Sarau, luau e o escambau

Sarau, luau e o escambau

Produção artística que vive à margem da indústria cultural

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A ARTE QUE INDEPENDE

Tem Arnaldo Afonso (eu) e o Chero da Poesia no Show da Maria, tem o sarau Transformadoria, o livro do Pedro Tostes e a Focus, com nova coreografia

Semana agitada de muito trabalho, textos e ensaios para mim. Com muito prazer, estarei tocando sábado no Show da Maria e domingo no Transformadoria. Finalmente cedi aos convites da tchurma da Maria e topei fazer um ‘show’. Será ‘simplicito, pero cumplidor’: voz, violão, histórias, presença de amigos e canções afetivas. Obrigado pela força, Deise, Helen,

Por Arnaldo Afonso

13/09/2018, 13h58

A ARTE QUE INDEPENDE

A Mostra Perifatividade, o livro de Aline Bei, o show do Som da Estrada e os clipes de Galba e Luma Aiub

Preste atenção na diversidade da programação. Na junção, no agrupamento, no delírio das muitas tribos. Há pelos saraus, poetas e poetas, músicos e músicos, de estilos, estrilos, estalos e estágios variados. Tenho meus preferidos admirados e lidos, os mais amados e ouvidos. Mas não sou cri-crítico musical ou literário a apontar defeitos, descobrir versos vagos

Por Arnaldo Afonso

30/08/2018, 11h38

A ARTE QUE INDEPENDE

Tem a Passeata do Raul, o Festival SonoraSoma, o show do Augusto Teixeira e a Festa Latino-americana

Os lókis sempre são citados lembrados chamados. Não existe passado futuro nem fronteira pra canção e pro coração. É tudo agora e misturado. E eles ainda vivem respiram e piram em todos os cantos lados épocas lugares. Esquinas estradas escolas e bares. Girando na memória como discos abraços beijos e livros. Nunca partiram. Estão sempre

Por Arnaldo Afonso

16/08/2018, 14h59

A ARTE QUE INDEPENDE

Tem Irreverência ou Morte, tem Jazz Poetry, tem Cordeirovich no Casarão e CiriloAmém no Belém

Tem o Sarau Irreverência ou Morte, homenageando Hilda Hilst. Tem Jazz Poetry, com o poeta convidado Ademir Assunção. Tem show de Giliane & Gusmão. Tem Bezão e o Folk na Kombi. Tem CiriloAmém na Boutique Vintage. Tem Cordeirovich & Vladinski no Casarão. Tem Carol Naine (com Blubell) no ceu Butantã. Tem lançamento do Lulalivre/Lulalivro. Tem

Por Arnaldo Afonso

02/08/2018, 15h28

A ARTE QUE INDEPENDE

Tem Sarau da Maria no Casarão, poemas para Marielle na Casa do Desejo (na Flip) e a canção ‘Nenhum Direito a Menos’

Bem, amigos do blog. A Copa acabou e descobrimos, de repente, que aquele senhor temerário voltou ao noticiário. Ele continuava lá, à frente da pátria verdeamarela, ostentando desorgulhosamente o maior índice de reprovação popular de todos os tempos. Ele, das tais ‘reformas modernizantes’, a saber: menos direitos sindicais e trabalhistas, menos aposentadoria, menos liberdades individuais,

Por Arnaldo Afonso

26/07/2018, 15h07