 anos … Um dos saraus mais legais da cidade aniversaria. Show de abertura com a banda Folk na KombiLançamento da revista O Grito e dos livros dos poetas Charles Marlon (Re-Tratos) e Ricardo Escudeiro (Rachar Átomos e Depois). E mais: Rubens JardimLiz Rabello, Carlos Galdino, Celso de Alencar, D’arc Maia e Os Zélementos, Joel Dias Filho, Maria Giulia Pinheiro, Brau Mendonça, Alexandre Tarica, Rosa Rocha e outros. Tudo sob o comando do genial poeta e apresentador Vlado Lima. No Garagem Vinil.

 

 
25/6 – sábado – 20h … Jam Sampa Junho 2016 … A cantora Kana Nogueira encontra amigos músicos para uma jam session de primeira no Empório Brasileiríssimo
25/6 – sábado – 21h … Show: Marcelo Barum – ‘Rumando Trechos’ … O artista faz show com a participação especial dos talentosos Carlos Moreno, Douglas Dmoraes, Juliana Castro e do instrumentista João Galba. Na lista R$10, na porta R$15. No Brazileria.
25/6 – sábado – 22h … Star Lá e Ver Bowie Voltar 2.0 … Festa em homenagem ao camaleão do rock. No set, além de seus clássicos, muito rock’n’roll e música brasileira. Entrada R$ 15. Na Central das Artes.
26/6 – domingo – 10h … Sarau Matinal Beco dos Poetas – edição 69 … Muita poesia, música e performances. Palco aberto para quem chegar. Lançamento da obra Namastê. No Ceu Caminho do Mar.
26/6 – domingo – 16h … Sarau do Castelo Hanssen – especial São João … Festa junina com artistas convidados e palco aberto. Sarau organizado por Bosco MacielRogério Brito e Osvaldo Alves. Em Guarulhos, na Casa Dos Cordéis – Instituto Cultural.
26/6 – domingo – 18h … Sarau Pretas Peri-Arraiá … Coletivo Pretas Peri promove festa junina com fogueira, quentão, correio elegante poético e o som da banda Forró di Muié. Ainda tem lançamento de livro da Marah Mendes e palco aberto. Na Rua Vicente Reis.
26/6 – domingo – 18h30 … AbacaxEpa toca no Parlapatões … Vá conhecer os vocais bem trabalhados e o som divertido dessa jovem banda. Couvert na base do passa-chapéu. No Espaço Parlapatões, na praça Roosevelt.

 

… … … … … … 

INTÉ, PESSOAR…

BOM ARRAIÁ PROCÊS!

SEMANA QUE VEM TEM MAIS.

… … … … … …