Nossa Mulher Positiva é Cerenebeth Ferreira, de 45 anos, estilista e co-fundadora do Fashion for Better.

1. Como começou a sua carreira?

Desde muito nova eu já queria  a minha independência financeira. Comecei a trabalhar aos 14 anos de idade, vendendo lingerie e cosméticos para amigas no colégio. Aos 20 anos de idade assumi por 10 anos o cargo de Tesoureira de uma empresa hospitalar de grande porte enquanto cursava a faculdade de ciências contábeis.  Abri o meu primeiro negócio  em sociedade com uma amiga,  após concluir o curso de Moda na Faculdade Santa Marcelina em  2008 . Após 2 anos  segui carreira solo, criando peças exclusivas para o publico de Tel Aviv em Israel. Em 2015 me conectei com a estilista de sapatos de luxo,  Francesca Giobbi, que estava lançando o projeto Fashion For Better e juntas demos continuidade e fazemos ações voltados para o empreendedorismo, capacitação de saberes manuais, comunicando sobre o  consumo consciente na moda.

  1. Como é formatado o modelo de negócios do Fashion For Better ?

Trabalho em home office e tenho parceiros prestadores de  serviços. São  dois modelos de negocio: pelo Fashion for Better junto com a Francesca, damos treinamentos a mulheres donas de casa, com os saberes manuais (crochê, bordados,tricô,macramê) e estes artesanatos são encaminhados às indústrias para finalização das peças  que serão comercializadas nos segmentos de  calçados, roupas e decoração.Desta forma damos incentivo ao empreendedorismo e empoderamento feminino. Bem como na minha marca de roupas de alfaiataria feminina que leva o meu nome – Cerenebeth Ferreira – e  utilizo todo o conceito do Fashion For Better, trabalhando os 5 pilares da sustentabilidade (social,Cultural,ambiental, tecnológico e  econômico).

  1. Qual foi o momento mais difícil da sua carreira?

Não sei se posso dizer que tenha sido difícil, pois cada obstáculo pra mim foi um grande aprendizado. E são eles que me fortalecem e que me fazem acreditar que posso seguir em frente.

  1. Como você consegue equilibrar sua vida pessoal x vida corporativa/empreendedora.

São desafios diários. Mas consigo desempenhar muito bem o papel de mãe (tenho 1 filho de 18 anos), esposa e empreendedora com muita sabedoria e paciência.

  1. Qual o seu maior sonho?

Que todos tenham a oportunidade de estudo e trabalho.

  1. Qual a sua maior conquista?

Concluir a segunda faculdade com filho pequeno, sozinha (meu esposo ajudando a distancia trabalhando  em outro Estado) e com condições financeiras restritas.

  1. Livro, filme e mulher que admira

Livro: O Poder do Agora  (ECKHART Tolle);

Filme : O Grande Desafio (com Denzel Washington);

Uma mulher: Oprah Winfrey.