Fabi Saad, Sofia Patsch e Esther Schattan. Foto: Arquivo pessoal

Empresária confessa que já sofreu preconceito por ser mulher no mercado de trabalho e enfatiza a importância de movimentos em prol de trabalhos sociais; “São os espelhos que queremos para os nossos filhos”