Nossa Mulher Positiva é Ana Fontes; uma das profissionais mais queridas e bem relacionadas do mercado. Lutadora, foi capaz de mover montanhas em prol das mulheres. Alem da sua enorme rede e dos seus consolidados eventos, hoje tem patrocínio de empresas como Google, Itau, Pandora, Sanofi, Avon, APEX , Ultragaz, Dell entre outras. Um exemplo de mulher a ser seguida!

Como começou a sua carreira?

Eu venho de uma família muito simples e o que nos salvou foi a persistência nordestina (sou nordestina) e a educação. Estudei com muita dificuldade e tive o privilégio resultado de muito esforço de construir uma carreira corporativa mesmo passando por inúmeras dificuldades. Sou publicitária e jornalista de formação e com pós em MKT (ESPM) e Relações Internacionais (USP) e gestão executiva (FDC)

Como é formatado o modelo de negócios da RME- Rede Mulher Empreendedora?

Eu fundei a RME em 2010, quando não existiam instituições ou ações de apoio as mulheres, ela surgiu da minha necessidade tinha começado a empreender e sentia necessidade de apoio e não encontrei, após participar de um programa de capacitação vi que como eu , muitas mulheres passavam pela mesma dificuldade.

Hoje a RME cresceu tem que quase 500 mil participantes e criamos uma aceleradora de negócios chamada Herd  www.herd.com.br para acelerar negócios liderados por mulheres e também o Instituto RME uma ONG para apoiar mulheres em situação de vulnerabilidade social que recebeu um apoio/ doação do Google  de 1 milhão de dólares para escalar uma metodologia de capacitação  para mulheres.

Qual foi o momento mais difícil da sua carreira?

O momento mais difícil foi tomar a decisão de deixar a carreira corporativa e seguir no mundo dos empreendedores, hoje olhando para trás vi que tomei a decisão mais acertada, mas na época eu só tinha dúvidas e medos. Deixar uma carreira corporativa com segurança, bom salário, benefícios, não foi uma decisão  fácil, principalmente porque temos 2 duas filhas.

Como você consegue equilibrar sua vida pessoal x vida corporativa/empreendedora?

Não consigo rsrsrs , de verdade a imagem de mulher maravilha não serve pra mim, acredito que ela só cria uma culpa enorme nas mulheres porque pressupõe que temos que dar conta de tudo e não podemos. Para equilibrar, tenho um marido, companheiro incrível de todas as horas que divide as tarefas com as meninas, a casa e nossa família. Delego bastante na vida profissional e não tenho medo de pedir ajuda, só assim consigo equilibrar tudo.

Qual o seu maior sonho?

Não precisar lutar pela causa das mulheres, porque viveremos numa sociedade com equidade e justa para todas as pessoas, sem mulheres sofrendo violência ou preconceito só por serem mulheres.

Qual a sua maior conquista?

Minhas filhas com certeza este é nosso maior desafio. Profissionalmente minhas maiores conquistas, representar o Brasil no G20/W20 como delegada líder e conquistar a doação de 1 milhão de dólares para ajudar mulheres em situação de vulnerabilidade.

Livro, filme e mulher que admira.

Filme: JOY

Livro: Djamila Ribeiro , quem tem medo do feminismo negro.

Mulher que admiro: Nossa são tantas, mas ando muito apaixonada pela Conceição Evaristo.