A CasaCor 2019 abriu as portas na última terça, em São Paulo, com 75 ambientes repletos de inspiração e boas ideias, todas guiadas pelos conceitos de sustentabilidade, tecnologia e afeto, pilares do tema Planeta Casa. Para quem é fã da mostra, muitas vezes, pode parecer difícil – e, principalmente, caro – aplicar algumas soluções dos arquitetos e designers na decoração de casa, mas, muitas delas podem ser executadas, acredite! Basta um olhar atento e mãos à obra. 

(Anelisa Lopes escreve sempre às terças sempre às terças. Acompanhe alguns de seus projetos e referências no Instagram: @a81_design)

Agregar com divisória

Herança arquitetônica árabe, o muxarabi é uma solução prática para ventilar e iluminar sem causar uma ruptura no ambiente. No espaço de Nildo José, o muxarabi exerceu papel de destaque não só na parte do lavatório, mas também no teto, separando, mas, ao mesmo tempo, unindo os ambientes, criando uma composição harmônica. Outra vantagem deste recurso está no fato de poder brincar com o desenho da tela de madeira e ainda não exigir quebra-quebra de obra. 

Lavatório escondido por muxarabi (foto: arquivo pessoal)

Parede cheia de vida

Nem só de quadros vive uma parede. Plantas, caixas de acrílico com objetos de memória, discos e vinil e livros emoldurados, e até objetos inusitados pendurados de maneira criativa podem enfeitar e dar vida a uma parede sem cair na velha e conhecida tática de colocar quadros.  

O tradicional gancho de samambaia carrega elementos dentro de potes de vidro (foto: arquivo pessoal)

Roupeiro aparente sem bagunça

No espaço de Renato Mendonça, um roupeiro intercala prateleiras e dá vida a um móvel que pode servir para pendurar e guardar roupas, mas também expor objetos. O toque final fica por conta da iluminação indireta promovida pelo led atrás do móvel. Uma solução prática e mais em conta que planejar um armário. É preciso, no entanto, ficar longe da bagunça e manter o local sempre em ordem! 

Roupeiro com prateleira e muita organização (foto: arquivo pessoal)

Bolsa que vira vaso

As plantas normalmente são acomodadas em vasos, mas que tal ousar um pouco e pensar em cestos, tachos ou até mesmo bolsas para colocar sua plantinha? O ideal é forrar e compor a criação com outros elementos, como bancos, poltronas e vasos tradicionais. 

Bolsa que virou vaso e virou protagonista do ambiente (foto: arquivo pessoal)

Jogo de luz

Que tal substituir a tradicional cortina de voil ou linho por um tecido diferenciado na textura e no recorte para que ela se torne um elemento de destaque no espaço? Neste caso, é sempre bom lembrar que a cortina não vai bloquear a luz, mas fazer uma brincadeira na iluminação natural. Vale a pena estudar o ambiente para compor este jogo de luzes. 

Cortina diferenciada para fazer jogo de luz natural no espaço (foto: arquivo pessoal)