APÁTRIDAS >>> Estreia nesta sexta-feira, às 21h, no Teatro Arthur Azevedo, o espetáculo com o qual a Cia Nova de Teatro comemora seus 20 anos de atividades. Inspirado em personagens como Kassandra, Hécuba, Prometeu e Hércules, o texto enfoca as crises humanas, os fluxos migratórios, a devastação do território dos povos originários, a africanidade e questões como identidade e não pertencimento. Estruturada em quatro solos que se interconectam, a peça tem direção de Lenerson Polonini e dramaturgia de Carina Casuscelli (que também atua). Conta ainda com os atores Jacqueline Durans, Miguel Kalahary, Isidro Sanene e tem participações em vídeo de Kaiti Kna Aguiar e Wiryça Kariri Xocó, além de vozes gravadas por Rosa Freitas. Saiba mais

.

De 5 a 28 de novembro, sextas-feiras e sábados às 21h e domingos às 19h, no Teatro Arthur Azevedo, à av. Paes de Barros, 955, na Mooca. Ingressos gratuitos (retire com uma hora de antecedência na bilheteria do Teatro)

.

VINTE >>> De 4 a 7 de novembro (quinta a sáb, 20h – dom, 19h) … A Focus Cia de Dança celebra o 21º ano de existência com espetáculo que homenageia a escritora Clarice Lispector. O diretor, coreógrafo e fundador da companhia, Alex Neoral, mergulhou nos textos e inquietações da grande artista para se inspirar e ‘transformar suas palavras em gestos dançados, poesia que salta do papel para o palco’.

O espetáculo, que tem patrocínio da Estácio, é dançado por oito bailarinos que participaram do processo de criação: Carolina de Sá, Cosme Gregory, Isaias Estevam, José Villaça, Marina Teixeira Monise Marques, Roberta Bussoni e Vitor Hamamoto.

No Teatro Riachuelo, à rua do Passeio, 38/40, na Cinelândia, Rio de Janeiro. Reserve ingresso e saiba mais

.

Sábado 6 de novembro – a partir das 15h30 … Eu, Tu, Eles, Nozes & Vozes 2021 – ano 12, 11º edição. Atividade, organizada pelo Cena Norte Fórum de Cultura, oferece música, dança, teatro e poesia, em esquetes e apresentações curtas, de grupos, bandas e solos, com artistas de vários estilos e gerações.

O evento é gratuito, faz parte do projeto ‘Estéticas das Periferias’ e acontece na Casa de Cultura Vila Guilherme (o Casarão), à praça Oscar da Silva, 110 (show presencial, com limitação de público e respeito aos protocolos de saúde)

Confira a programação:

15h30 >>> Eduardo Mafalda – música e dança
15h45 >>> Guiomar Araújo – poesia e música
16h >>> VOPO/Vozes Poéticas – poesia performática
16h15 >>> Emmy/Cultura dos Tambores – hip hop
16h30 >>> José Luiz – mpb
16h45 >>> Arnaldo Afonso – sarau e o escambau
17h >>> Sarau dos Poetas do Tietê

.

Sexta – 5 de novembro – 19h … Zulu de Arrebatá, cantor e compositor oriundo do MPA, Movimento Popular de Arte, de São Miguel, apresenta músicas de seu ep ‘Cena de Cinema’ em show presencial na Casa de Cultura Tremembé, à rua Maria Amália Lopes Azevedo, 190. Espetáculo tem participação de Cesar Fontes e Arnaldo Afonso (este blogueiro). Eu ia lá só pra assistir, mas o Zulu, sempre generoso, acabou me convidando pra cantar. Obrigado, cabra bão…

>>> No link, veja como foi o show de Zulu na Casa de Cultura Raul Seixas. No vídeo abaixo, a live gravada em maio de 2021 com músicas do seu primeiro disco, ‘Amor Urbano’ e do ep ‘Cena de Cinema’:

.

.

.

AS LIVES DO BEL-PRAZER – Arnaldo Afonso canta e conta Belchior >>> O cantor e compositor Arnaldo Afonso (este blogueiro) realizará duas lives interpretando as incríveis canções poéticas e filosóficas de Belchior e contando algumas histórias sobre ele. A primeira será na terça-feira, dia 9 de novembro, às 20h, com transmissão pelo Instagram.

Além das informações sobre a carreira e a vida do bardo cearense, vão entrar as seguintes canções de Bel:
1… Como o Diabo Gosta
2… Sujeito de Sorte (com trecho do rap do Emicida)
3… Alucinação
4… Não Leve Flores
5… Comentário a Respeito de John
6… Tudo Outra Vez
7… Fotografia 3×4
8… Divina Comédia Humana
9… Coração Selvagem
10.. Na Hora do Almoço
11.. A Palo Seco (com trecho de poema de João Cabral)
12.. Antes do Fim
.
PS >>> Já tô até ensaiando músicas que não estão na lista. Eu não vejo a hora de fazer essa liveeeeeeeee! (eu amo Bel ❤ )
.
Quem quiser (e puder) contribuir com as lives e várias outras atividades do artista, deposite em nome de:
Arnaldo Augusto Afonso – Banco Bradesco – agência 764 – Conta 1054-5
Ou, pelo PIX: arnaldo.aafonso@gmail.com

.

Terça – 9 de novembro – 20h … Lives do Bel-Prazer volume 1 e volume 2 teriam, claro, a participação da minha parceira de tantos trabalhos, a cantora e atriz Rosa Freitas (falecida precocemente em outubro). Além de produzir o cenário e me dirigir em cena, Rosa faria a voz solo em  ‘Paralelas’, ‘Como Nossos Pais’ e ‘Velha Roupa Colorida’, entre outros vocais auxiliares junto comigo. Essas lives serão dedicadas a ela, a quem agradeço pelo convívio amoroso e feliz, e por tanto talento e dedicação.

Os cartazes de divulgação (layoutados por Arnaldo) foram ilustrados com alguns dos versos pontiagudos de Belchior que em plena ditadura cantou, inconformado com o autoritarismo dos militares, ‘eu quero é que esse canto torto feito faca corte a carne de vocês’. Saiba mais sobre o evento

.

COMO FOI >>> SARAU DA MARIA >>> Sábado passado rolou a 42a edição do Sarau da Maria. Teve a ‘Feirinha de Livros’ virtual, promovida por 6 editoras, e a apresentação de músicos e escritores como: João Caetano e Claudemir Darkney dos Santos (pela Lavra), Vlado Lima (pela Sopa de Letrinhas), Claudinei Vieira e Marlene Araujo (pela Desconcertos), Esther Alcântara (pela Carpe Librum), Marcelo Nocelli e Pollyana Sousa (pela Reformatório), Luka Magalhães e Fernandes Oliveira (pela Archangelus), Ricardo Kelmer, Kleber Albuquerque, O Zi Stafuzza e Cris Pini, Ligia Regina e Eder Lima, além de uma singela homenagem dos artistas do sarau à querida Rosa Freitas (do momento 1:12 até 1:29) através de vídeos de Luka Magalhães e Cicío Bonneges. Claro que eu chorei pra caramba só de falar nela (que saudade, querida!). Veja como foi 

.

TV DA MARIA >>> Pra quem não sabe, no YouTube tem um canal com um montão de vídeos de diversas apresentações acontecidas no saraus e shows organizados pelo coletivo Sarau da Maria ao longo de seus 8 anos de atividades. As filmagens foram feitas pela querida Selma Bizon.  Entre lá e confira

.

MARIGHELLA >>> Estreia nos cinemas nesta quinta-feira, 4 de novembro, o aguardado filme de Wagner Moura. Rodado e finalizado em 2018, passou por muitos entraves até ser liberado em terras verde-amarelas. ‘Sofremos censura, mesmo’, diz Wagner. ‘Marighella’ já rodou em diversos festivais internacionais, sendo aclamado pela crítica especializada. Na estreia mundial do filme, no Festival de Berlim, em fevereiro de 2019, o público aplaudiu de pé. No Brasil fascista de Bolsonaro, inventaram todo o tipo de dificuldade burocrática para não liberá-lo. Eles odeiam artistas, educadores e todo o tipo de gente que pensa e faz pensar. Esse terrível retrocesso no campo da política atingiu em cheio a cultura e se estendeu à nossa ciência e educação, prejudicando (mais do que artistas e cientistas) o povo e a imagem do país.  Infelizmente, até as próximas eleições, os burros continuarão no poder. Mas, vamos tirá-los de lá e punir seus crimes.

.

>>> WAGNER MOURA >>> E por falar nele, gostei muito de sua entrevista ao Roda-Viva, programa da tevê Cultura que nunca mais assisti porque já me irritei demais com sua descarada parcialidade tucana travestida de ‘isenção jornalística’ (ou em ‘combate à polarização’ quando lhes convém puxar a brasa pra sardinha da ‘terceira via’). Dessa vez, ao trocar os canais, dei a sorte de ouvir uma fala certeira do Wagner, que me prendeu até o fim da entrevista. Adorei quando ele disse que não ia responder a nada nem a ninguém desse (des)governo vigente porque eles não merecem resposta. E quando disse que não era valentão e que sentia medo da violência dos extremistas, sim, mas que a omissão e a covardia não fazem parte do seu ser. Percebi que ele estava saudavelmente ‘mordido’ e veio pra arena disposto a vencer o  confronto. E brilhou: grande artista, o Wagner Moura. Além de ótimo ator, é inquieto e visionário, emocional e reflexivo, humanista, politizado, de esquerda: seu discurso deu uma lavada na minha alma doída. Enfim, alguém, pra dizer alto e bom som na tevê aberta, umas tantas verdades óbvias sobre esse pobre lugar que se perdeu da democracia e das relações afetivas e amorosas chamado Brasil. Até a apresentadora teve que ficar bem quietinha… Porque o Wagner foi preciso e contundente, dando nome aos bois desse gado descerebrado que ganhou força nas manifestações de 2013, dominou a grande mídia nos preparativos do golpe de 2016 e chegou ao poder em 2018: chamou os fascistas de fascistas. E de burros. E é o que eles são, né? Elementar, meu caro Wagner… Mas só você veio a público dizer isso com todas as letras. Este blog lhe aplaude e agradece.

.

>>> WAGNER NA TVT >>> Juca Kfouri entrevista o ator e cineasta às 21h30. Acesse o canal 44, da tevê aberta, e sintonize a TVT, a tevê dos Trabalhadores (ou pelo YouTube). Se você ainda não conhece o canal, aproveite. Você vai se deliciar com uma programação jornalística alternativa onde o fascismo que nos assola é combatido diariamente.

.

REPRISE: MEU TEXTO DE 4 DE MARÇO DE 2019 >>> Com tantos problemas no País, o ‘coiso’ que o dirige resolveu dar uma de crítico de cinema e soltou um vídeo onde critica o filme de Wagner Moura (exibido no festival de Berlim) e acusa Marighella de ser um ‘assassino’. Não sei se o filme é bom ou ruim, nem sou especialista na sétima arte. O que sei é que Marighella foi eleito deputado pelo Partido Comunista em 1946 e logo depois teve seu legítimo mandato popular cassado (porque os golpistas de sempre colocaram seu partido na ilegalidade, novamente). Alguns anos depois, os militares brasileiros deram outro golpe na democracia, fecharam o Congresso, perseguiram, torturaram e mataram milhares de brasileiros de todas as profissões. Muitos resistiram a essa barbárie e seguiram batalhando por liberdade e democracia. Equivocadamente ou não, alguns optaram por enfrentar a tirania do exército opressor com as mesmas armas do inimigo. Marighella foi um desses brasileiros (e deu sua vida por isso). Portanto, a verdade é que o atual presidente está defendendo ditadores assassinos e condenando um heroi da resistência popular. Está tentando reescrever a história inocentando militares golpistas e torturadores sanguinários que até hoje permanecem impunes. Marighella, que foi assassinado e é chamado de terrorista, só partiu para a guerrilha e a luta armada depois que a ditadura militar ceifou as liberdades democráticas e impôs o terror ao País. Marighella tentou combater com armas um Estado ilegal e ilegítimo. Foi dentro desse ninho verde-oliva, manchado pelo sangue de herois brasileiros, que Bolsonaro cresceu e fez sua ‘carreira’ militar. Não é surpresa que defenda assassinos e torturadores. Na terça, elogiou o ex-ditador paraguaio, Alfredo Stroessner, golpista que se manteve 35 anos no poder após implantar um permanente estado de sítio (na sua lista de crimes constam 18 mil torturados e 400 mortos e/ou desaparecidos). ‘Jente’ como Stroessner são os ‘pais intelectuais’ de Bolsonaro (em seu discurso, ele ainda ‘inventou’ que o ditador Castello Branco foi ‘eleito’ em 1964: será que ele pensa que somos idiotas? que, por ter sido escolhido nas urnas ele pode falar a besteira que quiser?). Como a nação brasileira permitiu que esse antidemocrata disputasse uma eleição presidencial? Por que não impugnamos sua candidatura? Até quando as instituições e os movimentos organizados vão suportar as barbaridades que ele diz e que seu governo faz (ou tenta fazer)? A democracia brasileira corre perigo, sim. De novo.

.

CCN NOTÍCIAS >>> Há um ano entrou no ar o site de notícias de que eu, Arnaldo Afonso, participo como colunista e colaborador eventual. Voltado principalmente para a Zona Norte, o Coletivo de Comunicação Norte Notícias, ou CCN Notícias, foi lançado oficialmente através de uma live no dia 3 de novembro de 2020. Um ano depois, republico os princípios que ainda o norteiam:
“O Coletivo de Comunicação Norte Notícias é a empresa responsável pela edição e publicação do CCN Notícias, um site que veio para informar, formar e prestar serviços, sobretudo, ao morador da Zona Norte de São Paulo, principal alvo da cobertura.
O CCN Notícias, como é chamado, defende a democracia e a defesa de uma sociedade mais justa e menos desigual.
O CCN Notícias acredita na liberdade de expressão, que outro mundo é possível e fará todos os esforços para compartilhar esses ideais com o leitor.
Sua diretoria e a equipe de colaboradores são compostas por jornalistas, professores, artistas, produtores culturais, cientistas sociais e advogados”
Entre lá, dê uma olhada geral e compartilhe. Divulgue mais essa iniciativa em prol de um jornalismo progressista, antifascista e em defesa da democracia.

.

… … …

NOVIDADES DA SEMANA

… … …

NECRÓPOLIS >>> Em um cemitério, um coveiro anônimo filosofa sobre a vida e a morte em meio à pandemia. Texto de Luís Eduardo de Sousa. Adaptação, direção, trilha-sonora, figurino e atuação de Dionisio Neto. Iluminação e operação de luz e som de Roberto Herreira Bueno. Produção da Companhia Satélite. Na sequência, um poema de Luís e a chamada para uma entrevista de Dionisio

.

ESTOU REZANDO PARA O METEORO
(Luís Eduardo de Sousa)

para vir veloz e devastador
para destruir toda a hipocrisia

mas esse ano não
talvez na metade do ano que vem

estou rezando para o meteoro

para provocar o terremoto
e engolir tudo

mas esse ano não
só daqui dois anos

estou rezando para o meteoro
e para os chineses
não mandarem foguetes para o espaço
e nem para mudar a sua rota

estou rezando para o meteoro
entrar na anomalia do pacífico sul
e acabar com tudo mais rápido

ah, deus
estou rezando para o meteoro

pare de enrolar na sinuca
e encaçape de uma vez por todas
a bola azul.

.

Quinta – 4 de novembro – 16h15 … Entrevista com Dionisio Neto sobre os 26 anos da Cia Satélite

.

Sexta – 5 de novembro – 23h … Saco de Ratos se apresenta no The Wall. Ótima banda de rock e blues é formada por Mário Bortolotto (vocal), Fabio Brum (guitarra), Fabio Pagotto (baixo) e Rick Vechione (bateria). Ingressos a R$20. Reservas pelo zap: 11 99981-5789

Sexta – 5 de novembro – 19h30 … Sempre na primeira sexta-feira do mês acontece o Sextas Literárias, live que promove ‘diálogos entre literatura, filosofia e clínica’. Nesta edição, com Oswhaldo Rosa, autor do livro ‘Ilha de Mar Nenhum’.

Sábado – 6 de novembro – 17h … Lançamento do livro ‘Do Sigiloso’, em que Anelito de Oliveira reúne cinco interlocuções críticas com a poesia de João Evangelista Rodrigues, mineiro nascido na cidade de Arcos em 1948 e que teve notável atuação como jornalista, escritor, letrista, fotógrafo, professor, pesquisador, sindicalista e gestor. Em pré-venda, nas plataformas Submarino e Mercado Livre. Live no Canal Revista Sphera, no YouTube

AUDIOBOOK >>> ‘Caixa de Guardar Segredos de Família’, de Viviane Ferreira Santiago, já está disponível no YouTube. Com narração de Sabrina Carvalho e descrição das ilustrações por Yara Camillo

FULINAÍMA TUPINIQUIM >>> É o programa que o multiartista Artur Gomes apresentará semanalmente na Rádio Goitacá a partir de 6 de novembro, com uma hora de ‘overdose poética, musical e muita informação sobre a cena cultural independente país afora’

.

>>> ARTUR GOMES – 2 >>> Poeta e produtor cultural informa que Festival Cine Vídeo de Poesia Falada está aberto para poetas e intérpretes: envie seu videopoema pelo e-mail portalfulinaima@gmail.com ou pelo zap (22)99815-1268. Festival é realizado desde dezembro de 2020 e está sendo exibido na página Studio Fulinaíma Produção Audiovisual

Sábado 6 de novembro 19h … Um canto para resistir é a live do cordelista e produtor cultural Cacá Lopes (do sarau Bodega do Brasil), em sua página no Facebook

ALMODÓVAR >>> ‘A Voz Humana’, com Tilda Swinton, é o novo curta de Pedro Almodóvar que chegou ao streaming. Clique no vídeo e saiba mais

Sábado – 6 de novembro – 19h … 73° Sarau dos Conversadores. Evento organizado pela dupla Cacá Mendes e Edson Tobinaga realiza edição especial sobre o escritor João Antônio. Com palco aberto: para participar, acesse o link da plataforma Zoom meia hora antes do evento (se for apenas assistir, acompanhe pelo YouTube)

Quinta – 4 de novembro – a partir das 20h … Cantor e compositor Elio Camalle se apresenta no Ecla, à rua Abolição, 244

I JORNADA INTERNACIONAL DE POESIA VISUAL: PESQUISA E CRIAÇÃO >>> Evento online acontece de 8 a 12 de novembro. Organizado pelo Centro de Referência Haroldo de Campos (da Casa das Rosas), a USP e a UNESP, contará com alguns dos mais importantes poetas e pesquisadores em mesas de debates ou depoimentos em vídeo. Se inscreva para acompanhar

Sábado e domingo – 6 e 7 de novembro – 20h … ‘Vermelho – A terra só está pedindo silêncio’. Tendo como pano de fundo a pandemia da covid, peça propõe ‘debate sobre a solidão frente a um cotidiano multifacetado, que torna os personagens tensos e ameaçadores’. Dramaturgia de Sérgio Pires e direção de Flávio Marin, com Andressa Ferreira, Daniel Gregório, Diogo Guedes e Rosana Ribeiro. Também em novembro nos dias 13 e 14. Exibições online gratuitas pelo canal da Cia Teatro Endoscopia no YouTube

Sexta – 5 de novembro – 20h … No aniversário de 63 anos da companhia, o Teatro Oficina reabre suas portas para 5 sessões presenciais de ‘Paranoia’, espetáculo concebido por Marcelo Drummond a partir do livro de Roberto Piva (apresentações também nos dias 7 e 9 de novembro). Ingressos no link. Para público presencial limitado, com exigência de cartão de vacinação e uso de máscara

DANÇA E INCLUSÃO >>> Nesta quinta, 4 de novembro, às 15h, acontece a conversa de Igor Augustho com Marcos Abranches e Henrique Amoedo na Las Vivas – Plataforma Iberoamericana de Danza

.

>>> DANÇA – 2 >>> De 3 a 14 de novembro acontece a mostra ‘Dança agora: movendo tempos e trajetórias’ com a apresentação de diversos espetáculos de dança e bate-papos ao vivo com artistas da área. Reserve seus ingressos

OS SETE PECADOS CAPITAIS >>> O Theatro São Pedro apresenta a ópera de Kurt Weill nos dias 5, 6, 7, 10, 11, 12, 13 e 14 de novembro, de quarta a sábado às 20h, domingo às 17h (e mais o ensaio geral aberto ao público no dia 4 de novembro). A direção musical é de Ira Levin e a direção cênica de Alexandre Dal Farra

UM MUNDO EM NÓS >>> Já está nas plataformas digitais o cd que reúne canções com letras de Léo Nogueira. Produzido por Leonardo Costa e Augusto Teixeira (que canta), tem participação de artistas como Kleber Albuquerque, Zeca Baleiro, Chico Salem, Renata Pizi, Estela Lilian e Álvaro Cueva Moraes, com arte de Elifas Andreatto

SÁBADOS, às 14h >>> PODCAST >>> ‘História de Lenços e Ventos‘, maravilhosa peça de Ilo Krugli, do Teatro Ventoforte (que assisti com minha filha, quando ela era pequena) tem agora uma montagem em podcast, feita pelos artistas da Casa Realejo de Teatro, que será apresentada durante 5 sábados, às 14h, nas redes sociais do Sesc Bom Retiro, a partir de 16 de outubro. Minha querida amiga, a grande poeta Beth Brait Alvim, participou da adaptação do texto e também atua como atriz. Inscreva-se.

Terça – 9 de novembro – 19h30 … Seminário sobre composição com o músico Tato Fischer. Evento no Zoom

.

.

… … …

5 LANÇAMENTOS

… … …

SEMANA DE 1922 >>> Teve lançamento online o livro ‘Mosaico de 22: múltiplas visões de uma semana que não acabou”, organizado por Jeosafá F. Gonçalves, publicação comemorativa aos 100 anos da Semana de Arte Moderna de 1922 (a serem completados em fevereiro). Com textos de Marcos Silva, Cacá Mendes, Edson Tobinaga e do próprio organizador, entre outros. Clique para adquirir o e-book e o livro físico

PEQUENOS POEMAS VIÚVOS >>> Celso Borges, poeta, jornalista e letrista (parceiro de Zeca Baleiro e Chico César, entre outros) tem 11 livros publicados, desenvolve projetos de poesia no palco desde 2005 e em 2020 publicou ‘Pequenos Poemas Viúvos’, com 90 poemas curtos, pela Olho D’água Edições

SEOL >>> Editora Lavra promoveu live de lançamento do livro de poemas de Carlos Moreira. Trata-se de uma ‘obra visceral, criada em meio ao horror do tempo fascista que vivemos, mas que traz consigo a luta e a resistência’. Livro tem 160 páginas, custa R$35 e já está à venda no site da editora

DE RUA >>> Livro de contos de Plínio Camillo e Júlio Dias traz histórias, personagens, visões e revisões de um universo de educadores de rua, em edição revisada e ampliada. Disponível para pré-venda

FIO DA LÍNGUA >>> Dinovaldo Gilioli (poemas) e Linda Evangelista (bordados) produziram um lindo objeto artístico. ‘Fio da Língua’ é enviado pelo correio para qualquer parte do país a quem fizer um pix (48 99670-4844) de R$50 e enviar o comprovante e endereço

.

.

… … …

AGENDÃO

… … …

Em minha página no Facebook, posto regularmente esses e outros eventos culturais da seara alternativa (leia e compartilhe; fortaleça a cena dos artistas independentes):

REVISTA DA QUEBRADA >>> Saiu o 13° número da revista, editada por Joad Lima, que promove a cultura e a informação ‘Da Quebrada’. No link tem também as edições anteriores

BRASIL POR DENTRO >>> Todos os domingosàs 17h, programa de Socorro Lira promove um encontro com grandes artistas no canal do PGM no YouTube

SONS DE VILA >>> Música, poesia, performances, artes plásticas, moda, djs e gastronomia. Às sextas-feiras, às 18h. Evento gratuito, a céu aberto. Nesta edição, com Dam Alvez. No CC Vila Formosa, à Avenida Renata, 163

MARACATU DE CABEÇA >>> O poeta e letrista maranhense Celso Borges, o compositor pernambucano Assis Medeiros e o poeta e artista visual paulistano Daniel Minchoni estão juntos na produção deste vídeo que é um ‘manifesto antifascista contra o atual estado brasileiro, de índole autoritária’. Poema e interpretação são de Borges; trilha, mixagem e masterização, de Medeiros; vídeo, de Minchoni

Terça – 9 de novembro – 19h … A Fim de Poesia, programa de bate-papo e declamações apresentado por Noelia Ribeiro (no Instagram)

OCUPA MINAS >>> Exposição multimídia, em Poços de Caldas, homenageia 10 escritoras mineiras contemporâneas (Nívea Sabino, Stella Maris Rezende, Marina Carvalho, Madu Costa, Lorena Otero, Daniela Arbex, Conceição Evaristo, Cidinha da Silva, Ana Maria Gonçalves e Adriane Garcia). Mostra idealizada pela produtora cultural Leila Vilhena, com curadoria de Jéssica Balbino, traz podcasts sobre a vida e obra das autoras e lindos cartazes feitos por dez ilustradoras de várias regiões brasileiras (os visitantes ganharão cópias deles). A exposição está na Biblioteca Centenário (Complexo Cultural da Urca), e pode ser visitada das 8h às 17h (e acessada pelo site www.ocupaminas.com)

FOTOGRAFIA EM DIÁLOGO >>> Eventos online acontecem até 8 de dezembro. Confira toda a programação

NO QUASE CLARO CÉU >>> Chegou às plataformas digitais o cd lançado em 2009 pela dupla Rene de França & Zé Terra (do trio Freu à Deriva, com Marcelo Mazzucatto). O disco tem várias participações e parcerias. Confira aqui o clipe da canção-título. Deles, ouça também o álbum gravado em 2002, Por Cima da Carne Seca

TENSÃO, TESÃO E CRIAÇÃO 2021 >>> 1º episódio da série já está no ar. Com direção geral de João Henrique Vieira e muitas participações, espetáculo é dedicado ao poeta Carvalho Junior (in memoriam)

POÉTICOS ENCONTROS >>> Em 10 episódios, primeira temporada do podcast conversou com poetas de nacionalidades diferentes e produções artísticas diversas. São encontros que reforçam a potencialidade da arte voltada para o bem comum. No canal do Instituto Casa Comum (no spotifybrasil) e no site

LÍRIA PORTO >>> Quarta edição da revista de literatura e ideias Vida Secreta comemora os 76 anos da poeta mineira. Participam Adelaide do Julinho, Nic Cardeal, Chris Herrmann, Adri Aleixo, Adriane Garcia, Adrienne Myrtes, Deborah Dornellas e Sergio de Castro Pinto, entre outros. Confira

DJAMI SEZOSTRE >>> Após morar por quase quatro anos em São Paulo e Curitiba, poeta mineiro retorna a Belo Horizonte. Seu próximo livro será lançado pela Editora Patuá

JANAINA SANT’ANA >>> Por sugestão de Celso de Alencar, numa live do Canal do Poetariado, a atriz produziu vídeo onde interpreta 3 poemas de Renata Pallottini, escritora, dramaturga e professora falecida recentemente. Janaina Sant’Ana já foi premiada por sua brilhante montagem ‘Juliana, do rancor‘, baseada na personagem de ‘O Primo Basílio’, livro de Eça de Queiros

SILVANA GUIMARÃES >>> ‘O corpo inútil’ (no prelo) é o primeiro livro de poesia da escritora mineira (você pode ler seus textos e saber um pouco dela em sua página no Facebook). Nesse link, da Revista Acrobata, tem seis de seus poemas

REVISTA ACROBATA >>> Editada por Demetrios Galvão e Aristides Oliveira, com apoio dos colaboradores Floriano Martins (editor de outra revista de cultura, a Agulha), Dante Galvão, Monyse DamascenoAnna Apolinário e Paola Marugan, entre outros, a revista oferece poemas, artigos, contos e entrevistas com cineastas, escritores e músicos

ZOOM ZOOM ZOOM… É POESIA! >>> Programa do multiartista Claudio Laureatti, que acontece desde agosto de 2020, é uma vitrine de poetas e suas tendências, convidando também artistas de circo, contadores de histórias, músicos e atores. Na edição mais recente, com Aroldo Pereira, do Psiu Poético

OCUPAÇÃO PAULO FREIRE >>> Exposição no Itaú Cultural conta a história do educador Paulo Freire. Em tempos nazi-negacionistas, é fundamental disseminar um pouco das ideias e do projeto humanista desse grande brasileiro que, em toda a sua vida, defendeu conceitos como pluralidade, transcendência, diálogo, humildade, trabalho e amor. A ‘Ocupação’ convida o público a conhecer e reinventar a prática desse professor que nos orienta a redescobrir as palavras para reescrever um mundo melhor. Até 5 de dezembro. Saiba mais

ÀS SEGUNDAS – 19h >>> Live do programa Geringonça promove interessantes debates semanais sobre questões contemporâneas: cultura, política e saúde. Fique ligado no canal e para assistir e participar: Coletivo Resistência/CCD-LL no Youtube

TOMA AÍ UM POEMA >>> Projeto com declamação de poesia realizado por Andreia Moema e Jéssica Iancoski no YouTube. Confira a edição com participação de Alexandre Paulino

ÀS SEXTAS – 20h … Programa Papo Rock, com Arnaldo Marques. Clique no link da web rádio CDR. Também na segunda-feira, às 23h (saiba mais aqui

34ª BIENAL ‘FAZ ESCURO MAS EU CANTO’ – Com título que homenageia o grande poeta Thiago de Mello, a exposição acontece até 5 de dezembro, no Parque do Ibirapuera, com entrada franca. Terça, quarta, sexta e domingo, das 10h às 19h. Às quintas e sábados, das 10h às 21h. Acesso mediante apresentação de comprovante de vacinação contra Covid-19. Saiba mais

ÀS TERÇAS – 17h >>> Programa ‘Diário Negro’, de Anelito Oliveira, recebe artistas e pensadores para conversas sobre racismo, diversidade e outras questões contemporâneas. Acompanhe o canal de Anelito no YouTube

THIAGO MALAKAI >>> Artista lançou clipe falando sobre o ego e o término de relacionamentos na vida do homem preto de periferia. Se inscreva em seu canal no YouTube

ÀS QUARTAS – 22h15 … Programa Toca do Autor na Rádio Brasil Atual, pelo 98,9 FM ou pela internet. Apresentação de Alexandre Tarica e Regina Cell

POESIA EXPERIMENTAL PORTUGUESA >>> Até 14 de novembro acontece a exposição que traz cerca de 80 trabalhos de 18 artistas portugueses, perpassando seis décadas de produção poética em variados formatos e suportes: impressões, pinturas, caligrafias, fotografias, objetos, áudios e vídeos. No CCSP – Centro Cultural São Paulo. Saiba mais

ESTUÁRIO DE INCOMPLETUDES >>> Antônio Cunha lança livro de poemas sobre ‘a vida que finda incompleta, como um personagem que passa na rua até não passar mais’. Com prefácio de Celso de Alencar e orelha de Viegas Fernandes da Costa, está disponível para pré-venda na Kotter EditorialAtor, dramaturgo, diretor e poeta, Antônio Cunha é membro do Grupo Armação e presidente da Academia Catarinense de Letras e Artes – ACLA. Acompanhe os vídeos que ele posta em seu canal, no YouTube, na série “Do InVerso a Toda Prosa”. Tem um de autoria de Arnaldo Afonso: ‘Presença

TOM KBÉLO >>> Tom é um guerreiro na divulgação dos eventos de produtores culturais, músicos e poetas do circuito alternativo. A Tom-K Produções Culturais tem promovido entrevistas e shows com artistas de várias regiões do país. Lá, este blogueiro e cantor  apresentou live autoral

>>> ÀS SEGUNDAS – 19h >>> Ouça o Propagassom Tom-K, na rádio Expedição CoMMúsica. Apresentado por Tom Kbélo, programa tem reprise aos sábados, às 15h (no link)

COMMÚSICA >>> Criado por Dênio Patrik, Grívan Narvìg e Elizabeth Del Nero, site recebe inscrições para mapear o cenário de bandas e artistas independentes, promovendo a divulgação de seus trabalhos, suas redes sociais e fortalecendo as conexões entre eles. O mapa virtual da Expedição CoMMúsica tem geolocalização e representação por fotos de satélite. Canal objetiva a interação entre artistas periféricos e independentes, democratizando o acesso à música e buscando novos recursos digitais que aproximem a arte do público, garantindo a sobrevivência dos artistas’. Saiba mais

>>> ÀS SEXTAS – 19h >>> Sons da Resistência, programa apresentado por Elizabeth del Nero, mistura revelações a artistas consagrados. Pela Expedição CoMMúsica

.

.

… … …

MAIS 10 LIVROS 

… … … 

Livro falado alado pesado prensado musicado. Livre leve levado achado roubado perdido. Livro livre lindo relido. Livro é bicho vivo. Eis aqui mais uma lista de livros de autores do circuito alternativo. O blog sempre dá alguns registros (não necessariamente de lançamentos). Confira:

HEROÍNAS NEGRAS BRASILEIRAS – de Jarid Arraes >>> Coletânea resgata – e celebra – a memória de quinze mulheres negras que marcaram nossa história, em formato de cordel

RISCA FACA >>> Novo livro do poeta Ademir Assunção. Adquira com preço promocional e dedicatória do autor pelo site da Demônio Negro

CARLA ANDRADE >>> Já está disponível para pré-venda o livro ‘Ando caindo cada vez mais leve‘, da poeta mineira Carla Andrade que já lançou ‘Voltagem’, ‘Artesanato de Perguntas’ e ‘Conjugação de Pingos de Chuva’ (já falei dela no blog). Clique e reserve seu exemplar

CACÁ MENDES >>> Manifesto do Fim do Mundo é o livro de poemas lançado pelo multiartista da dupla Os Conversadores. Pela Desconcertos Editora (adquira aqui)

XILOGRAVURA DE PÁSSAROS >>> Lançamento póstumo do livro de Carvalho Junior, talentoso poeta (falecido em 30 de março passado). Editado por José Couto, tem prefácio de Claudio Daniel e posfácio de Antonio Aílton, além de textos de apresentação por Maya Falks, Dalila Teles Veras e Ricardo Leão. Capa e ilustrações de Tita do Rêgo. Pela Penalux (adquira aqui)

O LIVRO DO TOM >>> Já está disponível para pré-venda o livro Anjos Bailam, do poeta e ativista cultural Tom Kbélo, pela Carpe Librum Editora, com bela capa de Amanda Barros Velloso e preço promocional de R$30 (com frete grátis para todo o Brasil). Para adquirir, acesse o link

EDMAR SILVA >>>São Paulo em Preto e Branco‘ é o livro de poesia visual em que o multiartista Edmar Silva apresenta artes produzidas desde 2018, formando um pequeno manual que retrata a cidade de SP. Com capa de Rauni Vilasboas, o pdf do livro pode ser baixado gratuitamente

A TAL ROSA >>> Já está disponível (em pré-venda) o livro de poemas da cantora e compositora Grazi Nervegna pela Carpe Librum Editora. Com prefácio de Fernanda de Paula e capa e ilustrações de Amanda Barros Velloso. Saiba mais

VESTÍGIOS‘ >>> Bandeirola lança a segunda edição do thriller político ‘Vestígios – Mortes Nem Um Pouco Naturais‘, de Sandra Abrano. O bairro de Vila Maria é o palco dessa história de suspense que começa em 1976 e vai até os anos 2000 (na nova edição, há páginas brancas, cinzas e negras, se alternando ao longo do tempo). Adquira o livro aqui

MÁRCIA BARBIERI >>> Os três romances da ‘Trilogia do Corpo’, lançados pela premiada escritora Márcia Barbieri, estão disponíveis na Reformatório: A Puta (175 páginas), ‘O Enterro do Lobo Branco’ (192 páginas – finalista do Prêmio São Paulo de Literatura 2018) e ‘A Casa das Aranhas’ (216 páginas – semifinalista do Prêmio Oceanos 2020). Acesse saiba mais

.

.
… … …

NALDOS NEW’S

… … …

E ESTE BLOG, HEIN? >>> Divulguei aqui que pretendo reavaliar o papel desse blog e sua continuidade ou não em 2022. Diante de algumas dúvidas e das muitas mensagens de amigos (a quem agradeço as palavras gentis e incentivadoras), esclareço: como o blog aniversaria dia 14 de dezembro, devo fazer a última postagem do ano no dia 10, comemorando os 6 anos de atividades. Depois disso, dou uma parada por cerca de dois meses (até meados de fevereiro). Mas volto em 2022 nem que seja só pra anunciar o fim ou um novo jeito de continuar com o blog. Ok?

ARNALDO AFONSO TEM CANAL NO YOUTUBE >>> Após postar no YouTube minhas canções Além da Lenda (em parceira com Conrado Pera), Chama de Amor e Tom Jobim no Telhado, me dei conta de que estou com dois canais lá (canal um e canal dois), além das várias postagens espalhadas pelas páginas dos saraus de que participei (é só pesquisar pelo meu nome que elas vêm – ouça ‘Barbárie Moderna‘, ‘Eu e a minha solidão‘, ‘Lágrima no Asfalto‘, ‘Coração Jazz‘, A Sereia EncantadaParaísos Cotidianos (Paraisópolis)A Música e Eu‘, ‘Vida Gozada‘ e a minha recente parceria com o poeta Vlado Lima, Os Desperdiçados do Mundo).

O blog também está no YouTube e tem projetos de transmissão de programas e lives para 2022: já entra lá e se inscreva no ‘nosso’ canal

AS LIVES DE ARNALDO AFONSO >>> Este blogueiro, poeta e cantor, informa aos interessados que, além do show com canções de Belchior, tem mais quatro espetáculos prontinhos da Silva para apresentações presenciais nas Casas de Cultura, Ceus, Bibliotecas e Sescs após a pandemia e que foram adaptados para o formato de lives (que já realizei no Face, Insta e Youtube – contatos por inbox). São eles:

1 – Arnaldo Afonso Canta e Conta Cartola >>> No show, são interpretadas cerca de 20 canções do grande compositor entremeadas por curiosidades sobre sua vida e obra. Além das Casas de Cultura, o espetáculo foi apresentado recentemente no Festival Satyrianas

2 – Rocks, Pops & uns Toques de Poesia >>> Arnaldo Afonso canta repertório autoral e fala de seus parceiros e dos artistas que o influenciaram. Versão online de shows presenciais realizados no palco dos Parlapatões, no Bar do Frango, no Eclipse, no Centro Cultural Charada e na Tom-K Produções

3 – Embebedai-vos! >>> Live de bate-papo e confraternização, entre goles de caipirinha, onde leio as mensagens dos internautas e canto clássicos do cancioneiro nacional (da mpb ao brega)

ATENÇÃO!!! >>> A live Embebedai-vos! é recomendável apenas para os ‘fortes’: a primeira da série durou quase 4 horas, com mais de 40 canções bebidas e duas jarras de caipirinha interpretadas (ou coisa parecida – veja como foi). Você güeeeenta?


4 – Lives Caetanas >>> Série teve 6 edições (a primeira teve mais de 1.500 visualizações, mais de 700 comments e cerca de 150 compartilhamentos). Aqui, uma delas

.

.

… … …

TRÊS ANOS E MEIO DE
VERGONHOSA IMPUNIDADE

… … …

MARIELLE >>> No dia 14 de março de 2018 a vereadora Marielle Franco, aos 37 anos, foi assassinada no bairro da Lapa, no Rio. Ela era relatora da Comissão dos Direitos Humanos que acompanhava a intervenção militar no RJ. Havia feito denúncia contra abusos policiais e após voltar de um evento com jovens negras, foi baleada. Anderson Gomes, motorista do carro em que ela estava, também foi executado. Desde então, protestos contra o bárbaro crime se repetem em várias cidades brasileiras. Marielle lutava por justiça, inclusão e igualdade de direitos. Defendia as causas que todos nós, artistas e coletivos dos saraus, também defendemos. Três anos depois, este blog continua aguardando o esclarecimento do caso e a punição dos assassinos e mandantes. As balas que a mataram atingem a todos nós. Não podemos nos calar. Até quando vou ficar semanalmente repetindo esse texto aqui? Será que vai ficar por isso mesmo? Por que a resposta não vem? Quem matou (e quem mandou matar) Marielle?

… … …

Fique ligado em minha página no Facebook, onde divulgo as lives e textos deste blog, além de outras inserções. E, anote: toda sexta-feira (às vezes, quinta) tem post novo. Até lá!

… … …